Estudante descobre sozinha desvio milionário no sistema de bolsas da UFPR

(dr) Henry Milleo / Gazeta do Povo

A estudante Débora Sögur Hous colou, nas paredes do apartamento em que mora os dados coletados que ajudaram a revelar uma rede envolvida no desvio de recursos públicos

A estudante Débora Sögur Hous colou, nas paredes do apartamento em que mora os dados coletados que ajudaram a revelar uma rede envolvida no desvio de recursos públicos

Essa é uma daquelas histórias que poderiam muito bem ser o enredo de um filme sobre jornalismo investigativo.

Aos 25 anos, a estudante de jornalismo da UFPR Débora Sögur Hous desvendou sozinha e sem sair de casa um desvio milionário de bolsas em sua faculdade.

O interesse de Débora pelo assunto surgiu em 2014, quando uma de suas bolsas atrasou. Na época, ela recorreu ao Portal da Transparência para saber se o valor da bolsa havia sido depositado, prática que passou a seguir mensalmente. Com o tempo, a jovem começou a entender como funcionava o portal e detectar dados que fugissem ao padrão.

Ela compilou informações sobre depósitos de valores acima da média que eram feitos para um pequeno número de pessoas – a maioria das bolsas eram depositadas para centenas de pessoas em uma mesma ordem de pagamento.

Com os dados em mãos, mas sem saber como sistematizar as informações, Débora procurou aprender mais sobre técnicas de jornalismo investigativo.

Para isso, fez dois cursos na Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji), mais dois na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e também uma oficina do coletivo Livre.jor. Juntando as informações obtidas com os dados que havia coletado, Débora conseguiu entender sozinha como a rede de pagamentos funcionava.

Ela cruzou as informações coletadas com dados públicos do Google e do Facebook e percebeu que algumas das bolsas mais altas eram concedidas a pessoas sem nenhum vínculo com a universidade, como uma cabeleireira, um taxista e uma artesã.

Em janeiro deste ano, a estudante entrou em contato com o jornal Gazeta do Povo, que já trabalhava em uma reportagem sobre o assunto, porém sem a mesma quantidade de dados apurada pela jovem. A apuração feita por ela confere com as informações que foram posteriormente coletadas pela Polícia Federal.

Os dados que Débora apurou passaram a ser apurados pela reportagem, que, antes de a operação “Research” da Polícia Federal ser deflagrada, já havia feito contato com mais de 30 envolvidos, alguns de outros estados, como Mato Grosso do Sul e Rio de Janeiro.

O jornal contatou os supostos bolsistas para dar o direito de explicar quais pesquisas fizeram. Alguns disseram que não tinham qualquer vínculo com a UFPR, e outros tentaram justificar os recebimentos, dizendo que haviam prestado serviços.

Graças ao levantamento de dados que havia sido feito pela estudante, foi possível avançar na cobertura e esclarecer alguns pontos.

Segundo a Gazeta do Povo, Conceição Abadia de Abreu Mendonça, responsável pela gestão do orçamento da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da universidade teria montado uma rede para destinar recursos a conhecidos e pagar despesas pessoais na conta de prestadores de serviços com o dinheiro das bolsas da UFPR.

Para Gil Castelo Branco, secretário-geral da Associação Contas Abertas, especializada em monitoramento de gastos públicos, um dos grandes avanços do combate à corrupção se deve à ampliação da transparência e do controle social.

Em declarações à Gazeta, Gil ressalta que a exigência dos portais criou uma situação inusitada: “hoje a quantidade de informações disponíveis talvez seja maior do que a nossa capacidade de analisa-las”.

Chegou bem na hora, a ajuda de Débora Sögur Hous.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Coronavírus: Reino Unido proíbe entrada de viajantes vindos da América do Sul e de Portugal por variante encontrada no Brasil

Chegadas ao Reino Unido da América do Sul e Portugal serão proibidas a partir de sexta-feira (15/01) devido a preocupações com a variante brasileira do coronavírus. O secretário de transportes, Grant Shapps, disse que a mudança …

Vacinação nacional contra a COVID-19 começa no dia 20, às 10h

Ao que tudo indica o Brasil já tem uma data oficial para o início da vacinação, em massa, contra o novo coronavírus (SARS-CoV-2). Nesta quinta-feira (14), o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, informou que a …

"Futuro assustador de extinção em massa" nos espera, elite dos cientistas alerta

O planeta enfrenta um “futuro assustador de extinção em massa, declínio da saúde e distúrbios climáticos” que ameaçam a sobrevivência humana por causa da ignorância e da inação, de acordo com um grupo internacional de …

Oferta de perfuração do Ártico tem fracasso histórico por falta de interessados

O recente leilão que oferecia arrendamentos de perfuração de petróleo no Ártico foi um fracasso. Esperava-se que a chamada atraísse muitos interessados em explorar a área no Alasca, mas a realidade foi outra. A notícia é …

Palácio mais antigo da China de 5.300 anos é descoberto perto de antiga capital

Palácio descoberto no sítio arqueológico de Shuanghuaishu, nos arredores da cidade de Zhengzhou, uma das oito capitais antigas, foi construído por volta de 3300 a.C., ou seja, tem cerca de 5.300 anos, sendo possivelmente a …

Variante da Covid-19 no Brasil faz Reino Unido banir viajantes da América Latina e Portugal

O governo britânico proibiu, nesta quinta-feira, as chegadas de todos os países da América do Sul e do Panamá, além de Portugal, em resposta à nova variante da Covid-19, descoberta no Brasil. A decisão …

CEO do Twitter defende banimento de Trump da rede social

Jack Dorsey diz que medida resulta do “fracasso” da plataforma em mediar diálogo saudável e admite que pode abrir “precedente perigoso”. Proibição veio após presidente dos EUA insuflar apoiadores que invadiram Capitólio. O CEO da rede …

O zumbido de fundo do universo pode ter sido ouvido pela primeira vez

Baseado no que sabemos sobre ondas gravitacionais, o Universo deve estar cheio delas. Cada par de buracos negros ou estrelas de nêutrons e colisão, cada supernova com núcleo em colapso — até mesmo o próprio …

Monocultura da soja destruiu mais de 30% do cerrado brasileiro entre 2004 e 2017, alerta WWF

Os 24 principais focos de desmatamento no mundo provocaram a perda de uma superfície equivalente ao tamanho do Paraguai em menos de uma década, aponta um relatório do Fundo Mundial para a Natureza (WWF, na …

Coreia do Sul eleva capacidades de combate para conter ameaça norte-coreana

A Coreia do Sul planeja elevar suas capacidades militares para conter as ameaças de mísseis de curto alcance dos norte-coreanos, declarou o Ministério da Defesa sul-coreano. A declaração ocorreu após os norte-coreanos prometerem elevar o arsenal …