Brasileiros são os mais insatisfeitos com ações de governo contra COVID-19, diz pesquisa

Fabio Rodrigues Pozzebom / Agencia Brasil

Jair Bolsonaro

O Brasil, em uma lista de 53 países, é a nação que pior responde à pandemia de COVID-19. O dado é de pesquisa da Dalia Research que coletou entrevistas de 124 mil pessoas pela Internet.

De acordo com o levantamento, as amostras de entrevistas de cada país variaram de mil até três mil entrevistados. A margem de erro é de 3,25% para mais ou para menos.

A maioria (70%) da população dos países pesquisados está satisfeita com a resposta governamental ao coronavírus. No Brasil, contudo, apenas 34% dos entrevistados afirmou estar contente com a gestão da crise de saúde pública.

Do outro lado da tabela, a China tem a população mais satisfeita com a resposta à pandemia, 95% da população afirmou estar satisfeita com a resposta governamental. Vietnã (95%), Grécia (89%), Malásia (89%) e Irlanda (87%) completam a lista de países onde a população está contente com a resposta do governo ao coronavírus.

“A insatisfação da população [do Brasil] tem relação direta com a maneira como o governo federal tem enfrentado a pandemia. Em menos de seis meses, três pessoas já ocuparam a pasta do Ministério da Saúde, com discursos e ações discrepantes entre si. Nesse período, nenhum plano nacional de combate a COVID-19 foi apresentado à sociedade”, afirma à Sputnik Brasil a doutora em sociologia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) Rachel Barros.

O primeiro ministro da Saúde a enfrentar a pandemia foi Luiz Henrique Mandetta, que deixou o cargo em 16 de abril. Deste então, Mandetta não poupou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de críticas. Seu sucessor foi Nelson Teich, que ficou no cargo de 17 de abril até 15 de maio. O atual ministro está no cargo de maneira interina, o general Eduardo Pazuello, embora Bolsonaro tenha afirmado que ele deve ocupar a cadeira “por um longo tempo”.

Pazuello nomeou militares e contrariou orientações de distanciamento social para participar de ato pró-governo em Brasília.

“Podemos somar a esse quadro a crise do sistema público de saúde, que em diversos estados do país já dava mostras de precarização. Com a pandemia, essa situação ficou ainda mais explícita porque os investimentos públicos neste setor têm sido insuficientes”, diz Barros. “Através de diversas declarações, o presidente demonstrou descaso e baixíssima capacidade de enfrentar a pandemia com a seriedade e importância que ela merece.”

O secretário-executivo do Centro de Estudos Estratégicos da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) Assis Mafort também afirma que as diversas trocas de comando no Ministério da Saúde são um fator que ajuda a explicar o resultado da pesquisa. Mafort destaca a falta de coordenação com estados e municípios no trabalho de enfrentamento à pandemia.

“Há um certo esvaziamento do papel de coordenação nacional exercido pelo Ministério da Saúde na organização, na estruturação das ações nacionais de combate à pandemia”, diz Mafort à Sputnik Brasil.

O servidor da Fiocruz também ressaltou o apoio de Bolsonaro a medicamentos sem eficácia comprovada: “É importante mencionar o incentivo dado, em vários momentos, ao uso de medicamentos como cloroquina e hidroxicloroquina sem a comprovação científica no tratamento de COVID-19.”

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Mandetta diz à CPI que Bolsonaro ignorou a ciência no combate à covid-19

Ex-ministro afirma que presidente queria alterar bula da cloroquina para que fosse indicada no tratamento contra o coronavírus. Falta de unidade nas ações do governo confundiu população e afetou combate à doença, avalia. O ex-ministro da …

Vacina EpiVacCorona tem eficácia de mais de 90%, segundo desenvolvedor

Especialista do centro desenvolvedor da EpiVacCorona informou que os estudos aleatórios em grupos imunizados mostram uma eficácia de mais de 90%. Os anticorpos contra o novo coronavírus, após a vacinação com o imunizante russo EpiVacCorona, se …

Covid: 5 motivos que explicam por que Índia recebe mais ajuda do mundo que Brasil

Hospitais em colapso. Pacientes sem vagas nas UTIs. Falta de oxigênio para quem precisa. O cenário devastador que assola a Índia agora durante a pandemia de covid-19 foi o mesmo do Brasil de algumas semanas atrás. …

Google tem sistema para busca de postos de vacinação contra covid

A partir de agora, o Google vai te ajudar a encontrar o lugar mais próximo para você tomar aquela dose tão sonhada da vacina contra a covid-19. A ferramenta se baseia em buscas do tipo ‘como …

Pessoas vacinadas serão isentas de restrições sanitárias na Alemanha

A Alemanha pretende suspender algumas restrições para as pessoas que já foram vacinadas contra o coronavírus. Quem já foi imunizado não será mais obrigado a apresentar um teste negativo para entrar em lojas que …

Com a tecnologia atual não teríamos nenhuma chance contra esse asteróide

Um asteróide fictício vindo em direção a Terra se mostrou mais poderosos que todos os cientistas. Um grupo de especialistas de agências espaciais dos EUA e da Europa participou de um exercício de uma semana liderado …

Divórcio de Bill e Melinda Gates: as dúvidas sobre o destino de fortuna de US$ 124 bilhões

Bill e Melinda Gates anunciaram na segunda-feira (03/05) que vão se divorciar após 27 anos juntos, pondo fim a um dos casamentos mais famosos do mundo dos negócios. Eles se conheceram na década de 1980, quando …

Atraso para tomar 2ª dose não prejudica imunização contra a COVID-19, explica infectologista

Pelo menos nove capitais brasileiras suspenderam a aplicação da segunda dose da vacina contra a COVID-19 fabricada pelo Instituto Butantan, a CoronaVac. Os municípios alegam que as mudanças nas regras do Ministério da Saúde prejudicaram …

Viaduto de metrô desaba no México e deixa mais de 20 mortos

Colapso de estrutura sobre movimentada avenida deixa 70 feridos na Cidade do México. Linha de metrô que trafegava pelo viaduto foi inaugurada há menos de dez anos. Ao menos 23 pessoas morreram e 70 ficaram feridas …

Converse abre loja virtual na famosa Ilha de Lixo do Pacífico

A Converse quer ajudar a limpar a ilha de Lixo do Pacífico por meio de uma campanha de conscientização que uniu criativos de todo o mundo. A marca de calçados juntou um grupo de jovens artistas …