Em BH, prefeitura autoriza reabertura de parques fechados devido à febre amarela

milsimminas / Flickr

Parque das Mangabeiras na capital mineira

Parque das Mangabeiras na capital mineira

Os parques de Belo Horizonte que estavam fechados devido ao surto de febre amarela em Minas Gerais serão reabertos à visitação em breve. A Secretaria Municipal de Saúde avaliou que a situação da doença está sob controle e decidiu autorizar o acesso do público a estes espaços.

Estavam fechados, como medida preventiva para proteção da população, o Parque das Mangabeiras, o Parque da Serra do Cipó e o Parque Jacques Cousteau. Apesar da reabertura, a secretaria recomenda aos frequentadores que estejam com a vacinação em dia.

Apesar da intensidade do surto em Minas Gerais, a capital não registrou nenhum caso de transmissão da doença para humanos. Por outro lado, três macacos encontrados mortos em Belo Horizonte tiveram testes positivos para o vírus da febre amarela, 11 tiveram resultado negativo e 31 ainda não foram confirmados.

O Parque das Mangabeiras, na região centro-sul, está interditado desde o dia 23 de fevereiro, somando 82 dias fechado.

Hoje (16) ele recebe a visita de alunos de uma escola. Por enquanto, apenas instituições de ensino poderão organizar passeios voltados para a educação ambiental, mediante agendamento prévio. A reabertura ao público em geral é prevista para o mês que vem.

Já o Parque da Serra do Curral, na região centro-sul, também fechado em fevereiro, está em manutenção. Segundo a Fundação de Parques Municipais, ainda não há data para liberar o acesso ao público.

O Parque Jacques Cousteau, na região oeste de Belo Horizonte, deverá ser reaberto ainda esta semana. A decisão será tomada em uma reunião que será realizada hoje (16). O parque está interditado desde o dia 13 de fevereiro.

A febre amarela atinge humanos e macacos e é causada por um vírus da família Flaviviridae. No meio rural e silvestre, o vírus é transmitido pelos mosquitos Haemagogus e Sabethes. Em área urbana, o vetor é o Aedes aegypti, o mesmo da dengue, do vírus Zika e da febre chikungunya.

Segundo o Ministério da Saúde, a transmissão da febre amarela no Brasil não ocorre em áreas urbanas desde 1942. No atual surto, nenhum dos casos foi considerado urbano.

A vacina é a principal medida de combate à febre amarela. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, a campanha de imunização desenvolvida em Belo Horizonte possibilitou alcançar uma cobertura vacinal de quase a totalidade da população da capital.

Transmissão reduzida

O surto de febre amarela no início deste ano é considerado o maior no Brasil desde 1980, quando o Ministério da Saúde passou a disponibilizar dados da série histórica.

De acordo com levantamento da pasta, divulgado na última sexta-feira (12), a doença já levou a morte 259 vítimas em 2017. Até então, a situação mais grave havia ocorrido em 2000, quando morreram 40 pessoas em todo país.

Ainda não há explicações científicas sobre a intensidade do surto. Um grupo de especialistas de diferentes estados do Brasil se articulou para investigar a relação entre a doença e a degradação do meio ambiente.

Por sua vez, a Fundação Oswaldo Cruz identificou oito alterações genéticas do vírus e vem pesquisando se estas mutações o teriam deixado mais agressivo.

De toda forma, desde março, o ritmo de transmissão da doença vem diminuindo. Em Minas Gerais, a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) divulgou o último boletim no dia 26 de abril. Até esta data, houve confirmação para febre amarela em 151 óbitos no estado e outros 24 estavam em investigação.

Ao todo, os municípios mineiros contabilizaram 1.139 notificações para a doença, sendo que 427 casos foram confirmados, 554 descartados e os 158 restantes ainda estão em análise.

O boletim do dia 26 de abril trouxe apenas nove notificações a mais do que o registrado nas duas semanas anteriores. Entre os levantamentos dos dias 19 e 12 de abril, a transmissão da febre amarela em Minas Gerais se mostrou estável. Em ambas as datas, o número de notificações se manteve em 1.130.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Cientistas encontram maior e mais antigo monumento da civilização maia no México

Pesquisadores da Universidade do Arizona (EUA) descobriram a mais antiga construção monumental da civilização maia já encontrada até agora e a maior de toda a história pré-hispânica da região. O estudo, publicado na revista Nature, foi …

Herdeiro da Samsung pode voltar a ser preso

O herdeiro da Samsung, Lee Jae-yong, pode ter de voltar à prisão. Procuradores de justiça da Coreia do Sul pediram nesta quinta-feira (4) uma nova detenção do antigo diretor da gigante como parte de uma …

Escolas ao ar livre criadas para combater a tuberculose no início do século 20

Em 1904, surgia nas proximidades de Berlim a primeira escola ao ar livre do mundo. A Waldschule für kränkliche Kinder havia sido criada por Walter Spickendorff em conjunto com o pediatra Bernhard Bendix e o …

Fígados humanos foram criados em laboratórios e transplantados em ratos com sucesso

Uma equipe internacional liderada por pesquisadores do Departamento de Patologia da Universidade de Pittsburgh (EUA) criou pequenos fígados através de engenharia genética utilizando células da pele humanas, e em seguida os transplantaram com sucesso em …

Governo alemão anuncia pacote de estímulo de 130 bilhões de euros

Merkel afirma que resposta "corajosa" é necessária para impulsionar a economia do país, abalada pela pandemia de covid-19. Medidas anunciadas incluem auxílios à indústria e às famílias e incentivos ao consumo. Os partidos que integram a …

Mark Zuckberg abre guerra contra seus funcionários ao não banir posts de Trump

E eis que Mark Zuckerberg terá semanas agitadas pela frente no que se refere à administração de seus funcionários. Isso porque o CEO e co-fundador do Facebook afirmou na última terça-feira que não fará nada …

Em 24 horas ocorrem 11 terremotos na área do Parque de Yellowstone

O parque nos EUA, conhecido por suas características geotérmicas e vida selvagem, está situado em cima de um supervulcão que, se entrar em erupção, pode causar enorme devastação na Terra. Em 24 horas, em uma área …

Mais uma vez os Simpsons previram tudo que está acontecendo nos EUA agora

Os roteiristas de “Os Simpsons ” ficaram conhecidos por prever diversos acontecimentos mundiais, da eleição de Donald Trump ao final de Game of Thrones. Parece que a bola de cristal da animação voltou a funcionar …

Brasil ultrapassa 30 mil mortes por covid-19

Em novo recorde, país registra 1.262 óbitos em um dia, elevando total para 31.199. Casos confirmados em 24 horas passam de 28 mil, chegando a 555.383. Apenas Reino Unido, Itália e EUA contabilizam mais de …

Suécia vai abrir “CPI da Covid-19” para saber se governo fez bem ao não isolar a população

Desde o início da pandemia do novo coronavírus, a Suécia tem ido na contramão de seus vizinhos. O país escandinavo preferiu manter um ritmo quase normal em suas atividades e não impôs o confinamento …