Se for presidente em 2018, Bolsonaro indicará Paulo Guedes como ministro da Fazenda

Wilson Dias / ABr

O deputado Jair Bolsonaro

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) revelou nesta segunda-feira (27), no seminário Amarelas ao Vivo, que, se for eleito no ano que vem, seu provável ministro da Fazenda será o economista Paulo Guedes. Em tom metafórico, ele disse que já teve algumas conversas com Guedes, e que sua relação com ele por ora “é de um namoro, que pode se transformar em noivado”.

Guedes é professor de macroeconomia na Pontifícia Universidade Católica (PUC), na Fundação Getúlio Vargas (FGV) e no Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), todos no Rio de Janeiro, e tem PhD pela Universidade de Chicago. Ele é conhecido por ser um crítico ferrenho à ideia de social-democracia e por ser um defensor do liberalismo puro.

O anúncio de Bolsonaro representa um aceno ao mercado financeiro e uma tentativa de se distanciar da imagem de defensor do modelo militar de estatização. Em seus sete mandatos na Câmara Federal, o deputado foi crítico do Plano Real, propôs apenas três projetos ligados a economia e já admitiu ser ignorante no assunto.

Por isso, para dirimir as críticas de ser um postulante ao maior cargo do Executivo sem saber sobre fundamentos básicos de economia, passou a divulgar o nome de seus conselheiros na área, como o pesquisador do IPEA Adolfo Sachsida, que também tem viés liberal.

Em um texto publicado no jornal O Globo no mês passado, Guedes avaliou que o “centro” da política está “vazio” e especulou sobre um segundo turno disputado entre Bolsonaro e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Nós temos um gargalo que chama Câmara e Senado. Se você não tiver apoio lá, não vão chegar a lugar nenhum”, afirmou, sem detalhar como se daria a tramitação “paulatina” das mudanças nas aposentadorias.

Prestes a trocar o PSC pelo recém-criado Patriota, que lhe garantiria legenda para disputar o Planalto, Bolsonaro afirmou que pretende viabilizar sua candidatura e um possível governo sem fazer concessões a partidos políticos aliados – tarefa improvável, tanto pelas circunstâncias e a dimensão de uma campanha presidencial quanto pelas necessidades de governabilidade e a dinâmica do Congresso.

Vou governar sem o toma lá dá cá. Você acha que o Renan Calheiros vai chegar pra mim e pedir a presidência do Banco do Nordeste? Com que cara ele iria pedir isso?”, ironizou.

Bolsonaro não respondeu quando questionado sobre possíveis nomes para candidato a vice-presidente em sua chapa. O deputado federal também voltou a defender que as mortes de suspeitos em trocas de tiros com a polícia ou decorrentes de ações policiais, os chamados autos de resistência, não sejam sequer investigados.

Indagado se não julga seu posicionamento como “radical”, Jair Bolsonaro fez uma comparação entre o combate à corrupção e o combate à criminalidade. “Você não tem que ser radical para combater a corrupção? Você não tem que ser radical para combater a criminalidade?”, perguntou.

Ciberia // GNI

COMPARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Jornalismo “imparcial” é isso: reportagem com vários destaques em negrito, para chamar a atenção para o que incomoda o jornalista.

  2. Chamam o Bolsonaro de radical, como se fosse ofensa.
    Ao contrário, é firmeza de caráter, que os outros não tem.
    Ele diz na cara. Os outros põem panos quentes.
    Ele afirma, os outros mentem descaradamente.
    Isso tudo incomoda muita gente.

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Flight Simulator tem um bug com buraco bizarro no mapa do Brasil

Vejam só: encontraram um bug respeitável na edição 2020 de Flight Simulator, o respeitado simulador de voo da Microsoft. E, para o nosso orgulho, a falha se localiza especificamente no Brasil. Se você sobrevoar as coordenadas …

Médica fez viagem institucional para impedir aborto de criança vítima de estupro e Damares teria atuado nos bastidores

Uma reportagem da Folha de São Paulo afirmou que uma das médicas que trabalhou para impedir o aborto legal de uma criança de 10 anos que foi estuprada em São Mateus, ES, confessou, em entrevista, …

COVID-19: produção de vacina pode causar morte de meio milhão de tubarões, alertam especialistas

Óleo natural feito a partir do fígado dos tubarões é um componente-chave entre os ingredientes utilizados por vários candidatos a vacina contra a COVID-19. A Shark Allies, uma organização de defesa aos tubarões, da Califórnia, EUA, …

Quem é Amy Barrett, a indicada de Trump para Suprema Corte?

Se aprovada pelo Senado, atual juíza federal e católica devota poderá influenciar a vida pública dos EUA por décadas e mover de vez a composição da Corte para uma orientação conservadora. Se no Brasil o presidente …

Uber ganha 18 meses de licença para atuar em Londres

Após uma longa batalha jurídica, a Uber ganhou uma licença para restabelecer suas operações em Londres pelos próximos 18 meses. Em novembro de 2019, a empresa havia sido impedida de atuar na capital inglesa, depois que …

Testes de DNA da moda não identificam indígenas brasileiros

Testes de DNA estão na moda. Se você pensou em exames para comprovar paternidade ou algo nesse sentido: não é disso que estamos falando (embora pudéssemos). A nova tendência — entre aqueles que têm condições para …

EUA e Brasil querem barrar governo Maduro na Organização Pan-Americana da Saúde

Os Estados Unidos, o Brasil e outros 11 países rejeitaram nesta segunda-feira (28) a legitimidade do governo de Nicolás Maduro na Venezuela para participar do Conselho Diretor da Organização Pan-Americana da Saúde (Opas). A …

Água líquida em Marte: descobertas mais reservas no polo sul do Planeta Vermelho

Em 2018, pesquisadores italianos anunciaram que haviam encontrado evidências da existência de água líquida em Marte, abaixo da calota polar sul. Agora, a equipe voltou em mais uma série de informações que não apenas sustentam essa …

Cientistas russos encontram nova forma de tratamento para covid-19

Uma equipe de cientistas russos sugeriu tratar os pacientes gravemente afetados pelo coronavírus SARS-CoV-2 da mesma maneira que são tratados alguns casos de intoxicação. De acordo com os especialistas do Instituto de Pesquisa de Medicina de …

Covid-19 já causou a morte de um milhão de pessoas no mundo

Nove meses após seu surgimento na China, a pandemia de Covid-19 superou, neste domingo (27), o número simbólico de um milhão de mortos no mundo. No total, o coronavírus causou 1.000.009 mortes e 33.018.877 casos …