Cientistas descobrem os maiores assassinos do Universo – capazes de aniquilar galáxias inteiras

As galáxias hiperativas que existiam no despontar do Universo foram apagadas e se tornaram galáxias elípticas mortas devido a atividades extremamente intensas de buracos negros gigantes no centro delas, afirmam cientistas em artigo publicado pelo Astrophysical Journal.

Quase metade das galáxias, que rodeiam a Via Láctea, está “morta” do ponto de vista da evolução cosmológica — nelas já não nascem novas estrelas há muito tempo, por isso, pouco a pouco, vão se apagando.

Hai Fu, da Universidade de Iowa, EUA, e seus colegas descobriram provas de que os “assassinos” destas galáxias eram buracos negros hiperativos no centro delas.

“Estes quasares poderiam ter desempenhado o papel principal na extinção de galáxias mais ativas, onde estrelas nasciam a velocidades recordes. Eles [buracos negros] se tornaram ‘assassinos’ de suas galáxias por serem bastante potentes em tirar das galáxias quase todo o gás necessário para formação de estrelas futuras”, contou o cientista.

Hai Fu e seus colegas observaram algumas aglomerações mais antigas de estrelas do Universo, que pertencem a galáxias infravermelhas extremamente luminosas, segundo os cientistas. A maioria destas galáxias é coberta com um “casaco” muito sólido e grosso de poeira.

Ao observá-las, os astrofísicos se deram conta de que aproximadamente duas dezenas das últimas se encontravam nas mesmas localizações onde antes tinham sido descobertos quasares extremamente luminosos, ou seja, buracos negros supermaciços.

A descoberta foi uma surpresa para os pesquisadores, pois acreditavam que o “casulo” de poeira das galáxias infravermelhas as protegia da irradiação dos quasares.

No entanto, as observações demonstraram que os buracos negros crescem a uma velocidade extremamente alta, aumentando sua massa quase três vezes mais rápido do que as próprias galáxias.

Como acreditam os especialistas, isso lhes permitia atingir uma potência fortíssima, necessária para perfurar o “casaco” de poeira das galáxias extremamente luminosas.

De modo parecido, creem especialistas, poderiam ter aparecido todas as galáxias elípticas modernas. A resposta exata para esta pergunta só poderá ser dada em dois ou três anos, quando será lançado o telescópio espacial James Webb e outros observatórios, capazes de receber fotografias destas galáxias.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Ter um cachorro pode te ajudar a viver mais, aponta estudo

Nos últimos anos diversas pesquisas apontaram as vantagens de se ter um cachorro em casa. Nossos fiéis amigos de quatro patas são muito mais do que companheiros, mas podem nos ajudar a viver mais. É …

Desde 1970 a NASA sabe que existe vida em Marte, diz ex-engenheiro da agência

Em um artigo publicado na terça-feira (15) na revista Scientific American, Gilbert Levin, um ex-engenheiro da NASA que trabalhou nas missões Viking, faz uma afirmação polêmica: a de que, desde a década de 1970, a …

Brexit: União Europeia e Reino Unido anunciam um acordo em Bruxelas

O primeiro-ministro britânico Boris Johnson anunciou na manhã desta quinta-feira (17) que encontrou um "excelente novo acordo" para o Brexit com a União Europeia, a poucas horas da cúpula da UE para selar a saída …

Câmara dos EUA condena retirada militar do norte da Síria

Por 354 votos a 60, deputados rejeitaram decisão de Trump de abandonar forças curdas que lutavam ao lado dos EUA. Resolução contou com apoio de mais da metade da bancada republicana. A Câmara de Representantes dos …

Vacina contra o câncer de mama pode estar disponível em 8 anos, diz a Clínica Mayo

Pesquisadores da Clínica Mayo desenvolveram uma vacina contra o câncer ovário e de mama que poderia estar disponível dentro de apenas oito anos. A ideia da vacina é estimular o próprio sistema imunológico dos pacientes a …

Líder de Hong Kong abandona discurso no Parlamento após protestos

Parlamentares pró-democracia forçam Carrie Lam a interromper pronunciamento anual. Sem conseguir completar fala, chefe do Executivo faz discurso sobre futuro político da região administrativa especial da China em vídeo. A chefe do Executivo de Hong Kong, …

Barcelona se prepara para novos protestos, depois de noite tensa em aeroporto

A Catalunha se prepara para um novo dia de indignação, depois que milhares de ativistas pela independência cercaram o aeroporto de Barcelona, na segunda e terça-feira, para denunciar a condenação de seus líderes a sentenças …

Erdogan acusa militares sírios de bombardear posições turcas

Dois soldados turcos foram mortos na área de Manbij pelo Exército do governo sírio, disse o presidente turco Recep Tayyip Erdogan. No dia anterior foi noticiada a morte de mais dois soldados turcos durante um ataque …

Operação da PF amplia briga interna no PSL

A disputa pública pelo comando do PSL, o partido do presidente Jair Bolsonaro, ganhou um novo capítulo nesta terça-feira (15/10) quando agentes da Polícia Federal (PF) realizaram uma operação de busca e apreensão na casa …

Cidade na Itália proíbe Google Maps porque pessoas 'se perdem' o tempo todo

Serviços de emergência de Baunei já tiveram que resgatar 144 perdidos em dois anos devido ao Google Maps. O prefeito da cidade italiana de Baunei, Salvatore Corrias, proibiu o uso do aplicativo de localização geográfica Google …