Deficientes visuais, intelectuais e cadeirantes participam da Meia Maratona Internacional de Floripa

(dv)

No próximo domingo (19), ocorre a Meia Maratona Internacional de Florianópolis (SC) e a novidade é que, neste ano, 48 pessoas terão uma experiência nada convencional.

Cerca de 5 mil atletas já foram confirmados e, dos 48 citados acima, 11 são deficientes visuais integrantes do Projeto Sexto Sentido e irão realizar o trajeto com corredores-guia: voluntários que se dedicam a acompanhar aqueles que não conseguem ver.

E o Instituto Paulo Escobar vai levar 37 cadeirantes e deficientes intelectuais para o evento, junto com atletas que empurrarão os seus meios de locomoção. Os dois projetos são apoiados pela Corre Brasil, organizadora do evento.

A prova é patrocinada pela Uninter e terá percursos de 21 quilômetros (km), 10 km e 5 km. As inscrições antecipadas já foram encerradas e quem quiser participar pode tentar uma das 100 últimas vagas na sexta-feira (17), das 14h às 18h, durante a entrega de kits, que acontece na Praça Sesquintenário da Polícia Militar.

No dia da maratona, os inscritos anteriormente devem levar 1kg de alimento não perecível, que será doado a entidades locais. O coordenador do Projeto Sexto Sentido, Eduardo Santos, diz que o programa tem como objetivo integrar os paratletas e formar novos atletas guias.

“Através do apoio de organizadores como a Corre Brasil, conseguimos aproximar os deficientes visuais do esporte e mostrar que eles podem quebrar barreiras e realizar sonhos”, comenta.

Integração também é a palavra-chave para Paulo Escobar, que preside o instituto homônimo. Ele conta que ouve depoimentos das famílias sobre os paratletas dormirem abraçados com as medalhas e emocionados com a troca de energia com os outros participantes.

Há um ano tínhamos quatro paratletas. Hoje são 37. As pessoas estão vendo que é possível integrar essas pessoas e proporcionar experiências únicas através do esporte”, diz. Além da corrida, a entidade trabalha também com stand-up paddle, surfe e skate para práticas adaptadas. “É um sonho se realizando”, define Paulo.

O diretor da Corre Brasil, Ricardo Ziehlsdorff, diz que o apoio a estes projetos e a outros existentes em Santa Catarina, está alinhado com os valores da empresa.

“Nós acreditamos na corrida como um esporte democrático, que pode proporcionar momentos únicos para qualquer pessoa. Através destes voluntários, ampliamos este conceito ainda mais e isso nos enche de orgulho”, afirma.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Pais gays viram alvo de investigações na Rússia

Alguns anos atrás, o advogado Vladimir (nome modificado), morador de uma grande cidade russa, decidiu ter um filho com o auxílio de uma mãe de aluguel. Sua família inteira ficou contente quando uma menina nasceu. …

Líbano: Saad Hariri volta ao posto de primeiro-ministro para formar novo governo

Saad Hariri foi nomeado novamente primeiro-ministro do Líbano, com o desafio de chegar a um acordo com as várias forças políticas do país e formar um governo capaz de realizar as reformas necessárias para …

Alunos incentivam câmeras ligadas para que professores não ‘falem’ com telas em branco

Para amenizar a sensação de solidão de professores em aulas online, alunos norte-americanos começaram a usar o TikTok para incentivar mais estudantes a abrirem as câmeras durante encontros educacionais à distância. A usuária da rede social …

Identificada a causa da maior extinção em massa na história da Terra

A vida na Terra tem uma história longa, mas também extremamente turbulenta. Em mais de uma ocasião, a maioria de todas as espécies foi extinta e uma biodiversidade já altamente desenvolvida reduziu para um mínimo …

Cães farejadores de covid: eficazes e baratos, mas esnobados

A Europa está em pânico em meio ao segundo surto de covid-19, com taxas de contágio explodindo e os PIBs despencando. A Bélgica acaba de anunciar que não mais testará cidadãos assintomáticos, mesmo que tenham …

Bolsonaro é avaliado positivamente por 37% da população, diz pesquisa

Entre os que souberam do dinheiro na cueca do senador Chico Rodrigues (52%), 74% não mudaram sua avaliação sobre o presidente Bolsonaro. Os que mais mudaram de opinião foram os pesquisados com ensino superior (26%) …

Tribunal Constitucional da Polônia invalida direito ao aborto por malformação do feto

O Tribunal Constitucional da Polônia invalidou nesta quinta-feira (22) uma disposição que permitia a interrupção voluntária da gravidez (IVG) em caso de malformação do feto. Uma vez que a decisão entre em vigor, apenas o …

Estudo descobre 1,8 bilhão de árvores no deserto do Saara e no Sahel

Um estudo publicado na revista Nature descobriu que na região do Saara Ocidental e no Sahel, há mais de um bilhão de árvores. No meio da aridez do local, a surpreendente descoberta colocou um novo …

Guerra Fria 2.0 entre EUA e China será uma batalha tecnológica, dizem especialistas

A batalha mundial pelo domínio da alta tecnologia está cada vez mais centrada em EUA e China. Com confronto aberto no caso da Huawei, especialistas do clube Valdai alertam para uma longa guerra fria tecnológica …

Combate à corrupção reduz mortalidade infantil, aponta estudo

Auditorias anticorrupção realizadas em municípios brasileiros entre 2003 e 2015 reduziram a mortalidade infantil. Esta é a principal conclusão de um estudo, conduzido por pesquisadores da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, que relacionou o …