Criança acorda de morte cerebral depois de os pais terem aceitado doar seus órgãos

(dr) Jennifer Reindl

Trenton McKinley

Os pais de Trenton McKinley já tinham autorizado a doação dos órgãos quando a “criança milagre” mostrou os primeiros sinais de recuperação.

Trenton McKinley, um norte-americano de 13 anos, voltou à vida um dia antes de os médicos desligarem as máquinas que o mantinham vivo.

Segundo o Jornal de Notícias, a criança brincava na casa de um amigo com um veículo puxado por um pequeno carro para crianças quando sofreu um acidente. Depois de ter se recuperado, Trenton explicou em entrevista que o amigo travou repentinamente, fazendo com que o veículo onde se encontrava virasse.

“Eu bati no chão e o carro caiu em cima da minha cabeça. Depois disso, não me lembro de mais nada”, explicou o rapaz ao FOX10 News.

Depois do acidente, Trenton foi levado de imediato para o centro médico da Universidade do Sul do Alabama para uma cirurgia de emergência. “Tudo o que eu vi foi uma maca e os pés dele pendurados. Ele esteve morto durante 15 minutos. Quando voltou, os médicos disseram que ele nunca teria uma vida normal outra vez”, contou a mãe, Jennifer Reindl.

O menino tinha sete fraturas cranianas. Nos dias depois da cirurgia, Trenton esteve em morte cerebral, quase sem respirar. Nesse momento, os pais da criança perderam a pouca esperança que lhes restava e decidiram assinar os papéis que autorizavam a doação dos órgãos de Trenton, que iriam beneficiar cinco crianças.

Mas, para espanto de todos, um dia antes de os médicos desligarem as máquinas que o mantinham vivo, Trenton começou a dar sinais de atividade e movimento cerebral, tendo voltado a respirar por conta própria. Até que abriu os olhos, acordou e disse frases completas, para grande surpresa dos médicos.

“Eu estava em um campo aberto, andando. Não há outra explicação senão Deus“, disse a criança de 13 anos, que afirma ter estado no céu. Trenton está agora se recuperando de uma forma que nenhum médico imaginou ser possível.

No entanto, a criança enfrenta ainda algumas batalhas: o menino perdeu 22 quilos e sofre de nervos e convulsões todos os dias.

“Os médicos olharam para os olhos dele e ele estava realmente de volta. Antes, Trenton tinha os olhos azuis, mas agora os olhos dele são verdes, com pequenas manchas brancas, como purpurina. Dizem que quando olhamos para Deus, nossos olhos mudam de cor. O meu bebê esteve no céu um dia inteiro. Ele é um milagre“, escreveu a mãe no Facebook.

He has had two crainiatamy surgeries and died 4 times at one time for 15 min. The last time they brought him back he had…

Posted by Jennifer Nicole Reindl on Thursday, March 22, 2018

O adolescente tem apenas metade do crânio, sendo que a outra metade está congelada no hospital. Em breve, o rapaz norte-americano será submetido a uma cirurgia para ligar as duas partes.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Pessoas feias superestimam drasticamente suas aparências

Pessoas pouco atraentes parecem menos capazes de julgar com precisão sua própria atratividade, e tendem a superestimar sua aparência. Não faltam disparidades entre pessoas atraentes e pouco atraentes. Estudos mostram que os mais belos entre nós …

Noruega acusa Pequim de ciberataque contra serviços do governo

Pela primeira vez na história, o Serviço de Segurança Policial da Noruega (PST, na sigla em inglês) identificou a China como sendo responsável por um ataque hacker contra as autoridades do país nórdico. A agência de …

China supera marca de 1 bilhão de vacinas contra a covid-19 aplicadas

Quantia representa mais de um terço das doses aplicadas no mundo. Após início lento da imunização, autoridades chinesas querem vacinar completamente 40% da população até o final de junho. O número de doses de vacinas contra …

Brasileiros protestam no exterior contra Bolsonaro e gestão da epidemia

Dezenas de milhares de pessoas tomaram as ruas de várias capitais brasileiras neste sábado para protestar contra o presidente Jair Bolsonaro e sua gestão da pandemia, que já deixou mais de meio milhão de …

Relíquia do Jurássico: descoberto animal marinho cuja espécie vive há 180 milhões de anos

Um grupo de pesquisadores descreveu uma nova espécie de ofíuros – um animal marinho parecido com as estrelas-do-mar, que recebeu o nome de Ophiojura, informou nesta quinta-feira (17) Tim O’Hara, curador dos Museus Victoria (Austrália) …

Projeto de estrada cortando parque das cataratas de Iguaçu ameaça outras áreas de proteção pelo Brasil

Uma das paisagens naturais mais impressionantes do Brasil e reconhecida pela Unesco, o Parque Nacional do Iguaçu, que abriga as cataratas, no Paraná, pode ser cortado ao meio por uma rodovia asfaltada – em …

Por que a imunidade de rebanho está longe de ser realidade

Embora costume ser apresentada como simples cálculo matemático, alcançar a imunidade de rebanho não é tarefa fácil. Ela não só depende da infecciosidade das variantes, como da adoção de medidas sanitárias pela população. Apesar das campanhas …

Uso de maconha na adolescência pode atrapalhar o desenvolvimento do cérebro

O consumo de maconha pode ser prejudicial ao cérebro humano durante a adolescência, de acordo com estudo publicado na última quarta-feira (16). Segundo a pesquisa, realizada em regiões da Europa, o uso recreativo da planta pode …

EUA terão feriado para comemorar fim da escravidão

Data já celebrada na maioria dos estados vai se tornar feriado federal. O "Juneteenth" lembra dia em que os últimos escravos negros foram libertados no país, em 1865. Após aprovação pelo Congresso dos Estados Unidos na …

5 perguntas sobre os denisovanos, 'parentes' extintos dos humanos modernos que viveram na Terra há 50 mil anos

Desde que os primeiros vestígios dos denisovanos foram descobertos em 2008, os cientistas não descansaram tentando obter mais informações sobre eles. A tarefa, no entanto, não tem sido fácil, porque até agora só foram encontrados pequenos …