Índio vive sozinho há 22 anos na Amazônia; e está muito bem, obrigado

Foram registradas novas imagens do índio que vive sozinho há 22 anos, na Amazônia, depois de a comunidade a que pertencia ter sido dizimada em um ataque de fazendeiros.

Segundo a TSF, o índio vive sozinho há 22 anos, caça e planta o que come e conta apenas com a companhia da natureza e dos animais selvagens da Amazônia. As novas imagens desse eremita foram divulgadas, na quarta-feira (18), pela equipe que segue seus passos desde 1996.

O homem, que já deve ter cerca de 50 anos, aparece nas imagens meio nu, cortando uma árvore com um machado e aparenta estar com boa saúde.

“Ele está muito bem, caça, mantém algumas plantações de papaia e milho. Tem boa saúde e está em boa forma física fazendo todos aqueles exercícios”, explica Altair Algayer, coordenador regional da Fundação Nacional do Índio (Funai) no estado da Rondônia, citado pelo The Guardian.

Conhecido como o “índio do buraco”, os pesquisadores acreditam que se trata do único sobrevivente de uma tribo isolada de seis pessoas que foi dizimada, em 1995, em um ataque de fazendeiros. Foi visto pela primeira vez em 1996 e tem sido monitorado desde então.

De acordo com o jornal britânico, esse homem caça porcos selvagens, pássaros e macacos com recurso a um arco e flecha e armadilhas presas em buracos escondidos cheios de aduelas afiadas de madeira.

A Funai evita o contato direto com grupos isolados e protege a zona desde os anos 90. A reserva indígena de Tanaru foi legalmente criada em 2015.

Geralmente, a organização espalha machados, machetes e sementes tradicionalmente plantadas por povos indígenas para que o homem possa encontrá-las, mas, bem como explica Algayer, claramente não está interessado na nossa sociedade.

“Entendo sua decisão. É um sinal de resistência e dá um pouco de repúdio, ódio, conhecer a história pela qual passou”, acrescenta.

“Esse homem, mesmo perdendo tudo, como o seu povo e uma série de práticas culturais, provou que, mesmo assim, sozinho no meio do mato, é possível sobreviver e resistir do que se aliar à sociedade majoritária. Acredito que esteja muito melhor do que se tivesse feito contato”, pode se ler ainda no site oficial da Funai.

Os especialistas da Funai acreditam que ainda existem 113 tribos isoladas vivendo na Amazônia brasileira, dos quais 27 grupos são confirmados e uma tribo vive fora do Brasil. Há também 15 tribos isoladas no Peru e outras na Bolívia, Equador e Colômbia.

“A ironia é que estamos descobrindo que há mais dessas pessoas isoladas do que pensávamos. Mas também é preocupante que sua cobertura esteja sendo queimada”, diz Fiona Watson, diretora de pesquisa e defesa da Survival International, um grupo sem fins lucrativos que trabalha para proteger os povos indígenas.

“O fato de [o “índio do buraco”] ainda estar vivo nos dá esperança. Ele é o último símbolo desses povos, podemos dizer assim”, conclui.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

    • Olá, Aristides!
      A Funai espalha machados e outros recursos para que ele possa encontrá-los dentro da reserva indígena em que ele vive!
      Apesar de não interessado na nossa sociedade, mesmo uma ajudinha sempre cai bem, não é? 😉

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Uma tonelada de chocolate invadiu as ruas de uma cidade na Alemanha

Um “rio” de chocolate invadiu as ruas de Werl, na Alemanha, esta semana. Um tanque de uma fábrica local produtora de chocolate transbordou, derramando cerca de uma tonelada de chocolate nas ruas da cidade, se …

Sonda da NASA captou o som do vento em Marte

A sonda InSight da NASA pousou em Marte em 26 de novembro, tendo a missão de estudar o interior do Planeta Vermelho. Por enquanto, nos presenteou com o som do vento no nosso planeta vizinho. No …

Voyager 2 da NASA já entrou no espaço interestelar

Pela segunda vez na história, um objeto feito pelo homem alcançou o espaço entre as estrelas. A sonda Voyager 2 da NASA saiu da heliosfera – a bolha protetora de partículas e campos magnéticos criada …

Freiras desviam 500 mil de escola católica para jogar em Las Vegas

Duas freiras norte-americanas admitiram terem desviado fundos escolares estimados em 500 mil de dólares para realizarem viagens aos cassinos de Las Vegas, anunciou esta semana a arquidiocese de Los Angeles. O desvio de fundos destinados a …

Uma selfie em meio aos protestos em Paris: “metáfora do nosso tempo”

Uma foto do jornalista russo Ilya Varlamov está correndo o mundo, sendo considerada por muitos internautas como um documento que “capta de forma precisa o espírito da nossa era”. A imagem de uma jovem tirando uma selfie …

Experiências de quase-morte: luz no fim do túnel pode ter explicação

Pessoas que estiveram à beira da morte afirmam ter visto uma luz branca brilhante no fim de um túnel e encontrado familiares ou animais de estimação. Apesar do tom sobrenatural, a ciência consegue explicar o …

Setenta anos depois, teste de DNA reúne mãe e filha pela primeira vez

Genevieve achava que sua bebê recém-nascida tinha morrido no parto. Mas não: foi adotada por uma família da Califórnia que mentiu sobre suas origens. Agora, mãe e filha se conheceram graças a um teste de …

“Lobisomem da Sibéria”: maior assassino em série da Rússia era policial e matou 78 mulheres

Um ex-policial russo, já condenado a prisão perpétua pela morte de 22 mulheres, foi sentenciado nesta segunda-feira (10) na Sibéria por mais 56 homicídios, o que o torna no maior assassino em série da história …

Pacto Global para Migração da ONU é aprovado por mais de 150 países

O Pacto Global para uma Migração Segura, Ordenada e Regular das Nações Unidas (ONU) foi aprovado nesta segunda-feira (10) por mais de 150 países presentes na conferência intergovernamental da organização na cidade marroquina de Marraquexe. A …

Brasileiro é eleito para Associação Internacional de Seguridade Social

O secretário de Previdência Social do Ministério da Fazenda, Marcelo Abi-Ramia Caetano, foi eleito para o cargo de secretário-geral da Associação Internacional de Seguridade Social (2019-2024). Ele será o primeiro brasileiro a ocupar a posição. Em …