McDonalds rejeita “não” de Florença e pede 18 milhões por não poder abrir restaurante

soundpatterns / Flickr

Réplica da estátua de David, de Miguel Angelo, na Piazza della Signoria, em Florença. A original está na  Accademia Gallery, e está em perigo

Réplica da estátua de David, de Miguel Angelo, na Piazza della Signoria, em Florença

O McDonald’s não aceita o não da Prefeitura de Florença, que não lhe dá autorização para a abertura de um restaurante na cidade italiana, e vai processar a autarquia, reclamando uma indenização de 18 milhões de euros por discriminação.

O conflito entre o McDonald’s e a autarquia de Florença começou em Junho, quando o prefeito Dario Nardella rejeitou o projeto da empresa norte-americana para abrir um restaurante na Piazza del Duomo, uma das praças mais centrais e marcantes da cidade.

A decisão foi depois apoiada por uma comissão técnica que tem como missão a preservação do coração histórico de Florença, uma das cidades mais turísticas de Itália e particularmente apreciada pela sua arquitetura gótica e renascentista.

O McDonald’s ainda alterou o projeto para responder às exigências da autarquia, mas nada feito.

A Prefeitura mantém o não e a empresa avança assim com um processo, onde reclama uma indenização de 17,8 milhões de euros por danos que prevê perder nos próximos 18 anos, por não poder abrir o restaurante.

A gigante da fast-food argumenta que está sendo discriminada e refere que tinha planeado “operar respeitosamente perante as políticas locais, até aceitando introduzir produtos locais típicos” na sua oferta de venda, conforme uma nota divulgada pela BBC.

“Concordamos por completo que a herança cultural e artística e os centros históricos das cidades italianas têm que ser protegidos e garantidos, bem como as tradições e as pequenas lojas históricas, mas não podemos aceitar regulações discriminatórias que lesam a liberdade da iniciativa privada sem serem vantajosas para ninguém”, afiança ainda a McDonald’s, segundo transcrição da BBC.

Mas nada vai fazer mudar de ideias o irredutível autarca Dario Nardella, que já vincou bem a sua posição.

“O McDonald’s tem o direito de submeter um pedido porque é permitido pela lei, mas nós também temos o direito de dizer não“, destaca o prefeito de Florença.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

George W. Bush: o suposto plano para matar ex-presidente dos EUA desbaratado pelo FBI

Um simpatizante do Estado Islâmico planejava assassinar o ex-presidente dos EUA George W. Bush, mas o plano foi descoberto pelo FBI (polícia federal americana), segundo autoridades dos Estados Unidos. O suspeito, um residente de Ohio, supostamente …

O que se sabe sobre misterioso surto de varíola dos macacos

Casos recentes da doença na América do Norte e Europa acenderam o alerta entre especialistas. Endêmico na África, vírus é transmitido por animais contaminados e por contato próximo prolongado entre pessoas. Autoridades de saúde na América …

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …