Brasil se aproxima dos 5 milhões de casos identificados de covid-19

Guillaume Horcajuelo / EPA

O Brasil registrou 11.946 casos confirmados de coronavírus e 323 mortes ligadas à covid-19 nas últimas 24 horas, segundo dados divulgados pelo Conselho Nacional de Secretários da Saúde (Conass) nesta segunda-feira (05/10).

O balanço eleva o total de infectados para 4.927.235, enquanto o total de óbitos chega a 146.675. O Conass não divulga número de recuperados.

Diversas autoridades e instituições de saúde alertam, contudo, que os números reais de casos e mortes devem ser ainda maiores, em razão da falta de testagem em larga escala e da subnotificação. As cifras reportadas no fim de semana e na segunda-feira também costumam ser mais baixas, já que equipes responsáveis pela notificação funcionam em escala reduzida.

São Paulo é o estado brasileiro mais atingido pela epidemia, com 1.004.579 casos e 36.220 mortes. O total de infectados no território paulista supera o dos registrados em praticamente todos os países do mundo, exceto Estados Unidos (7,4 milhões), Índia (6,6 milhões) e Rússia (1,2 milhão). A Bahia é o segundo estado brasileiro com maior número de casos, somando 316.005, seguida de Minas Gerais (308.466), Rio de Janeiro (273.338), Ceará (243.106) e Pará (234.129).

Já em número de mortos, o Rio é o segundo estado com mais vítimas, somando 18.780 óbitos. Em seguida vêm Ceará (9.056), Pernambuco (8.340), Minas Gerais (7.656), Bahia (6.953) e Pará (6.606).

A taxa de mortalidade por grupo de 100 mil habitantes subiu para 69,8 no Brasil, uma das mais altas do mundo – só fica abaixo dos índices registrados no Peru (101,94), Bélgica (88,11) e Bolívia (71,35), quando desconsiderados países nanicos como San Marino.

A cifra brasileira é bem mais alta que a registrada em países vizinhos como Argentina (47,24) e Uruguai (1,39), e também supera a dos EUA (64,10), nação mais atingida pela pandemia no planeta, e a do Reino Unido (63,83), país europeu com maior número de mortes.

Em números absolutos, o Brasil é o terceiro país do mundo com mais infecções, atrás apenas dos Estados Unidos, que somam 7,3 milhões de casos, e da Índia, com 6,4 milhões. Mas é o segundo em número de mortos, depois dos EUA, onde morreram mais de 209 mil pessoas.

A Índia, que chegou a impor uma das maiores quarentenas do mundo no início da pandemia e depois flexibilizou as restrições, é a terceira nação com mais mortos e ultrapassou neste sábado a marca de 100 mil óbitos.

Ao todo, mais de 35 milhões de pessoas contraíram o coronavírus no mundo, enquanto mais de 1,03 milhão morreram em decorrência da doença, segundo contagem mantida pela Universidade Johns Hopkins.

DW //

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Colômbia é o 1º país latino-americano a receber vacinas da iniciativa COVAX

Nesta segunda-feira (1º), um lote de 117 mil doses da vacina da Pfizer/BioNTech chegou à Colômbia por meio da iniciativa COVAX. O país é o primeiro na região a receber os imunizantes do consórcio da …

Twitter vai tolerar até cinco posts antes de banir por desinformação sobre covid-19

O Twitter resolveu endurecer suas políticas de uso e vai pegar mais pesado contra quem dissemina fake news a respeito da COVID-19, tal como a eficácia e segurança das vacinas que visam combater a doença. Em …

EUA: "Trump tenta manter opções em aberto" para eleições presidenciais de 2024

Não demorou muito para Donald Trump se recuperar de sua derrota - que, aliás, ele ainda não reconhece. No domingo (28), o ex-presidente encerrou a Conferência de Ação Política Conservadora em Orlando, na Flórida. Diante …

Japão nomeia ministro da solidão para enfrentar o isolamento social no país

Os sintomas diretos da Covid-19 sobre nossa saúde já são bastante sabidos, entre febre, cansaço excessivo, dores no corpo, tosse seca e problemas respiratórios, mas uma série de efeitos indiretos vem sendo percebidos – se …

Estudo de esqueletos de 200 gerações revela como humanos evoluíram para lutar contra germes

Estudiosos analisaram cerca de 70 mil esqueletos de 200 gerações a fim de entender como a humidade passou por pandemias anteriores. Os estudos foram feitos acerca de doenças infecciosas como tuberculose, treponematose e hanseníase. Os pesquisadores …

Médica adverte sobre síndrome inflamatória multissistema em pacientes que superaram covid

A médica-chefe de um hospital de Moscou, Mariana Lysenko, declarou em uma entrevista ao canal RT que alguns dos pacientes que superaram a COVID-19 podem desenvolver uma síndrome inflamatória multissistema. De acordo com a médica, a …

Militares abrem fogo contra manifestantes em Mianmar

Forças de segurança reforçam repressão aos protestos contra golpe de Estado e deposição do governo democraticamente eleito. Relatos de mortes surgem de várias cidades. ONU condena violência e o uso de força excessiva. As forças de …

LEGO lança quiz online para educar a criançada sobre cyberbullying

O sentido educacional que os brinquedos da LEGO oferecem ganha nova e ainda maior dimensão com o lançamento do Safer Internet Day (ou Dia da Internet mais Segura, em tradução livre), um quiz virtual desenvolvido …

Covid-19: Peru prorroga suspensão de voos do Brasil até 14 de março

O governo do Peru anunciou neste domingo (29) a prorrogação até 14 de março da suspensão de voos procedentes do Brasil. A medida preventiva visa evitar a entrada de passageiros que podem estar infectados …

Ex-funcionários do McDonald's revelam "estratégia de espionagem" da rede de fast-food

A revista Vice analisou testemunhos de supostos trabalhadores anônimos do McDonald's que tinham conhecimento direto da vigilância, e vazou documentos que explicam as táticas de espionagem. Uma equipe de analistas de inteligência da cadeia de fast-food …