Maior dispensário de maconha do mundo inova ao inaugurar drive-thru

Da mesma forma que os restaurantes de fast-food, o maior dispensário de maconha do mundo oferece em Las Vegas um drive-thru no qual as batatas fritas, os refrigerantes e os hambúrgueres podem ser trocados por derivados da planta.

É o que os clientes do Nuwu Cannabis Marketplace podem fazer: realizar pedidos de produtos do carro e com a promessa de que a transação não irá demorar mais de que um minuto no guichê.

“Fizemos isso pensando principalmente em nossos clientes com incapacidade. Queremos que tenham uma experiência simples, que seja fácil buscar o que desejam, sejam produtos medicinais ou recreativos“, disse à EFE Benny Tso, presidente da tribo Paiute de Las Vegas.

O maior dispensário de maconha do mundo, situado perto do centro da cidade, em uma zona de fácil acesso tanto para turistas como para locais, pertence à tribo Paiute, reconhecida legalmente como uma nação soberana dentro dos Estados Unidos.

Até pouco tempo atrás, os Paiutes eram conhecidos no âmbito dos negócios como os proprietários da maior loja de varejo de cigarros dos Estados Unidos.

Seguindo o exemplo, abriram esta nova loja depois que Nevada se transformou em julho no sétimo estado do país, além do distrito de Columbia, a legalizar a maconha para fins recreativos.

Mas decidiram apostar em um conceito inovador, o primeiro guichê de drive-thru neste tipo de comércio e similar ao dos restaurantes típicos de fast-food, embora o pedido seja realizado antecipadamente pela internet.

O Nuwu abre os sete dias da semana e durante 16 horas e dentro de seus cerca de 1,5 mil metros quadrados, decorados de maneira simplista e moderna, o dispensário oferece prateleiras que contêm, segundo seus proprietários, a maior quantidade de opções de maconha recreativa da denominada “Cidade do Pecado”.

Temos mais de 500 produtos de todos os tipos. Há comidas, bebidas, loções, além dos produtos que podem ser usados medicinalmente e recreativamente”, explicou Tso.

O guichê, feito de vidro blindado, chegou procedente do estado de Washington, onde era utilizado em um banco. Está rodeado de câmeras de segurança, da mesma forma que todo o edifício e seu perímetro, e conta com funcionários treinados especialmente para esta tarefa.

“Se os funcionários têm experiência neste tipo de mercado e serviço, melhor, mas, se não, damos um treinamento. Nossa ideia é gerar empregos nesta área da cidade e contar com contratados provenientes de restaurantes de fast-food”, disse Tso.

Neste momento, Tso calcula que o guichê, que acaba de ser inaugurado, recebe uma média de 15 clientes por dia, mas espera que esse número aumente para entre 40 e 50 agora que estão chegando as festas de fim de ano.

Uma das clientes, que disse se chamar Vanessa, chegou para conhecer o dispensário e assegurou que a comodidade e privacidade do guichê são motivos para retornar. “Adorei. Definitivamente é um lugar onde se encontra o que se está buscando sem sentir pressão ou nada parecido”, comentou.

Entre as ofertas há inclusive uma seção dedicada a produtos para cachorros que prometem ajudar a resolver problemas como coceira e até o excesso de latidos.

“Não testei com meu cachorro, mas sei que há várias opções. Se há opções para os que buscam a erva medicinal ou erva recreativa, por que não oferecer também para os animais da casa? É preciso pensar em todos“, destacou Tso.

Ciberia // EFE

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Pais gays viram alvo de investigações na Rússia

Alguns anos atrás, o advogado Vladimir (nome modificado), morador de uma grande cidade russa, decidiu ter um filho com o auxílio de uma mãe de aluguel. Sua família inteira ficou contente quando uma menina nasceu. …

Líbano: Saad Hariri volta ao posto de primeiro-ministro para formar novo governo

Saad Hariri foi nomeado novamente primeiro-ministro do Líbano, com o desafio de chegar a um acordo com as várias forças políticas do país e formar um governo capaz de realizar as reformas necessárias para …

Alunos incentivam câmeras ligadas para que professores não ‘falem’ com telas em branco

Para amenizar a sensação de solidão de professores em aulas online, alunos norte-americanos começaram a usar o TikTok para incentivar mais estudantes a abrirem as câmeras durante encontros educacionais à distância. A usuária da rede social …

Identificada a causa da maior extinção em massa na história da Terra

A vida na Terra tem uma história longa, mas também extremamente turbulenta. Em mais de uma ocasião, a maioria de todas as espécies foi extinta e uma biodiversidade já altamente desenvolvida reduziu para um mínimo …

Cães farejadores de covid: eficazes e baratos, mas esnobados

A Europa está em pânico em meio ao segundo surto de covid-19, com taxas de contágio explodindo e os PIBs despencando. A Bélgica acaba de anunciar que não mais testará cidadãos assintomáticos, mesmo que tenham …

Bolsonaro é avaliado positivamente por 37% da população, diz pesquisa

Entre os que souberam do dinheiro na cueca do senador Chico Rodrigues (52%), 74% não mudaram sua avaliação sobre o presidente Bolsonaro. Os que mais mudaram de opinião foram os pesquisados com ensino superior (26%) …

Tribunal Constitucional da Polônia invalida direito ao aborto por malformação do feto

O Tribunal Constitucional da Polônia invalidou nesta quinta-feira (22) uma disposição que permitia a interrupção voluntária da gravidez (IVG) em caso de malformação do feto. Uma vez que a decisão entre em vigor, apenas o …

Estudo descobre 1,8 bilhão de árvores no deserto do Saara e no Sahel

Um estudo publicado na revista Nature descobriu que na região do Saara Ocidental e no Sahel, há mais de um bilhão de árvores. No meio da aridez do local, a surpreendente descoberta colocou um novo …

Guerra Fria 2.0 entre EUA e China será uma batalha tecnológica, dizem especialistas

A batalha mundial pelo domínio da alta tecnologia está cada vez mais centrada em EUA e China. Com confronto aberto no caso da Huawei, especialistas do clube Valdai alertam para uma longa guerra fria tecnológica …

Combate à corrupção reduz mortalidade infantil, aponta estudo

Auditorias anticorrupção realizadas em municípios brasileiros entre 2003 e 2015 reduziram a mortalidade infantil. Esta é a principal conclusão de um estudo, conduzido por pesquisadores da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos, que relacionou o …