Em Portugal, doentes arriscam a vida por cannabis medicinal

Atualmente, em Portugal, muitos doentes arriscam a vida para conseguir cannabis para uso medicinal. Deputados médicos levaram ao congresso português uma proposta que defende um debate sobre a legalização “responsável e segura” no país europeu.

O consumo de cannabis para uso medicinal já é uma realidade em Portugal. Há muitos doentes, a maioria com câncer, que já consomem cannabis medicinal. Compram a planta no mercado negro, cultivam em casa e produzem óleos utilizando produtos inflamáveis – e há quem vá à Espanha só para obter a planta.

Alguns dos pacientes que chegam a arriscar a vida para obter cannabis apelam para que o uso medicinal seja regulamentado, de modo a facilitar a obtenção da planta em Portugal, informa o Jornal de Notícias, nesta sexta-feira (2).

A regulamentação é urgente“, defende Dinis Dias, um dos fundadores da associação Cannativa, que luta pela legalização do uso da cannabis em Portugal. Além de afirmar que quem procura a planta o faz por estar “desesperado”, Dinis Dias garante que muitos dos doentes arriscam a vida ao produzir óleo de cannabis.

Na produção do óleo, os doentes usam produtos altamente inflamáveis, como é o caso do gás butano ou do álcool isopropílico.

“Enquanto os políticos discutem, o tempo passa“, avisa. A maior parte dos doentes garante que os benefícios da cannabis medicinal são muitos. Alguns contam que nunca mais precisaram tomar antibióticos e outros afirmam que, embora continuem com dores, elas são agora “suportáveis”.

A maior parte “quer atenuar os efeitos secundários da quimioterapia“, explica o médico Javier Pedraza, defendendo que a forma adequada “seria pela via oral ou vaporizada”. A Ordem dos Médicos diz haver fortes evidências dos benefícios do uso da cannabis, alertando, contudo, para o perigo de dependência ou desenvolvimento de esquizofrenia ou outras psicoses.

Ainda assim, a Ordem defende que a despenalização do cultivo da planta para autoconsumo e a produção/comercialização (em quantidades adequadas para doentes) deve merecer reflexão por parte da sociedade portuguesa, que já descriminalizou todas as drogas.

Cannabis legal para acabar com mercado negro

O antigo deputado do PSD André Almeida e o atual parlamentar Ricardo Baptista Leite levam ao congresso uma proposta que defende um debate sobre a legalização “responsável e segura” do uso da cannabis para fins terapêuticos.

Intitulada, “LEGALIZE – Estratégia para a Legalização Responsável do Uso de Canábis em Portugal”, os autores, ambos médicos, fazem uma série de recomendações, que dizem ser baseadas em evidências científicas e em experiências já realizadas em outros países.

Entre as recomendações, salienta-se que a legalização do uso da cannabis deve ter por principal objetivo “reduzir a oferta e o consumo de drogas em Portugal“, um combate mais eficaz ao tráfico e uma melhor prevenção e tratamento das dependências, aumentando os níveis de educação para a saúde da população.

“A legalização do uso de cannabis exclusivamente para fins recreativos pessoais seja limitada a adultos com idade igual ou superior a 21 anos”, recomendam os autores, que, no texto, excluem o cultivo próprio. Além disso, a compra da cannabis seria feita exclusivamente em farmácias comunitárias.

André Almeida e Ricardo Baptista Leite defendem ainda que todas as formas de publicidade ao produto sejam proibidas e que o consumo de cannabis deve ainda ser proibido em locais públicos.

O preço por grama, propõem, deve ser semelhante ao do mercado negro. “O preço final do grama de cannabis equiparado com o preço de venda no mercado ilegal para acabar com o negócio dos traficantes”, defendem.

Eles pedem, ainda, que os impostos arrecadados com a venda sirvam para reforçar os orçamentos das forças policiais e de investigação criminal envolvidos no combate ao tráfico de drogas, na prevenção de consumos, no tratamento das dependências e ainda na implementação de um programa de educação para a saúde.

Para os autores, é hora de colocar a questão da legalização da cannabis, defendendo que deve ser o PSD a promover o debate, já que a discussão do tema pelos partidos da extrema-esquerda precisa de “substância, fundamentação e responsabilidade”.

Ciberia, Lusa // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

George W. Bush: o suposto plano para matar ex-presidente dos EUA desbaratado pelo FBI

Um simpatizante do Estado Islâmico planejava assassinar o ex-presidente dos EUA George W. Bush, mas o plano foi descoberto pelo FBI (polícia federal americana), segundo autoridades dos Estados Unidos. O suspeito, um residente de Ohio, supostamente …

O que se sabe sobre misterioso surto de varíola dos macacos

Casos recentes da doença na América do Norte e Europa acenderam o alerta entre especialistas. Endêmico na África, vírus é transmitido por animais contaminados e por contato próximo prolongado entre pessoas. Autoridades de saúde na América …

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …