Programa transforma uniformes antigos em cobertores para quem precisa

FedEx Express

A FedEx Express anunciou recentemente que transformou, pelo quarto ano consecutivo, uniformes antigos em cobertores para pessoas de baixa renda. O projeto nasceu do desejo da companhia de encontrar uma maneira de fazer o descarte das peças, considerando fatores ambientais, sociais e econômicos.

Neste ano, o volume de uniformes recolhidos nas filiais foi 37% maior em comparação com o ano passado, o que permitiu à empresa aumentar o número de cobertores produzidos, totalizando 2.200 peças.

Deste total, 1.700 cobertores serão doados para ONGs que atendem pessoas em situação de rua, e, dando continuidade à ação iniciada no ano passado, 500 cobertores menores serão entregues para ONGs que cuidam de animais para adoção. Cerca de 20 instituições serão beneficiadas.

Para produzir os cobertores, a FedEx contou com o apoio da Retalhar, negócio socioambiental especializado no desenvolvimento de projetos para a destinação correta de uniformes. A instituição coordenou todo o trabalho de coleta, triagem, higienização e adequação dos uniformes para transformá-los em cobertores, atividades realizadas em conjunto com a cooperativa de materiais recicláveis YouGreen.

Criado em 2015 pela FedEx Express no Brasil, o projeto cresce ano a ano, mostrando o comprometimento da empresa com a redução de nossa pegada ambiental e aumento do impacto social nas comunidades em que estamos inseridos”, disse Américo Pereira, vice-presidente de Operações da FedEx Express no Brasil.

O programa reflete os quatro pilares de responsabilidade social da empresa:

  1. Desenvolvimento Econômico: graças ao trabalho das cooperativas locais para preparar as peças que serão transformadas em cobertores;
  2. Meio ambiente: por transformar um passivo ambiental em ativo social, evitando a emissão de 88,74 toneladas de CO2 no meio ambiente (valor calculado com base na produção de 5.590 cobertores, montante acumulado desde o início do programa segundo o relatório do projeto preparado pela Retalhar);
  3. Pessoas: considerando os esforços voluntários de colaboradores da empresa para entregar as peças;
  4. Comunidade: reforçando o compromisso da FedEx Express com as regiões onde opera.

Para produzir os cobertores foram utilizadas 2,5 toneladas de tecidos, valor 35% superior em relação a 2017, quando foram arrecadados 1,6 tonelada de tecidos e confeccionados 1.665 cobertores.

// EcoD

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Caminhão com dobro do peso autorizado causou queda de ponte na França

O desabamento de uma ponte no sul da França, que causou a morte de duas pessoas na manhã de segunda-feira (18), foi provavelmente provocado pela passagem de um caminhão que pesava mais de 40 toneladas, …

Suécia suspende investigações de estupro contra Julian Assange

Autoridades da Suécia anunciaram nesta terça-feira (19) que vão desistir das investigações de estupro contra Julian Assange, fundador do WikiLeaks, que segue preso em Londres. Depois de terem sido suspensas em 2017, as investigações foram …

Novo mapa de Titã revela que a lua de Saturno é coberta por material orgânico

Cientistas montaram o primeiro mapa geológico global de Titã, uma das principais luas de Saturno, graças aos dados fornecidos pela sonda Hyugens — lançada em 1997 com a missão Cassini. Além de ser a única lua …

Desmatamento na Amazônia atinge maior nível desde 2008

Entre agosto de 2018 e julho de 2019, o desmatamento da Floresta Amazônica cresceu 29,5% em comparação com os 12 meses anteriores. Ao todo, a floresta perdeu uma área de 9.762 km² (equivalente a sete …

Conheça a vodka feita de ‘nada’, produzida a partir de energia solar, água e CO2

Bebida originária da Europa Oriental, a vodka é um destilado que pode ser obtido a partir do arroz, cevada, milho, trigo, centeio e até ervas. E se a gente te contasse que um grupo de empreendedores …

EUA mudam posição histórica e afirmam que colônias de Israel não são ilegais

Os Estados Unidos afirmaram nesta segunda-feira (18) que não consideram mais os assentamentos de Israel na Cisjordânia ocupada uma quebra do direito internacional. A mudança foi anunciada pelo secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, que …

Trump poderá depor no inquérito sobre seu impeachment na Câmara dos Representantes

O presidente Donald Trump anunciou nesta segunda-feira  que poderá testemunhar no comitê de investigação da Câmara dos Representantes, que avalia a possibilidade de pedir seu impeachment. O pedido foi feito pela líder dos democratas, Nancy …

Buraco negro supermassivo disparou estrela em altíssima velocidade

Há cerca de cinco milhões de anos uma estrela foi lançada do buraco negro supermassivo que fica no centro da Vial Láctea, Sagittarius A. Os cientistas imaginam que a velocidade inicial era de milhares de …

Ataque a tiros deixa mortos em festa de quintal na Califórnia

Quatro pessoas morreram e ao menos seis ficaram feridas neste domingo em um novo ataque com arma de fogo no estado da Califórnia, nos Estados Unidos. Familiares e amigos assistiam a um jogo de futebol no …

Jovem norueguesa monitora quase 500 perfis nas redes sociais para evitar suicídios

Ingebjørg Blindheim tem 22 anos e já ganhou o apelido de “salva-vidas”. A norueguesa monitora quase 500 perfis nas redes sociais buscando identificar usuários que possam estar próximo de cometer suicídio. Quando percebe uma situação de …