Carne feita em laboratório poderá estar no mercado brevemente

(dr) Maastricht University

-

O conceito de carne cultivada em laboratório não é novo, e várias empresas estão querendo aperfeiçoar o processo.

A Memphis Meats está desenvolvendo uma forma de criar carne sem abate de animais. Já a Tyson Foods lançou um fundo de capital de risco para investir nesta área, e a Mosa Meat espera servir o primeiro hambúrguer feito em laboratório em apenas cinco anos.

Mas o desafio não está necessariamente em criar a melhor alternativa em sabor e aparência – mas sim em reduzir o custo de produção para que os consumidores vejam isso como uma alternativa viável à carne tradicional. E, se as coisas continuarem evoluindo como estão, isso está prestes a acontecer

Em 2013, fazer um hambúrguer in vitro de cerca de 140 gramas, construído a partir de pedaços de tecido muscular de carne cultivados em um laboratório custava cerca de 325 mil dólares.

Agora, com os avanços na indústria constantemente levando este campo para a frente, o preço foi reduzido para apenas 11,36 dólares – 30 mil vezes menos do que quando foi feito pela primeira vez.

Isso faz com que a carne cultivada em laboratório seja apenas três ou quatro vezes mais cara do que a carne moída tradicional. Se a maior barreira para colocá-la no mercado é o custo, parece que estamos chegando lá.

Considerando o ambiente de crescimento ideal, as células estaminais podem produzir muito. Uma única célula de peru poderia, teoricamente, ser usada para produzir músculos suficientes para fabricar 20 trilhões de nuggets de peru.

Dada a crescente demanda de alimentos em todo o mundo, algo assim tem o potencial de revolucionar o sistema alimentar industrial.

A mudança também traria grandes benefícios ambientais. Hoje, o objetivo do sistema alimentar industrial é atender a crescente demanda de alimentos, criando gado em uma pequena quantidade de terra e produzindo a um preço muito acessível.

Isso levou à produção em massa de fazendas de gado que emitem grandes quantidades de gases de efeito estufa. O alimento feito em laboratório poderia reduzir isso em 90% e reduzir o uso da terra em 99%.

Com estes benefícios, agora só precisamos torná-la economicamente viável e convencer as pessoas a darem uma chance para hambúrgueres cultivados em laboratório.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

O país sul-americano que deve crescer 14 vezes mais que a China neste ano

A Guiana ganhou na loteria e está prestes a resgatar o prêmio. Seus vizinhos, especialmente a Venezuela, aguardam intrigados para saber em que ela vai gastar. De acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI), a economia …

Portugal supera marca histórica de 500 mil imigrantes residindo no país; brasileiros são a maioria

Portugal atingiu um número recorde de imigrantes vivendo no país. O anúncio foi feito pelo governo nesta quarta-feira (15), durante debate no Parlamento sobre o Orçamento de Estado para 2020. "Os dados preliminares levam a dizer …

Papa Francisco nomeia primeira mulher para cargo de alto escalão no Vaticano

Pela primeira vez, uma mulher ocupará um cargo de alto nível no Vaticano. O Papa Francisco nomeou Francesca Di Giovanni para a função de vice-ministra da Secretaria de Estado da Santa Sé, órgão equivalente ao …

Khamenei chama Trump de "palhaço" e exalta ataque a bases dos EUA

Em primeiro sermão desde 2012, líder supremo do Irã afirma que Trump finge apoio ao povo iraniano e pede união após dizer que queda de avião foi "acidente trágico". EUA admitem que militares ficaram feridos. O …

Uma desconhecida explosão de ondas gravitacionais foi detectada na Terra

Os detectores de ondas gravitacionais da Terra, os observatórios LIGO e Virgo, identificaram uma misteriosa “explosão” de ondas gravitacionais não prevista na última terça-feira, 14 de janeiro. As ondas gravitacionais detectadas até hoje foram resultado de …

Twitter pede desculpas por permitir anúncios direcionados a neonazistas

O Twitter emitiu hoje (16), um pedido de desculpas público, logo após a BBC fazer uma denúncia de que a plataforma de anúncios da empresa estava permitindo o direcionamento de conteúdo para neonazistas e outros …

SP quer lei para incentivar uso de veículos híbridos e elétricos

Um novo projeto de lei apresentado em São Paulo pretende combater os problemas ambientais provocados pelos carros à combustão, que utilizam os tão poluentes combustíveis fósseis, através do incentivo ao uso de veículos elétricos ou …

Ataques iranianos teriam deixado 11 militares dos EUA feridos

Ao menos 11 militares norte-americanos foram retirados do Iraque para receberem tratamento médico em decorrência dos ataques iranianos contra as bases dos EUA. "Quando ficarem aptos para o serviço, estes militares regressarão ao Iraque", declarou à …

Evo recua e diz que não pretende mais criar milícias

Em carta pública divulgada nesta quinta-feira (16/01), o ex-presidente da Bolívia Evo Morales, que está refugiado na Argentina há mais de um mês, recuou da ideia de promover a formação de milícias no país. "Há alguns …

Dinossauros foram extintos por impacto de asteroide, defende pesquisa científica

O mistério que levou ao fim da era dos dinossauros motiva pesquisadores do mundo inteiro a debater o que teria provocado essa extinção. Um novo estudo busca descartar a teoria de que a atividade vulcânica …