Drone descobre vestígios de um “Game of Thrones” da vida real com 1300 anos

Osaka University and Institute of History and Archaeology, Mongolian Academy of Science

Imagens de um drone captaram monumento com 1300 anos nas estepes da Mongólia

Graças a imagens captadas com um drone, pesquisadores do Japão e da Mongólia descobriram um monumento construído com pilares de pedra, datado de 1300 anos atrás, que seria um sinal de um “Game of Thrones” da vida real.

Estão em causa 14 pilares de pedra encontrados nas estepes da Mongólia que fazem parte de um monumento, que teria sido construído há 1300 anos, e que dá aos pesquisadores pistas para antigas batalhas de poder, tão violentas como as que se travam na série “Game of Thrones”.

Estes pilares, detectados por arqueólogos da Universidade de Osaka, no Japão, e do Instituto de História e Arqueologia da Academia de Ciências da Mongólia, com base em imagens de um drone, rodeavam os vestígios de um antigo sarcófago de pedra.

O monumento teria sido construído durante o chamado Segundo Império (ou Qaghanate) Turco, no século VIII, salientam os pesquisadores em comunicado. A conclusão foi retirada com base em análises de radiocarbono em vestígios de carvão calcinado, de pele de carneiro e de osso de cavalo escavados do sarcófago.

Osaka University and Institute of History and Archaeology, Mongolian Academy of Science

Ilustração de um ritual em torno do monumento de 14 pilares, com 1300 anos, encontrado nas estepes da Mongólia

As pedras incluem inscrições em turco e indicam que a pessoa enterrada, cujos vestígios não foram encontrados, se tornou a segunda individualidade mais importante em um império que controlou grande parte da área que é, atualmente, a Mongólia e também partes do norte da China, antes de Gengis Khan ter conquistado o mundo.

Essa pessoa, cujo nome ainda não foi decifrado, tinha o título de “Yagbu”, algo como “vice-rei”, durante o reinado de Bilge Qaghan, ou Imperador Bilge (716-734). Este governante acabou envenenado, segundo dados históricos.

O Yagbu teria sobrevivido ao Imperador Bilge, obtendo, durante o reinado do seu sucessor, Tengri Qaghan (734-741), o título de “Tölis-Shad” ou “Realeza do Oriente”. Ele seria “o comandante-chefe e o mais alto funcionário administrativo da Mongólia oriental”, referem os arqueólogos.

Bilge e Tengri reinaram durante o Segundo Império turco que ficou marcado por instabilidades políticas e assassinatos em disputas de poder. O próprio Imperador Bilge teria chegado ao poder após um golpe perpetrado pela sua família contra o governante anterior.

Depois de ter assumido o poder, na sequência do envenenamento de Bilge, Tengri teria também sido assassinado, morte que iniciou a queda do Segundo Império turco.

“O monumento vai revelar as relações de poder dos governantes na área oriental do império turco e dos seus territórios, bem como suas relações políticas e militares com as tribos da Mongólia”, destacam os pesquisadores que continuam a análise das inscrições.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Documentos secretos dos EUA expõem grandes bancos

Arquivos do Departamento do Tesouro americano revelam que algumas das maiores instituições financeiras do mundo facilitaram por anos lavagem de dinheiro. Valor suspeito movimentado chega a 2 trilhões de dólares. Milhares de documentos secretos do governo …

Estudo confirma que animais e humanos podem transmitir SARS-CoV-2 entre si

Cientistas neerlandeses examinaram grupos de animais e humanos de 16 fazendas de martas nos Países Baixos, descobrindo que houve infeção entre eles. Um estudo realizado em 16 fazendas de martas nos Países Baixos confirma que o …

Uma imensidão de novos mundos podem conter vida após essa nova descoberta

Pesquisadores observaram um planeta gigante orbitando sua estrela, uma anã branca, pela primeira vez. É a mais forte evidência até o momento de que planetas conseguem sim sobreviver a morte violenta de suas estrelas-mãe. A estrela …

Covid-19 vira “oportunidade" para golpistas na internet

Incertezas sobre os sintomas, alta contagiosidade, milhares de mortes no mundo. Ao atingir em cheio o medo das pessoas, o coronavírus se tornou uma “oportunidade" para golpistas na internet, que se aproveitam da ansiedade …

Trump ofereceu perdão a Assange em troca de fonte de e-mails vazados, diz advogada

Advogada de Assange afirmou que administração Trump ofereceu liberdade para o fundador do WikiLeaks caso ele revelasse a fonte por trás dos vazamentos de e-mails do Partido Democrata dos EUA. A oferta teria sido feita através …

Estudo mostra material especial que pode ser usado em construções em Marte

A NASA planeja levar humanos novamente à Lua com o programa Artemis a partir de 2024, que irá contribuir para a realização de futuras visitas a Marte. E Elon Musk é um entusiasta da ideia …

YouTube, Facebook: redes sociais bloqueiam contas de pesquisadores de maconha medicinal

No final do ano passado o uso medicinal da maconha foi aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e legalizado no Brasil. A lei, que beneficia a saúde de milhares de pessoas que sofrem com …

Telescópio Hubble revela Júpiter se preparando para mudar de cor

"A visão nítida do Hubble oferece um informe meteorológico atualizado sobre a atmosfera do monstruoso planeta", afirmam astrônomos. O telescópio espacial Hubble capturou uma imagem de uma singular tormenta branca em Júpiter, que começou em 18 …

Pessoas anti-máscaras são obrigados a virar coveiros de vítimas do Covid-19

Máscaras são comprovadamente uma das melhores, mais simples e baratas maneiras de proteger a si mesmo e aos demais contra o Covid-19. Mas ainda há uma imensidade de pessoas que insistem em recusar usar máscaras …

Manifestantes protestam em Tel Aviv a poucas horas do reconfinamento em Israel

Centenas de israelenses foram às ruas na noite desta quinta-feira (17) protestar contra o reconfinamento determinado pelo primeiro-ministro Benjamin Netanyahu a partir desta sexta-feira (18) em Israel. O isolamento imposto nas próximas três semanas, para …