Leonardo da Vinci não pintou “Salvator Mundi”, garante historiador de arte

Justin Lane / EPA

“Salvator Mundi”, de Leonardo da Vinci, foi vendido no leilão Christie’s em novembro

O quadro “Salvator Mundi”, que em novembro bateu todos os recordes ao ser vendido por 450 milhões de dólares, pode não ser obra de da Vinci.

Em novembro, o quadro “Salvator Mundi” foi vendido pelo valor recorde de de 450 milhões de dólares, cerca de R$ 1,6 bilhão. A pintura representa Cristo com um globo de vidro na mão e foi apresentada como “o último da Vinci“, tendo sido confirmada com um dos menos de 20 quadros de Leonardo da Vinci que foram encontrados.

Agora, nove meses depois da compra, um dos principais estudiosos da obra de Leonardo da Vinci colocou em jogo a autoria da pintura. O historiador de arte na Universidade de Oxford, Matthew Landrus, acredita que a maioria do quadro foi pintada por Bernardino Luini, um dos assistentes do artista italiano.

Dessa forma, o historiador considera Bernardino Luini o “pintor primário” da obra, isto porque da Vinci só teria participado em 5 a 20% do resultado final, garante. Ao jornal britânico The Guardian, o especialista disse que, “ao olhar para as várias versões dos trabalhos dos estudantes de Leonardo, podemos ver que o Luini pinta tal e qual o trabalho que podemos ver no ‘Salvator Mundi’”.

Os principais pontos de contato entre a obra e alguns trabalhos de Luini se encontram na representação do ouro e das vestes.

“Além disso, a face de Cristo em ambas as pinturas tem uma modelação muito similar e as abordagens são muito parecidas. Os ombros de Cristo também são muito parecidos“, afirma o historiador, comparando o “Salvator Mundi” com o quadro “Cristo entre os doutores”, exposto na National Gallery, em Londres.

Ao famoso artista italiano atribui a sofisticação da técnica do sfumato presente na pintura, isto é, “as suaves graduações de sombra que evitam contornos perceptíveis ou mudanças dramáticas de tons”.

Na verdade, são vários os especialistas que têm dúvidas quanto à autoria do quadro. Michael Daley, diretor da ArtWatch UK, apontou a falta do “naturalismo e complexidade de postura” de da Vinci na pintura, considerando a teoria de Matthew Landrus “muito interessante”.

E a história dá a eles razão: segundo o Observador, em 1900, quando comprado por Sir Charles Robinson, “Salvator Mundi” foi, de fato, atribuído a Bernardino Luini.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Fóssil de pterossauro nunca antes visto de 100 milhões de anos é descoberto na China

Um novo gênero e uma nova espécie de pterossauro dsungaripterídeo, que viveu durante o Cretáceo Inferior, foram catalogados na China após análise de uma mandíbula inferior incompleta. Pterossauros eram répteis voadores que viveram simultaneamente com os …

A consciência é um campo energético: afirma estudo

Uma nova ideia incomum em neurociência sugere que nossa consciência é derivada de um campo de ondas eletromagnéticas emitidas pelos neurônios quando disparam suas cargas elétricas. A ideia é que essas ondas de atividade elétrica sejam …

Pais gays viram alvo de investigações na Rússia

Alguns anos atrás, o advogado Vladimir (nome modificado), morador de uma grande cidade russa, decidiu ter um filho com o auxílio de uma mãe de aluguel. Sua família inteira ficou contente quando uma menina nasceu. …

Líbano: Saad Hariri volta ao posto de primeiro-ministro para formar novo governo

Saad Hariri foi nomeado novamente primeiro-ministro do Líbano, com o desafio de chegar a um acordo com as várias forças políticas do país e formar um governo capaz de realizar as reformas necessárias para …

Alunos incentivam câmeras ligadas para que professores não ‘falem’ com telas em branco

Para amenizar a sensação de solidão de professores em aulas online, alunos norte-americanos começaram a usar o TikTok para incentivar mais estudantes a abrirem as câmeras durante encontros educacionais à distância. A usuária da rede social …

Identificada a causa da maior extinção em massa na história da Terra

A vida na Terra tem uma história longa, mas também extremamente turbulenta. Em mais de uma ocasião, a maioria de todas as espécies foi extinta e uma biodiversidade já altamente desenvolvida reduziu para um mínimo …

Cães farejadores de covid: eficazes e baratos, mas esnobados

A Europa está em pânico em meio ao segundo surto de covid-19, com taxas de contágio explodindo e os PIBs despencando. A Bélgica acaba de anunciar que não mais testará cidadãos assintomáticos, mesmo que tenham …

Bolsonaro é avaliado positivamente por 37% da população, diz pesquisa

Entre os que souberam do dinheiro na cueca do senador Chico Rodrigues (52%), 74% não mudaram sua avaliação sobre o presidente Bolsonaro. Os que mais mudaram de opinião foram os pesquisados com ensino superior (26%) …

Tribunal Constitucional da Polônia invalida direito ao aborto por malformação do feto

O Tribunal Constitucional da Polônia invalidou nesta quinta-feira (22) uma disposição que permitia a interrupção voluntária da gravidez (IVG) em caso de malformação do feto. Uma vez que a decisão entre em vigor, apenas o …

Estudo descobre 1,8 bilhão de árvores no deserto do Saara e no Sahel

Um estudo publicado na revista Nature descobriu que na região do Saara Ocidental e no Sahel, há mais de um bilhão de árvores. No meio da aridez do local, a surpreendente descoberta colocou um novo …