5 asteroides perigosos passaram perto da Terra neste domingo

NASA

Cinco asteroides potencialmente perigosos passaram neste domingo (29) perto da Terra. Eles têm entre 45 e 214 metros de diâmetro e se movem a uma velocidade de 5,7 a 16,7 quilômetros por segundo.

Depois de no dia 17 um asteroide gigante ter passado de surpresa entre a Lua e a Terra, desta vez, cinco asteroides potencialmente perigosos passaram perto do nosso planeta.

Segundo adiantou o Spaceweather.com, o mais próximo desses corpos celestes, com os nomes científicos de 2013 US3, 2018 GO4, 2018 GY1, 2018 FV4 e 2002 JR100, passou a 10.1 distâncias lunares, ou seja, 10 vezes a distância média da Terra à Lua.

Os cinco asteroides se movem a velocidades entre os 5,7 e os 16,7 quilômetros por segundo. Segundo a NASA, a passagem do primeiro asteroide aconteceu às 10h29 da manhã deste domingo, e o último passou às 21h15.

Segundo astrônomos citados pelo jornal Daily Star, a passagem destes cinco asteroides deve ser tomada como um aviso aos habitantes do planeta para que tomem medidas de precaução antes que o hipotético cenário do impacto de um corpo celeste na Terra torne-se realidade.

Os cientistas da organização norte-americana B612 Foundation, que se dedica à prevenção de um próximo forte impacto de um asteroide, salienta o jornal britânico, têm “100% de certeza” de que um dia rochas espaciais colidirão com a Terra.

Isso acontecerá porque, segundo diz o presidente da B612 Foundation, Danica Remy, os telescópios atualmente em uso só conseguem captar uma pequena parte dos  asteroides perigosos. “O ponto de observação é muito pequeno e o céu é muito grande.”

“Atualmente, podemos determinar com antecedência se um dos 18 mil asteroides que vigiamos vai nos atingir”, explica Remy. Mas, acrescenta, “há vários milhões de asteroides que não observamos”.

O Sistema Solar está povoado com milhões de asteroides, que normalmente são encontrados no cinturão de asteroides de Kuiper, entre Marte e Júpiter. “Temos 100% de certeza de que vamos ser atingidos, apenas não temos 100% de certeza quando“.

“Pode acontecer em qualquer lugar, na Austrália, no Japão ou em Ohio”, acrescenta Remy. “Precisamos de um mapa completo com a localização, características e rotas de todos estes asteroides, para que possamos nos defender. É um problema global“, conclui.

A maioria dos asteroides de grandes dimensões, como o asteroide que aniquilou os dinossauros, caiu na Terra há milhões de anos. O último grande asteroide a “visitar” o nosso planeta caiu em fevereiro de 2013, na cidade russa de Chelyabinsk.

Esse asteroide, com apenas 17 metros de diâmetro, atingiu inesperadamente a cidade russa, e se fragmentou liberando uma energia equivalente a 500 mil toneladas de TNT, ou seja, entre 27 e 41 vezes a bomba atômica de Hiroshima.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Emaranhamento quântico é transmitido a drones separados por 1 km de distância

Fótons emaranhados foram transmitidos entre dois drones pairando a um quilômetro de distância um do outro, demonstrando tecnologia que poderia ser a base de uma internet quântica. Quando dois fótons são emaranhados quanticamente, você pode deduzir …

Joe Biden empossado 46.º Presidente dos EUA

Joe Biden tomou posse, esta quarta-feira, como Presidente dos Estados Unidos, e Kamala Harris foi empossada a primeira vice-presidente norte-americana. No seu discurso, Biden disse que "este é o dia da América, da democracia …

Covid-19: Brasil deve enfrentar pior fase da pandemia nas próximas semanas

Nos últimos dias, a pandemia no Brasil foi marcada por imagens de dor e de esperança. De um lado, a falta de oxigênio em Manaus mostrou a tragédia causada pela falta de coordenação contra a …

Após meses, Jack Ma reaparece publicamente via vídeo em evento no interior da China

Sem aparecer publicamente desde o fim de outubro de 2020, Jack Ma faz sua primeira aparição em evento de bem-estar social para professores em área rural da China. O bilionário cofundador do grupo Alibaba, gigante do …

Donald Trump perdoa Steve Bannon e outros aliados

Nas suas últimas horas no cargo, o presidente dos EUA concede perdão a vários aliados e também políticos condenados por corrupção. Entre os perdoados está seu ex-estrategista-chefe. O presidente dos EUA, Donald Trump, usou suas últimas …

Máscara com nariz de fora rende eliminação de exame e prisão de candidato

Um homem de 49 anos foi preso no Japão após se recusar a utilizar corretamente uma máscara facial durante um exame de admissão para faculdade. Ele foi desqualificado da prova e acabou tomando as notícias …

Esconderijo moedas de ouro medievais são descobertas em uma fazenda na Hungria

No século XVI, um ataque do Império Otomano pode ter levado húngaros em pânico a enterrar um estoque de valiosas moedas de prata e ouro. Agora, arqueólogos descobriram este tesouro enterrado em uma fazenda moderna …

Vacina covid-19. As respostas para as 10 perguntas mais procuradas sobre vacinação nas últimas 24 horas

A aprovação da CoronaVac (Sinovac/Instituto Butantan) e da CoviShield (FioCruz/Universidade de Oxford/AstraZeneca) representou um enorme avanço para conter a pandemia de covid-19, que já vitimou quase 210 mil brasileiros. Essas duas vacinas são as primeiras …

Satélites Starlink agora são invisíveis a olho nu, mas não para telescópios

Quando a SpaceX lançou as primeiras 60 unidades da rede Starlink em maio de 2019, a comunidade científica expressou preocupações, prevendo que as observações astronômicas seriam afetadas pelo brilho das unidades que compõe a constelação …

Sites de Apostas Legalizados no Brasil: fique atento

Com o crescimento dos sites de apostas esportivas, é preciso ficar atento a quais deles atuam de maneira legal no mercado e quais estão trabalhando ilegalmente. Infelizmente, os novatos no mundo das apostas podem acabar tendo …