Filipinas declara epidemia nacional de dengue após 622 mortes

O governo das Filipinas declarou nesta terça-feira uma epidemia nacional por dengue devido à rápida propagação da doença em diferentes regiões, com 622 mortes registradas neste ano.

Entre 1º de janeiro e 20 de julho foram contabilizados 146.062 casos, o dobro do mesmo período no ano anterior, segundo dados oficiais divulgados após uma reunião de emergência entre todas as agências governamentais envolvidas para conter a epidemia.

“É importante que seja declarada uma epidemia nacional para identificar onde são necessárias respostas localizadas e permitir que os governos locais utilizem o fundo de resposta rápida para lidar com a situação”, anunciou em entrevista coletiva o secretário de Saúde, Francisco Duque.

Sete regiões do país (Calabarzon, Mimaropa, Bicol, Bisayas ocidental, Bisayas oriental, Zamboanga e Mindanao do Norte) – situadas majoritariamente no centro das Filipinas – já excederam o as estimativas epidemiológicas, enquanto outras três (Ilocos, Bisayas Central e Bangsamoro) alcançaram o nível de alerta.

No entanto, o número de casos aumenta em todo o país por conta das chuvas. A água parada é o ambiente propício para a reprodução do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da doença.

O secretário de Defesa, Delfin Lorenzana, explicou que embora a situação seja grave, ainda não foi declarada uma “emergência nacional” ou “estado de calamidade” porque ainda há áreas do país, como Manila, onde os números de contágio são baixos.

“Depende dos governos provinciais ou locais declarar a emergência ou o estado de calamidade”, afirmou Lorenzana, embora no início de julho já tenha sido declarado o nível de alerta em escala nacional.

A epidemia de dengue reacendeu o debate sobre o uso da Dengvaxia, uma vacina contra a doença que foi aplicada em mais de um milhão de filipinos em uma intensa campanha de imunização entre 2016 e 2017, sobretudo em escolas.

Em novembro de 2017, o governo filipino paralisou o uso dessa vacina depois que a fabricante, a farmacêutica francesa Sanofi, admitiu que o produto tinha efeitos adversos.

O caso se tornou um escândalo de saúde depois da morte de várias crianças imunizadas, mas não foi possível provar a relação direta da Dengvaxia com essas mortes.

Diante da gravidade do atual surto de dengue, vários médicos e pesquisadores defenderam o uso da vacina e o próprio porta-voz presidencial, Salvador Panelo, afirmou durante o fim de semana que o governo vai analisar “exaustiva e extensamente” a possível retomada do programa de imunização com Dengvaxia.

// EFE

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Uber testa modalidade que permite ao usuário reservar carro por hora

Na tentativa de achar novas fontes de receita para seu negócio de corridas compartilhadas, seriamente afetado pela COVID-19, a Uber está testando uma nova modalidade, focada nos passageiros que precisam fazer viagens mais longas e …

Revelada razão de comportamento instável de estrelas perto dos centros galácticos

Estrelas de ramo horizontal extremo são mais brilhantes e têm um ciclo de vida inferior ao das estrelas comuns, de acordo com um novo estudo. Os astrônomos estudaram o comportamento de um tipo especial de estrelas, …

Trump ameaça acionar Forças Armadas para conter protestos

No 7.º dia de manifestações antirracismo, Presidente dos EUA critica inação de governadores e promete enviar milhares de soldados para pôr fim a distúrbios. Visita de Trump a igreja é criticada como tentativa de autopromoção. O …

Não é apenas o coronavírus: surto de ebola retorna ao Congo

Foi confirmada, pelo ministro da Saúde do Congo, a descoberta de novos casos de Ebola na província de Équateur. O último surto do vírus altamente mortal ocorreu em 2018 e matou 33 pessoas no país. O …

Coronavírus: São Paulo se prepara para reabertura com 70% de leitos ocupados

O governo estadual de São Paulo ordenou a reabertura gradual dos estabelecimentos comerciais a partir dessa terça-feira (2). A gestão diz se basear no índice de infecções do novo coronavírus por cidade. Mesmo com 70% …

Júpiter é tão grande que quase virou um sol

Júpiter é o maior planeta do sistema solar. Assim, bem maior mesmo. Do tipo se você pegar todos os outros planetas e juntar suas massas, não chega nem aos pés dele. Nem mesmo metadinha. Esse gigante …

União Europeia pede que EUA reconsiderem sua decisão de cortar relações com a OMS

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, e o chefe de relações internacionais da União Europeia, Josep Borrell, pediram neste sábado (30) que os Estados Unidos “reconsiderem a decisão anunciada” de romper …

Astronautas da NASA chegam à ISS em nave da SpaceX e entram para a história

Depois de viajarem pelo espaço por 19 horas, os astronautas Bob Behnken e Doug Hurley chegaram à Estação Espacial Internacional (ISS) a bordo da nave Crew Dragon alguns minutos antes do previsto. O lançamento histórico aconteceu …

Nova Zelândia se encontra em cima de enorme bolha de lava, segundo pesquisa

Durante os anos 70, pesquisadores propuseram a teoria de que o interior do planeta se agita lentamente como uma bolha de lava. Estas bolhas flutuantes surgem como plumas do manto derretido do centro da Terra, onde …

Alemães usam criatividade para manter distanciamento social

Até final de junho, distância mínima está em vigor em espaços públicos. Instituições de cultura encontraram meios engenhosos para reunir grupos com segurança. Ideias vão de chapéu com boia até orações em estacionamento. Com medidas de …