Corpos mais quentes combatem melhor os tumores e as infecções

Quanto mais quente for a temperatura corporal de uma pessoa, mais rápido o seu organismo agiliza um sistema de defesa que é essencial no combate a tumores, feridas e infecções. Esta é a conclusão de uma nova pesquisa científica realizada no Reino Unido.

A pesquisa multidisciplinar, levada a cabo por matemáticos e biólogos das Universidades de Warwick e de Manchester, no Reino Unido, apurou que “pequenas subidas na temperatura (como durante uma febre) aceleram a velocidade de um “relógio” celular que controla a resposta a infecções”, salienta o comunicado sobre a pesquisa.

Os biólogos envolvidos na pesquisa descobriram que “sinais inflamatórios ativam as proteínas de ‘Fator Nuclear kappa B’ (NF-kB), para iniciarem um tique-taque” em que “se movem para trás e para a frente, dentro do núcleo da célula, onde ligam e desligam genes”, frisam os autores da pesquisa.

O processo dá início à resposta das células perante um tumor, ferida ou infecção.  “Quando a NF-κB está descontrolada, é associada com doenças inflamatórias, como a Doença de Crohn, psoríase e artrite reumatoide”, apontam os pesquisadores.

“A uma temperatura corporal de 34 graus, o relógio da NF-κ desacelera”, enquanto “a temperaturas mais elevadas do que os normais 37 graus (como em uma febre de 40 graus), o relógio da NF-κ acelera”, acrescentam.

Para perceber esse processo, os matemáticos envolvidos na pesquisa calcularam como os aumentos de temperatura corporal aceleram o ciclo. E concluíram que o fator chave pode ser uma proteína chamada A20, essencial para evitar doenças inflamatórias.

A remoção da A20 de células permitiu confirmar que “o relógio da NF-kB perdeu sua sensibilidade aos aumentos de temperatura“, é salientado no comunicado sobre o estudo.

As conclusões podem levar ao desenvolvimento de medicamentos mais eficientes e que atuem mais rapidamente, tendo como fator principal a proteína A20.

Os resultados também levam o matemático David Rand, professor da Universidade de Warwick que esteve envolvido na pesquisa, a notar que “a temperatura corporal inferior durante o sono pode fornecer uma explicação fascinante sobre como o trabalho em turnos, o jet lag ou os distúrbios do sono provocam aumento de doenças inflamatórias”.

Já o biólogo Mike White, professor da Universidade de Manchester que também integrou o estudo, destaca como podemos vir a entender melhor de que forma o ambiente e a temperatura corporal influenciam a saúde.

“Sabemos, há algum tempo, que as epidemias de gripe tendem a piorar no inverno, quando as temperaturas são mais frias” e também que “os ratos que vivem em altas temperaturas sofrem menos inflamações e câncer“, frisa Mike White, concluindo que “as mudanças podem ser explicadas por respostas imunes alteradas em diferentes temperaturas”.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA:

Tempestade de areia em Marte obrigou o Opportunity a “hibernar”

O robô Opportunity da NASA – que desde 2004 explora a superfície de Marte – perdeu o contato com a Terra. Uma enorme tempestade atingiu o planeta, privando o rover de receber energia solar, que …

Descoberto um novo tipo de fotossíntese

A maioria da vida na Terra usa luz vermelha visível para realizar o processo da fotossíntese, mas os cientistas descobriram um novo tipo de fotossíntese que usa luz infravermelha. Cientistas do Imperial College London, no Reino …

Paleontólogos descobriram as “pegadas mais antigas da Terra”

Um grupo de cientistas da China afirma ter descoberto as “pegadas mais antigas” já encontradas. Os fósseis, localizados no Yangtze Gorges, no sul da China, foram formados em trilhas paralelas na lama e datam de …

Família de Anne Frank pode ter sido traída por mulher judia

Ans van Dijk. Esse é o nome da possível informante do regime que traiu a família de Anne Frank, afirma o livro De achtertuin van het Achterhuis. Um novo livro publicado na Holanda alega que a …

Freiras mexicanas estão empenhadas em salvar o axolote da extinção

O axolote está em perigo crítico de extinção. Mas há um grupo de freiras mexicanas que estão empenhadas em salvar a espécie. O axolote é uma espécie de salamandra aquática pequena que está atualmente em perigo …

Elon Musk vai construir túnel que liga aeroporto até o centro de Chicago

O próximo desafio de Elon Musk é nada mais do que um túnel entre o centro da cidade de Chicago e o aeroporto internacional O’Hare, com carros elétricos sem motorista. A cabeça de Elon Musk não para …

Macron promete óculos, próteses dentárias e aparelhos auditivos grátis

O presidente francês, Emmanuel Macron, se comprometeu a estabelecer gradualmente, até 1º de janeiro de 2021, um reembolso de 100% a óculos, aparelhos auditivos e próteses dentárias. Esta era uma das medidas que constava no …

Terremoto de magnitude 6,1 em Osaka faz três mortos e 200 feridos

Um sismo de magnitude 6,1 provocou, nesta segunda-feira (18), pelo menos três mortos e 200 feridos em Osaka, no Japão. O tremor causou estragos em estradas, residências e zonas industriais. De acordo com a televisão pública …

Preço do diesel diminui, mas ainda não chega às bombas R$ 0,46 menor

Pela segunda semana consecutiva, o preço do diesel nos postos do Brasil recuou, segundo levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). A queda é resultado do programa de subsídios ao combustível que …

Brasil deixou de arrecadar quase R$ 355 bilhões com renúncias fiscais em 2017

Com meta de deficit primário de R$ 159 bilhões neste ano e com um teto de gastos pelas próximas duas décadas, o governo teria melhores condições de sanear as contas públicas, de acordo com o …