Ex-presidente da CBF é condenado a 4 anos de prisão nos EUA

Tomaz Silva / ABr

José Maria Marin, ex-presidente da CBF

O ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) José Maria Marin, de 86 anos, foi condenado nesta quarta-feira (22) em Nova York, nos Estados Unidos, a quatro anos de prisão por crimes de corrupção, lavagem de dinheiro, fraude financeira e formação de organização criminosa.

A Justiça americana considerou Marin culpado de crimes cometidos no período em que comandou a CBF (2012-2015).

A sentença foi lida pela juíza Pamela Chen, da Corte Federal do Broklyn, no distrito leste de Nova York. A juíza determinou ainda o confisco de US$ 3,35 milhões (R$ 13,63 milhões) – valor em poder de Marin – e aplicou multa de US$ 1,2 milhão (R$ 4,88 milhões).

No início da sessão, Pamela havia sugerido uma pena de 7 anos de prisão, mas acabou acatando o pedido da defesa de Marin e reduziu a sentença.

Os advogados embasaram o pedido na idade avançada de Marin e no fato de a idade média de presos nos Estados Unidos ser 36 anos.

O ex-presidente da CBF foi julgado e considerado culpado por sete crimes, que ocorreram durante seu mandado em edições da Copa América, Taça da Libertadores da América e Copa do Brasil.

Segundo a imprensa, que acompanhou o julgamento no local, Marin chorou muito ao receber o veredicto, acompanhado da esposa Neusa Marin, de 79 anos.

Atualmente, Marin está detido em uma penitenciária no bairro nova-iorquino do Brooklyn, mas a defesa pediu sua transferência, alegando más condições de tratamento aos detentos. Os advogados querem a transferência dele para uma prisão federal na Pensilvânia.

No julgamento, os defensores de Marin destacaram que ele é idoso e que, por isso, não deve ser tratado como prisioneiro comum.

Em dezembro do ano passado, ele já havia sido condenado pelos crimes da sentença desta quarta. No julgamento também foi condenado o ex-presidente da Conmebol Juan Angel Napout, por fraude bancária e organização criminosa.

Ambos foram enviados para a prisão no Broklyn em dezembro do ano passado. A acusação afirmou que Marin recebeu U$ 6,5 milhões em propina de empresas de marketing esportivos, durante negociação de contratos de comerciais dos campeonatos na América do Sul.

Marin foi extraditado em maio de 2015 para os Estados Unidos, após a investigação ter se tornado pública.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Essa “formiga-diabo” pré-histórica ataca sua presa há 99 milhões de anos

Uma linhagem extinta há tempos, nomeada afetuosamente de “formiga do inferno” ou “formiga-diabo”, foi encontrada presa em âmbar há 99 milhões de anos atrás, com sua mandíbula em formato de foice agarrada firme na presa. No …

Mataram um crocodilo de meia tonelada e 4,5 metros depois de 50 anos de perseguição

Notícia triste para quem luta pela preservação do meio ambiente. Conhecido como Demônio, um crocodilo de meia tonelada e 4,5 metros, que segundo moradores aterrorizava vilarejos na ilhas Bangka Belitung (Indonésia), foi morto na semana …

China diz que encontrou traços de coronavírus em frango brasileiro

Carga de asas de frango que chegou a Shenzhen, no sul do país asiático, foi confiscada. Funcionários da alfândega que entraram em contato com alimentos foram testados, mas exames deram negativo. Traços do novo coronavírus foram …

Vacinação em SP começa em janeiro, segundo diretor do Butantan

Com a pandemia, inúmeras empresas estão dedicadas ao desenvolvimento de uma vacina que possa ajudar na luta contra a COVID-19. Nesta quarta-feira (12), o diretor do Instituto Butantan, Dimas Tadeu Covas, afirmou que o estado …

Descoberto "Stonehenge de madeira" de 4.500 anos em Portugal

A estrutura de madeira achada é a "única na pré-história da Península Ibérica", explicou o arqueólogo que lidera as escavações. Durante uma escavação no sítio arqueológico de Perdigões, arqueólogos descobriram uma estrutura para fins cerimoniais de …

Coronavírus reaparece na "protegida" Nova Zelândia e gera alerta

A detecção de quatro casos de transmissão local do novo coronavírus, depois de mais de 100 dias sem o vírus, levou as autoridades da Nova Zelândia a restaurar a quarentena em Auckland, cidade mais populosa …

Viagem aos anos 90: Airbnb abrirá reservas para pernoites na última Blockbuster

Quem viveu o boom das locadoras nos anos 90 sabe que ir até uma Blockbuster ou redes semelhantes de VHS e DVDs era um verdadeiro programa de final de semana: a experiência de assistir a …

Joe Biden escolhe Kamala Harris como candidata a vice

Senadora eleita pela Califórnia pode se tornar a primeira mulher vice-presidente dos Estados Unidos, caso chapa democrata derrote Donald Trump em eleição de novembro. O candidato à presidência dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou nesta terça-feira …

Bilionários do Vale do Silício apostam em bunkers para vencer fim do mundo

Esqueça a vida no espaço: bilionários do Vale do Silício estão se preparando para o apocalipse comprando bunkers. A parte mais abastada da população mundial tem se mostrado interessada em adquirir “buracos na terra” equipados para …

Presidente russo Vladimir Putin anuncia registro de 1ª vacina contra COVID-19

Nesta terça-feira (11), o presidente Vladimir Putin anunciou o registro da primeira vacina russa contra a COVID-19. "Tanto quanto sei, nesta manhã foi registrada, pela primeira vez no mundo, uma vacina contra a COVID-19", disse o …