Se não colonizar a Lua e Marte em 30 anos, a humanidade pode ser extinta

lwpkommunikacio / Flickr

O físico teórico Stephen Hawking - provavelmente, o maior de nosso tempo.

O físico teórico Stephen Hawking – provavelmente, o maior de nosso tempo.

A opinião não é nova. Mas o cientista britânico Stephen Hawking voltou a reforçar nesta semana que os seres humanos precisam pensar em abandonar a Terra em até 30 anos, sob pena de serem extintos. E para isso, a Lua e Marte aparecem como opções viáveis.

Participando do festival científico Starmus, em Trondheim, na Noruega, Stephen Hawking voltou a afirmar que as mudanças climáticas e a superpopulação são os dois principais adversários da luta do homem pela própria sobrevivência no futuro.

“Estou convencido que os humanos precisam abandonar a Terra”, afirmou o cientista, em declarações reproduzidas pelo jornal britânico The Telegraph. “O planeta está se tornando muito pequeno para nós, e nossos recursos naturais estão se esgotando em velocidade alarmante”.

Ainda de acordo com Hawking, parte do problema passa pelo próprio comportamento da humanidade nas últimas décadas. “Demos ao nosso planeta um presente desastroso, que é a mudança climática, subindo as temperaturas, reduzindo as calotas polares, deflorestando e aniquilando espécies de animais”.

O raciocínio do cientista acompanha a história da humanidade. Ele lembrou que antes, “quando chegamos a uma crise similar, sempre havia algum lugar para colonizar”, mencionando o “novo mundo” encontrado por Cristóvão Colombo em 1492, quando o navegador de Gênova, na Itália, chegou à América Central.

Agora não há nenhum novo mundo, não há utopia logo ali na esquina. Estamos esgotando todos os espaços e os únicos lugares para irmos são outros mundos”, sentenciou Hawking.

Além dos riscos internos, a Terra ainda pode ser alvo de um asteróide, como já ocorreu no passado. “Não se trata de ficção científica, mas sim daquilo que está garantido pelas leis da física e da probabilidade”, emendou, dizendo ainda que “corremos o risco de ficar e sermos aniquilados”.

Planos para ir ao espaço não faltam. A China pretende mandar um astronauta à Lua em breve, ao passo que a NASA trabalha para enviar o homem a Marte até 2030, segundo os cálculos mais recentes.

Se isso ocorrer, poderá “mudar completamente o futuro da humanidade”, assim como “também poderia determinar se teremos algum futuro”, segundo Hawking.

O cientista britânico estima, segundo seus cálculos, que uma base lunar poderia estar de pé em 30 anos, enquanto um posto semelhante em Marte levaria 50 anos para se tornar uma realidade. Hawking ainda mencionou o ‘Próxima B’, planeta do sistema solar de Alfa Centauro, que teria condições semelhantes às da Terra e que foi descoberto recentemente.

Além de levar grandes contigentes de pessoas, animais, plantas e outros seres vivos – em um cenário digno da fábula da Arca de Noé –, a humanidade precisará “construir uma nova civilização, com um novo ecossistema”, concluiu o cientista.

Ainda de acordo com Hawking, um pequeno passo foi dado pelo bilionário russo Yuri Milner e o seu projeto Breakthrough Starshot, iniciativa que quer procurar evidências de inteligência extraterrestre ao longo de um período de pelo menos 10 anos.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Estudo de terapia com MDMA é tão poderoso que 67% dos voluntários foram curados de trauma

Um teste clínico em humanos inovador alcançou resultados extremamente estatisticamente significativos e uma excelente taxa de segurança, demonstrando que a terapia psicodélica assistida por MDMA pode ser um tratamento eficaz para transtorno de estresse pós-traumático …

Bolsonaro diz que pessoas que cumprem isolamento são "idiotas"

Presidente critica apelos para que brasileiros restrinjam os contatos sociais em meio à pandemia, que já provocou 435 mil mortes no país. "Tem alguns idiotas que até hoje ficam em casa", diz. O Presidente Jair Bolsonaro …

EUA vão fornecer 20 milhões de vacinas contra Covid-19 para outros países

Os Estados Unidos fornecerão 20 milhões de doses adicionais de vacinas contra a Covid-19 para outros países até o final de junho, elevando o total destinado ao exterior para 80 milhões de doses. O …

Demi Lovato vai comandar programa de TV investigativo sobre OVNIs

A atriz e cantora Demi Lovato está prestes a se aventurar em um desafio de outro mundo. A artista anunciou na última semana a sua participação em uma série limitada para a plataforma de streaming …

CPI da Covid: como 'isolamento vertical' pode virar arma contra Bolsonaro

Uma das linhas de investigação da CPI da Covid apura se o governo federal adotou a estratégia da imunidade de rebanho, ou seja, a obtenção da imunidade coletiva por meio da infecção da população, no …

Astrônomos continuam encontrando inexplicáveis anéis circulares misteriosos no céu

Nos últimos anos, astrônomos avistaram vários objetos de rádio gigantescos e quase perfeitamente circulares no universo distante. Embora ninguém tenha uma explicação para essas entidades misteriosas ainda, uma equipe adicionou recentemente outra ao seu catálogo, …

Conflito tem seu dia mais sangrento em Gaza

Bombardeios israelenses deixam pelo menos 42 palestinos mortos e elevam total de vítimas a 188. Netanyahu diz que ataques continuarão. Sem um cessar-fogo à vista, o atual conflito entre Israel e Hamas teve neste domingo (16/05) …

Apple é acusada de enganar usuários através de aplicativos fraudulentos na App Store

A Apple segue batendo recordes financeiros. No entanto, escândalos um atrás do outro aumentam a preocupação em torno da App Store. Após chamar a atenção internacional com as recentes revelações sobre a existência de cassinos ocultos …

Chile escolhe representantes para elaborar nova Constituição

O domingo foi o último dia de votação no Chile para a escolha dos redatores da nova Constituição do país. Os 155 representantes eleitos terão a tarefa de mudar o texto herdado da ditadura. …

China consegue pousar veículo não tripulado em Marte

A China conseguiu neste sábado pousar um veículo autônomo não tripulado em Marte. A fase final da operação Tianwen-1 aconteceu sem falhas, informou a TV estatal chinesa, que transmitiu um programa especial chamado Alo …