Após 21 mortes em presídio, ministro da Segurança Pública oferece Força Nacional ao Pará

ABr

O ministro Raul Jungmann

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, divulgou nota oficial na noite desta quarta-feira (11) para informar que, em conversa telefônica com o governador do Pará, Simão Jatene (PSDB), colocou a Polícia Federal e a Força Nacional de Segurança à disposição do estado.

A medida se dá após uma tentativa de fuga em massa em uma das unidades do maior complexo prisional do estado, o Santa Izabel, ocorrido na terça-feira (10), e que resultou em 21 mortos e pelo menos quatro feridos.

Um dia antes da tentativa invasão ao presídio, houve uma sequência de 11 assassinatos em diferentes bairros da capital paraense, que podem estar relacionados ao homicídio de policiais militares ocorrido também dias antes. O governo estadual ainda não se pronunciou sobre a oferta do ministro Raul Jungmann.

Na manhã desta quarta, a Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) informou que, do total de 21 mortos confirmados na tentativa de fuga do Complexo Prisional Santa Izabel, 13 já foram reconhecidos, de acordo com o Centro de Perícias Científicas Renato Chaves.

A conta inclui dez detentos, dois homens que fariam parte do bando que tentou invadir o complexo para resgatar os presos, e o agente prisional Guardiano Santana, de 57 anos.

Todos os 13 corpos reconhecidos já foram liberados pelo Instituto Médico-Legal (IML) do estado. Oito corpos ainda aguardam reconhecimento de parentes. Os quatro agentes prisionais feridos na troca de tiros permanecem em observação médica, mas não correm risco.

A Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe) também informou que a recontagem de detentos no Centro de Recuperação Penitenciário do Pará III (CRPP III), unidade onde ocorreu a tentativa de fuga, ainda não foi finalizada. Até o momento, no entanto, nenhuma fuga foi confirmada.

Na tentativa de fuga, 13 presos sofreram ferimentos e quatro deles ainda estão internados na Unidade de Pronto Atendimento de Castanhal e no Hospital Metropolitano de Ananindeua, ambos na Grande Belém. O estado de saúde deles é considerado estável, segundo informações da Diretoria de Assistência Biopsicossocial da Susipe.

Resgate

Segundo informações oficiais, um grupo externo fortemente armado invadiu o Complexo Prisional Santa Izabel, na tarde de terça-feira, e usou explosivos em um dos muros do pavilhão C, para facilitar a fuga dos detentos. Do lado de dentro, parte dos presos também estaria portando armas. Houve intensa troca de tiros entre o grupo armado, os presos e o Batalhão Penitenciário.

Ao fim da operação, as autoridades confirmaram a apreensão de pelo menos quatro fuzis, três pistolas, dois revólveres, duas espingardas calibre 12 e uma metralhadora 9 milímetros.

A unidade onde ocorreu a tentativa de fuga na terça, o CRPP III, está superlotada. Segundo a Susipe, estão presos no local um total de 605 detentos, mas a capacidade é de 432 internos.

O complexo penitenciário de Santa Izabel tem, ao todo, nove unidades e abriga cerca de 6 mil presos. A situação nas outras unidades está normalizada, garantiu o governo estadual.

Ciberia // Agência Brasil

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

StarShip finalmente levanta voo: a nave que um dia levará cem humanos para Marte e Lua

A SpaceX fez um lançamento de teste com sucesso do seu gigantesco protótipo do StarShip SN5 em Boca Chica, Texas (EUA), a uma altura planejada de 150 metros. A massiva torre de aço inoxidável flutuou no …

EUA conduzem lançamento de teste do míssil balístico Minuteman III

O projétil não tinha ogiva de combate, mas era equipado com três veículos recuperáveis que foram submetidos a testes. Militares dos EUA lançaram na manhã desta terça-feira (4) um míssil balístico Minuteman III a partir da …

Beirute soma mais de 100 mortos e 4000 feridos após explosões

O Líbano vive nesta quarta-feira (5) um dia de luto nacional, após as explosões na região portuária de Beirute, na tarde de ontem. A tragédia soma pelo menos 100 mortos, 4.000 feridos e 300.000 …

Mensagem na areia salva marinheiros desaparecidos no Oceano Pacífico

Trio de marinheiros que havia se desviado de rota e ficado sem combustível foi localizado numa pequena ilha da Micronésia após três dias. Aeronaves avistaram sinal gigante de SOS escrito na areia da praia. Três homens …

Problemas cardíacos duradouros se apresentam em 78% dos pacientes de coronavírus

O entusiastas do retorno da economia para a normalidade defendem suas opiniões geralmente com base no fato da maioria dos pacientes exibirem sintomas leves ou sequer ter qualquer sintoma de coronavírus, comparando negligentemente o Covid-19 …

Governo britânico vai pagar parte da conta de consumo em pubs e restaurantes

Incentivos não vão faltar para quem estava com saudades de frequentar bares, pubs e restaurantes no Reino Unido. Durante o mês de agosto, o governo britânico vai bancar parte da conta de quem sair …

Cientistas revelam origem de estranhos meteoritos encontrados na Terra

Uma equipe de cientistas norte-americanos teoriza que alguns dos meteoritos, que não se encaixam nas duas categorias principais, têm uma origem até hoje desconhecida por astrônomos. Um grupo significante de meteoritos, que existem hoje na Terra, …

Twitter pode ser multado em US$ 250 milhões por abuso de dados dos usuários

O Twitter confessou que, possivelmente, será multado em até US$ 250 milhões pela Comissão Federal de Comércio dos EUA (FTC, no original em inglês) por ter desrespeitado um acordo firmado em 2011 com a agência …

OMS afirma que não há solução milagrosa para lutar contra Covid-19

A Organização Mundial de Saúde avisou na segunda-feira que não há, nem haverá uma solução milagre contra a pandemis de Covid-19, não obstante a corrida que se verifica actualmente de forma a descobrir uma vacina …

Alemanha quer exigir de viajantes teste de covid-19 feito antes de embarque

Ministro da Saúde alemão defende que passageiros vindos de territórios de risco, incluindo o Brasil, apresentem exame negativo realizado em país de origem para entrar na Alemanha. O ministro da Saúde alemão, Jens Spahn, defendeu nesta …