Coreia do Norte no centro dos discursos na ONU: “Estamos prontos para atacar”

Andrew Gombert / EPA

Donald Trump nas Nações Unidas

Diante das Nações Unidas, o presidente americano Donald Trump disse que os Estados Unidos estão prontos para “destruir totalmente” a Coreia do Norte caso seja “forçado” a defender a si e a seus aliados.

“Estamos prontos, dispostos e aptos (a atacar a Coreia do Norte), mas esperamos que não seja necessário. Vamos ver como eles se saem“, afirmou, antes de pedir que os países do mundo trabalhem para “isolar” o líder coreano.

Em seu primeiro discurso na 72ª Assembleia Geral da ONU, em Nova York, Trump falou sobre a ameaça de “países erráticos” e mencionou também o Irã e a Síria.

O americano também fez piada com o líder norte-coreano Kim Jong-un, chamando-o de “rocket man” (“homem do foguete”, em tradução livre) e dizendo que ele está em uma “missão suicida”.

Nas últimas semanas, a Coreia do Norte tem feito testes de bombas e mísseis desafiando os Estados Unidos, as sanções da ONU e também os pedidos da China, seu principal aliado.

Trump afirmou que países de culturas e valores diferentes devem ser capazes de conviver como nações soberanas, mas também criticou duramente o Irã, que chamou de uma “ditadura corrupta que exporta violência, sangue e caos”.

Ele pediu que Teerã deixe de “apoiar grupos terroristas” e disse que os EUA podem desistir do acordo feito com o Irã durante o governo Obama caso o país continue desenvolvendo um programa nuclear. “Este foi o pior acordo em que os Estados Unidos já entraram. Francamente, é uma vergonha e vocês ainda vão ouvir falar muito disso“, disse.

“Ideologia fracassada”

O presidente também reservou críticas ao governo de Nicolás Maduro, na Venezuela, que disse ter “destruído uma nação por meio de uma ideologia fracassada que trouxe pobreza a todos os lugares onde foi implementada”.

O problema não é que o socialismo tenha sido implementado. É que ele tenha sido fielmente implementado”, afirmou, arrancando aplausos de parte da plateia.

Trump pediu que a ONU “faça mais” para lidar com a crise política e econômica no país e afirmou que, além das sanções já impostas, os EUA “estão preparados para fazer mais”.

A terceira “nação errática” mencionada pelo presidente foi a Síria e o “regime criminoso de Bashar al-Assad” – que ele acusou de usar armas químicas contra a população.

Ao falar dos conflitos no Oriente Médio e no norte da África, Trump disse que os EUA gastam milhões para “apoiar a volta dos refugiados para seus países de origem”.

“Pelo custo de assentar um refugiado nos Estados Unidos, assentamos dez em suas nações ou em locais próximos. A migração descontrolada é ruim para os países que enviam e também para os que recebem”, afirmou.

Ciberia // BBC

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Britânico não pode entrar na Holanda com sanduíche e ouve: ‘Bem-vindo ao Brexit’

Um simples sanduíche de presunto, feito em casa e devidamente embrulhado em papel alumínio, foi motivo suficiente para que um motorista britânico fosse parado, interrogado e por fim perdesse o alimento na alfândega localizada na …

Inclinação de Saturno pode ser explicada pela migração de suas luas; entenda

Em um novo estudo, cientistas do French National Centre for Scientific Research (CNRS) e da Sorbonne University perceberam que a inclinação de Saturno pode ser causada pela influência da migração de suas luas — principalmente …

A verdade sobre as pessoas que "ouvem" os mortos: estudo

Cientistas identificaram os traços que podem tornar uma pessoa mais propensa a afirmar que ouve as vozes dos mortos. De acordo com novas pesquisas, uma predisposição a altos níveis de absorção em tarefas, experiências auditivas incomuns …

OMS diz não ter conhecimento de mortes relacionadas ao uso da vacina da Pfizer

A OMS não tem conhecimento de qualquer morte relacionada ao uso da vacina contra a COVID-19 produzida pelos laboratórios Pfizer e BioNTech, disse hoje (20) a diretora-geral adjunta da organização, a brasileira Mariângela Simão. "Temos uma …

QAnon ganha cada vez mais força na Alemanha

O ataque ao Capitólio nos EUA ilustrou o perigo que teorias da conspiração podem representar. Na Alemanha, o movimento tem cada vez mais adeptos – que se mantêm fiéis ao agora ex-presidente americano Donald Trump. A …

Coronavírus em Manaus: "Meu irmão morreu de covid em hospital particular, e a conta é de R$ 180 mil"

A tragédia familiar vivida pelo advogado Amaury Andreoletti ilustra o impacto emocional e também financeiro do colapso no sistema de saúde de Manaus (AM). Andreoletti, que chegou a ficar quatro dias internado e se recuperou, viu …

Biden reverte medidas de Trump e volta ao Acordo do Clima de Paris; entidades comemoram

Horas depois de assumir a Casa Branca, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, cumpriu a promessa de reverter uma série de medidas tomadas pelo antecessor, Donald Trump. No total, foram 17 decretos assinados …

Avião com vacinas contra covid-19 entra em rota de colisão com jato após curva errada

  Essa foi por pouco! Na manhã desta terça-feira (19), um avião monomotor com vacinas contra a covid-19 a bordo fez uma curva errada após a decolagem, e acabou entrando em rota de colisão com um …

Emaranhamento quântico é transmitido a drones separados por 1 km de distância

Fótons emaranhados foram transmitidos entre dois drones pairando a um quilômetro de distância um do outro, demonstrando tecnologia que poderia ser a base de uma internet quântica. Quando dois fótons são emaranhados quanticamente, você pode deduzir …

Joe Biden empossado 46.º Presidente dos EUA

Joe Biden tomou posse, esta quarta-feira, como Presidente dos Estados Unidos, e Kamala Harris foi empossada a primeira vice-presidente norte-americana. No seu discurso, Biden disse que "este é o dia da América, da democracia …