NASA descobre em Marte informações-chave sobre a origem da vida na Terra

NASA

Possível berço da vida em Marte

A descoberta de evidências de depósitos hidrotérmicos antigos em um relevo oceânico de Marte identifica uma área do planeta que pode oferecer pistas sobre a origem da vida na Terra. Um relatório internacional recente examina as observações feitas pelo Mars Reconnaissance Orbiter da NASA (MRO).

Os autores interpretam os dados como provas de que os depósitos hidrotérmicos foram formados por água aquecida de uma parte vulcanicamente ativa da crosta do planeta indo para o fundo de um grande mar há muito tempo.

“Mesmo que nunca encontremos provas de que tenha havido vida em Marte, este local pode nos informar sobre o tipo de ambiente onde a vida pode ter começado na Terra”, diz Paul Niles, do Centro Espacial Johnson da NASA.

“A atividade vulcânica combinada com água parada proporcionou condições que provavelmente eram semelhantes às condições que existiam na Terra aproximadamente no mesmo período – quando as primeiras formas de vida estavam em evolução aqui”, disse o cientista.

Marte hoje não tem água parada nem atividade vulcânica. Os cientistas estimam que os depósitos marcianos atribuídos à atividade hidrotiônica no fundo do mar tenham cerca de 3,7 bilhões de anos.

As condições hidrotérmicas submarinas na Terra durante aproximadamente o mesmo período são um forte candidato para a questão sobre onde e quando começou a vida na Terra.

A Terra ainda tem essas condições, onde muitas formas de vida prosperam em energia química extraída de rochas, sem luz solar. Mas devido à crosta ativa da Terra, o planeta possui pouca evidência geológica direta preservada do tempo em que a vida começou.

A possibilidade de atividade hidrotermal submarina dentro de luas geladas como Europa, em Júpiter, e Encélado, em Saturno, fazem delas possíveis destinos na procura de vida extraterrestre.

As observações do Espectrômetro de Reconhecimento Compacto de MRO para Marte (CRISM) forneceram os dados para a identificação de minerais em depósitos maciços na bacia de Marte Eridania, localizada em uma região com algumas das mais antigas crostas expostas do planeta vermelho.

“Este local nos dá uma história convincente sobre um mar profundo e de longa duração e um ambiente hidrotermal de águas profundas. É evocador dos ambientes hidrotermais do mar profundo na Terra, semelhante aos ambientes onde a vida pode ser encontrada em outros mundos – vida que não precisa de uma atmosfera agradável ou superfície temperada, mas apenas pedras, calor e água”, aponta Niles.

Niles é coautor do artigo publicado revista Nature Communications, escrito com o autor principal Joseph Michalski, que iniciou a análise no Museu de História Natural de Londres e com coautores do Instituto de Ciências Planetárias em Tucson, nos EUA, e o Museu de História Natural dos EUA.

Os cientistas estimam que o antigo mar de Eridania ocupava cerca de 210 mil quilômetros cúbicos de água, tanto quanto todos os outros lagos e mares nos primórdios de Marte combinados, e cerca de nove vezes mais do que o volume combinado de todos os Grandes Lagos na América do Norte.

A mistura de minerais identificados a partir dos dados do espectrômetro, incluindo serpentina, esteatita e carbonato, e a forma e textura das camadas de rocha grossa, levaram a identificar possíveis depósitos hidrotérmicos do fundo marinho.

A área possui fluxos de lava que datam do desaparecimento do mar. Os cientistas citam estes fluxos como prova de que esta é uma área da crosta de Marte com uma suscetibilidade vulcânica que também poderia ter produzido efeitos anteriormente, quando o mar estava presente.

O novo trabalho acrescenta à diversidade de tipos de ambientes úmidos para os quais existe prova em Marte, incluindo rios, lagos, deltas, mares, fontes termais, águas subterrâneas e erupções vulcânicas sob o gelo.

“Os antigos depósitos hidrotermais em águas profundas na bacia de Eridania representam uma nova categoria de alvo astrobiológico em Marte. Os depósitos de lençóis freáticos de Eridania não são apenas de interesse para a exploração de Marte, eles representam uma janela para o início da Terra”, afirma o relatório.

A primeira prova da vida na Terra vem dos depósitos do fundo do mar de origem e idade semelhantes, mas o registro geológico desses ambientes da Terra primordial estão mal preservados.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Mark Zuckberg abre guerra contra seus funcionários ao não banir posts de Trump

E eis que Mark Zuckerberg terá semanas agitadas pela frente no que se refere à administração de seus funcionários. Isso porque o CEO e co-fundador do Facebook afirmou na última terça-feira que não fará nada …

Em 24 horas ocorrem 11 terremotos na área do Parque de Yellowstone

O parque nos EUA, conhecido por suas características geotérmicas e vida selvagem, está situado em cima de um supervulcão que, se entrar em erupção, pode causar enorme devastação na Terra. Em 24 horas, em uma área …

Mais uma vez os Simpsons previram tudo que está acontecendo nos EUA agora

Os roteiristas de “Os Simpsons ” ficaram conhecidos por prever diversos acontecimentos mundiais, da eleição de Donald Trump ao final de Game of Thrones. Parece que a bola de cristal da animação voltou a funcionar …

Brasil ultrapassa 30 mil mortes por covid-19

Em novo recorde, país registra 1.262 óbitos em um dia, elevando total para 31.199. Casos confirmados em 24 horas passam de 28 mil, chegando a 555.383. Apenas Reino Unido, Itália e EUA contabilizam mais de …

Suécia vai abrir “CPI da Covid-19” para saber se governo fez bem ao não isolar a população

Desde o início da pandemia do novo coronavírus, a Suécia tem ido na contramão de seus vizinhos. O país escandinavo preferiu manter um ritmo quase normal em suas atividades e não impôs o confinamento …

Uber testa modalidade que permite ao usuário reservar carro por hora

Na tentativa de achar novas fontes de receita para seu negócio de corridas compartilhadas, seriamente afetado pela COVID-19, a Uber está testando uma nova modalidade, focada nos passageiros que precisam fazer viagens mais longas e …

Revelada razão de comportamento instável de estrelas perto dos centros galácticos

Estrelas de ramo horizontal extremo são mais brilhantes e têm um ciclo de vida inferior ao das estrelas comuns, de acordo com um novo estudo. Os astrônomos estudaram o comportamento de um tipo especial de estrelas, …

Trump ameaça acionar Forças Armadas para conter protestos

No 7.º dia de manifestações antirracismo, Presidente dos EUA critica inação de governadores e promete enviar milhares de soldados para pôr fim a distúrbios. Visita de Trump a igreja é criticada como tentativa de autopromoção. O …

Não é apenas o coronavírus: surto de ebola retorna ao Congo

Foi confirmada, pelo ministro da Saúde do Congo, a descoberta de novos casos de Ebola na província de Équateur. O último surto do vírus altamente mortal ocorreu em 2018 e matou 33 pessoas no país. O …

Coronavírus: São Paulo se prepara para reabertura com 70% de leitos ocupados

O governo estadual de São Paulo ordenou a reabertura gradual dos estabelecimentos comerciais a partir dessa terça-feira (2). A gestão diz se basear no índice de infecções do novo coronavírus por cidade. Mesmo com 70% …