Em Portugal, doentes arriscam a vida por cannabis medicinal

Atualmente, em Portugal, muitos doentes arriscam a vida para conseguir cannabis para uso medicinal. Deputados médicos levaram ao congresso português uma proposta que defende um debate sobre a legalização “responsável e segura” no país europeu.

O consumo de cannabis para uso medicinal já é uma realidade em Portugal. Há muitos doentes, a maioria com câncer, que já consomem cannabis medicinal. Compram a planta no mercado negro, cultivam em casa e produzem óleos utilizando produtos inflamáveis – e há quem vá à Espanha só para obter a planta.

Alguns dos pacientes que chegam a arriscar a vida para obter cannabis apelam para que o uso medicinal seja regulamentado, de modo a facilitar a obtenção da planta em Portugal, informa o Jornal de Notícias, nesta sexta-feira (2).

A regulamentação é urgente“, defende Dinis Dias, um dos fundadores da associação Cannativa, que luta pela legalização do uso da cannabis em Portugal. Além de afirmar que quem procura a planta o faz por estar “desesperado”, Dinis Dias garante que muitos dos doentes arriscam a vida ao produzir óleo de cannabis.

Na produção do óleo, os doentes usam produtos altamente inflamáveis, como é o caso do gás butano ou do álcool isopropílico.

“Enquanto os políticos discutem, o tempo passa“, avisa. A maior parte dos doentes garante que os benefícios da cannabis medicinal são muitos. Alguns contam que nunca mais precisaram tomar antibióticos e outros afirmam que, embora continuem com dores, elas são agora “suportáveis”.

A maior parte “quer atenuar os efeitos secundários da quimioterapia“, explica o médico Javier Pedraza, defendendo que a forma adequada “seria pela via oral ou vaporizada”. A Ordem dos Médicos diz haver fortes evidências dos benefícios do uso da cannabis, alertando, contudo, para o perigo de dependência ou desenvolvimento de esquizofrenia ou outras psicoses.

Ainda assim, a Ordem defende que a despenalização do cultivo da planta para autoconsumo e a produção/comercialização (em quantidades adequadas para doentes) deve merecer reflexão por parte da sociedade portuguesa, que já descriminalizou todas as drogas.

Cannabis legal para acabar com mercado negro

O antigo deputado do PSD André Almeida e o atual parlamentar Ricardo Baptista Leite levam ao congresso uma proposta que defende um debate sobre a legalização “responsável e segura” do uso da cannabis para fins terapêuticos.

Intitulada, “LEGALIZE – Estratégia para a Legalização Responsável do Uso de Canábis em Portugal”, os autores, ambos médicos, fazem uma série de recomendações, que dizem ser baseadas em evidências científicas e em experiências já realizadas em outros países.

Entre as recomendações, salienta-se que a legalização do uso da cannabis deve ter por principal objetivo “reduzir a oferta e o consumo de drogas em Portugal“, um combate mais eficaz ao tráfico e uma melhor prevenção e tratamento das dependências, aumentando os níveis de educação para a saúde da população.

“A legalização do uso de cannabis exclusivamente para fins recreativos pessoais seja limitada a adultos com idade igual ou superior a 21 anos”, recomendam os autores, que, no texto, excluem o cultivo próprio. Além disso, a compra da cannabis seria feita exclusivamente em farmácias comunitárias.

André Almeida e Ricardo Baptista Leite defendem ainda que todas as formas de publicidade ao produto sejam proibidas e que o consumo de cannabis deve ainda ser proibido em locais públicos.

O preço por grama, propõem, deve ser semelhante ao do mercado negro. “O preço final do grama de cannabis equiparado com o preço de venda no mercado ilegal para acabar com o negócio dos traficantes”, defendem.

Eles pedem, ainda, que os impostos arrecadados com a venda sirvam para reforçar os orçamentos das forças policiais e de investigação criminal envolvidos no combate ao tráfico de drogas, na prevenção de consumos, no tratamento das dependências e ainda na implementação de um programa de educação para a saúde.

Para os autores, é hora de colocar a questão da legalização da cannabis, defendendo que deve ser o PSD a promover o debate, já que a discussão do tema pelos partidos da extrema-esquerda precisa de “substância, fundamentação e responsabilidade”.

Ciberia, Lusa // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Biden promete "esforço de guerra" contra covid-19

O novo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, divulgou nesta quinta-feira (21/01) o plano de resposta de seu governo à pandemia de covid-19, que inclui dez decretos. A estratégia amplia iniciativas que já haviam sido antecipadas …

'Não teremos escolha': Google adverte que pode bloquear seu mecanismo de busca na Austrália

Governo australiano trabalha em uma nova lei que deve governar as relações entre os meios de comunicação e as gigantes que dominam a Internet, entre as quais se destacam Google e Facebook. O Google anunciou nesta …

UE restringe viagens não essenciais, mas mantêm fronteiras internas abertas

Diante da inquietante propagação das variantes do coronavírus e a explosão de novos casos de contaminação no continente, líderes europeus, reunidos por videoconferência nesta quinta-feira, decidiram restringir as viagens não essenciais para os países …

‘Bridgerton’ abre debate sobre avó negra de rainha Elizabeth que Windsor prefere esconder

Disponível desde dezembro de 2020, a série Bridgerton, da Netflix, apresentou uma intérprete negra para viver a rainha Charlotte (1744 – 1818), a avó da rainha Elizabeth (1900 – 2002). Apesar da falta de consenso geral …

"Raios" azuis misteriosos podem ser mais comuns do que os cientistas pensavam

Entre os vários fenômenos climáticos que existem, os raios continuam enigmáticos para nós: embora tempestades não sejam tão raras, ainda não entendemos completamente as descargas elétricas geradas no céu — muito menos aquelas apelidadas de …

Dono de cachorro machucado gasta R$ 2.200 para descobrir que o bicho estava imitando o dono por solidariedade

De vez em quando, nossos amados animais de estimação provam ser ainda mais doces e solidários do que muitas pessoas. Conheça Bill — um lurcher de Londres que está imitando a mancada de seu dono …

Minas Gerais é uma das 10 regiões mais acolhedoras do mundo: ranking

Minas Gerais está entre as 10 regiões mais acolhedoras do mundo. É que diz a eleição do Traveller Review Awards 2021, que incluiu pela primeira vez uma localidade brasileira no ranking internacional divulgado todo ano. Minas …

Manaus suspende campanha de vacinação contra covid-19

Segundo prefeitura, medida visa redefinir a prioridade dentro de grupo que deve receber primeiras doses. Paralisação temporária ocorre em meio a suspeitas de desvios do imunizante para parentes de empresários. A vacinação contra a covid-19 foi …

"Estupendamente grandes": cientistas descobrem buracos negros maiores que os supermassivos

Estudo sugere a possível existência de "buracos negros estupendamente grandes", ainda maiores do que os buracos negros supermassivos já observados no centro das galáxias. Os astrônomos já estudam há algum tempo os buracos negros supermassivos (SMBHs, …

União Europeia quer acelerar vacinação contra Covid-19 em todo o bloco

Líderes europeus se reúnem em videoconferência nesta quinta-feira (21) para discutir como acelerar a campanha de imunização contra a Covid-19 nos países-membros. Na agenda, os dirigentes da União Europeia também devem debater a cooperação …