Mais de 100 atletas brasileiros já estão em Taipei para Universíade

(dv) Fellipe Chargel / CBDU

Seleção Brasileira Universitária de futebol em momento de integração no centro cultural da Vila dos Atletas

Mais da metade dos atletas que vão representar o Brasil na Universíade de Taipei já chegou à cidade taiwanesa para se preparar para as provas. Segundo a Confederação Brasileira de Desporto Universitário (CBDU), 110 esportistas já viajaram para a Ásia e mais 71 vão se deslocar para o evento, que começa no próximo sábado (19).

Entre atletas, técnicos e dirigentes, o Brasil vai levar cerca de 300 pessoas para a 29ª edição do evento, que é a segunda maior competição esportiva do mundo em número de participantes. São previstos 10 mil competidores de 170 países. A única competição que supera esses números são os Jogos Olímpicos, que reuniram 11.238 atletas de 207 países no Rio de Janeiro, no ano passado.

Já chegaram a Taiwan os atletas brasileiros do futebol, vôlei, judô, taekwondo, levantamento de peso, tênis, saltos ornamentais e esgrima. Ainda faltam desembarcar as delegações de tênis de mesa, natação, atletismo, ginástica rítmica, badminton e wushu/kung fu.

Em solo asiático, os atletas do futebol e do vôlei já disputaram amistosos contra o México como parte da adaptação à ilha, cujo fuso horário difere da hora de Brasília em 11 horas. No futebol masculino, o Brasil empatou em 3 a 3; no feminino, o resultado foi uma vitória por 3×1; e no vôlei masculino, o Brasil venceu por três sets a dois. Não houve amistoso do vôlei feminino.

Estudante de educação física da Universo-GO, o jogador de futebol Gustavo Coelho Souza da Conceição acredita que o amistoso foi importante para adaptação ao clima de Taipei, que vive um verão quente e úmido nesta época do ano. A temperatura só aumenta com o fato de o campo do New Taipei City Xinzhuang Stadium ser de grama sintética.

“Foi bem proveitoso para dar uma acertada nos últimos detalhes e iniciar bem forte a competição”, avalia Gustavo.

Como na Olimpíada, os primeiros jogos de futebol vão ocorrer antes da abertura oficial do evento. O Brasil enfrenta a seleção feminina da Colômbia, no Chang Gung University Stadium, no dia 18, às 3h da manhã, horário de Brasília. O futebol masculino estreia contra a Rússia também no dia 18, no Hsinchu County Stadium, às 6h30, horário de Brasília.

Olímpicos

Entre os atletas que vão participar da Universíade, 19 disputaram os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Um deles é o lutador de taekwondo Maicon Andrade, que foi medalha de bronze na categoria acima de 87kg.

A maior parte desses 19 atletas é da natação, que levará 10 deles. Um dos destaques do time é o nadador Henrique Martins, que, além de ter participado da Rio 2016, conquistou dois ouros e uma prata na Universíade anterior, na Coreia do Sul, em 2015.

Vila dos Atletas

Os brasileiros que já chegaram a Taiwan estão hospedados na Vila dos Atletas, um complexo de 34 edifícios, sendo 23 de apartamentos e 11 de serviços relacionados aos jogos. Construída no Linkou District, a vila foi aberta em 12 de agosto e depois do evento deve passar por uma reforma para servir como moradia popular.

A vila é equipada com um restaurante com capacidade para servir até 3,5 mil refeições diárias por vez, totalizando até 40 mil refeições nos dias de maior movimento.

No cardápio, estão pratos de diferentes culinárias, como massas italianas, asiática, vegetariana e halal. Comidas típicas do país sede também estão na programação, como rolinhos primavera taiwaneses e sopa de macarrão com carne.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Uma poção medieval provou ser eficaz contra bactérias

Uma fórmula de mil anos de idade para o tratamento infecções nos olhos talvez leve os cientistas a um novo caminho para lutar contra a resistência aos antibióticos. A poção parece mesmo bruxaria: cebola, vinho, alho …

Microsoft confirma intenção de comprar o TikTok

Em um final de semana conturbado para o aplicativo TikTok, o presidente norte-americano Donald Trump deu um prazo de 45 dias para a Microsoft concretizar a aquisição da rede social chinesa. A notícia divulgada pela agência …

Com 200.000 mortes, América Latina é segunda região do mundo mais afetada pela Covid-19

A região da América Latina e do Caribe alcançou a fúnebre marca de 200.212 mortes pelo novo coronavírus e é a segunda no mundo mais afetada pela pandemia, depois da Europa (210.435 óbitos para …

Autoridade de saúde da administração Trump rejeita hidroxicloroquina como tratamento para COVID-19

O responsável por coordenar a aplicação de testes de COVID-19 nos EUA afirmou neste domingo (2) que não há evidências de que a hidroxicloroquina seja um tratamento eficaz contra o novo coronavírus. O secretário assistente do …

Julho foi mês mais fatal da pandemia de covid-19 no Brasil

Com quase 33 mil vítimas, julho foi o pior mês desde as primeiras infecções com o coronavírus no país. Em São Paulo, estado mais atingido, Instituto Butantan oferece testes grátis da doença respiratória na capital. O …

Ouvidos poderiam esconder coronavírus, descobre estudo

Uma equipe de cientistas da Universidade Johns Hopkins, EUA, encontrou vestígios do novo coronavírus nos ouvidos humanos, alertando que agora as autoridades médicas precisam tomar mais cuidado. Chamado de SARS-CoV-2, o novo coronavírus poderia se esconder …

Quase humano: cérebro artificial ajuda robô a realizar tarefas complexas

Pegar uma lata de refrigerante pode ser uma tarefa simples para os seres humanos, mas isso pode ser muito complexo para um robô. Isso porque ele precisa localizar o objeto, deduzir sua forma, determinar a …

Se você fizer isso, dificilmente terá câncer por toda a vida

A Sociedade Americana de Câncer acaba de atualizar o guia de dieta e atividades físicas com o objetivo de reduzir o risco de se ter câncer ou, possivelmente não ter câncer durante toda a vida. …

Nos hospitais, 70% dos profissionais se sentem despreparados para pandemia

O conhecimento sobre a covid-19 ainda é tão pouco que os médicos, enfermeiros e outros profissionais de saúde estão com medo e se sentindo despreparados. Ao mesmo tempo, por conta da pandemia ainda descontrolada no …

Este chef é um verdadeiro herói no lar de idosos onde trabalha

A admiração conquistada pelo chef Kevin na casa de repouso onde trabalha em Perthshire, na Escócia, não vem apenas do sabor e da beleza de cada prato montado por ele. Cozinheiro profissional desde 1995, Kevin se …