O verdadeiro elixir da imortalidade poderia estar no Império Chinês

Michael McDonough / Flickr

A Grande Muralha da China na zona de Mutianyu

Qin Shihuang, primeiro imperador da China unificada, tentou realmente conseguir a imortalidade e ordenou que todos os residentes do império procurassem a receita do “elixir da vida eterna”.

“A emissão do decreto e o próprio fato de as pessoas terem mesmo tentado cumpri-lo nos diz que Qin Shihuang criou um sistema de poder executivo e legislativo muito confiável e eficiente, capaz de realizar as vontades do imperador à escala de todo o país numa época em que os transportes e comunicações ainda praticamente não existiam”, afirmou Zhang Chunlong, supervisor das escavações na área, citado pela Live Science.

Tradicionalmente, considera-se que a China foi fundada pelo chamado Imperador Amarelo, Huangdi, que governou o Império Celestial em 2800 a.C. As lendas atribuem a ele forças mágicas, inclusive uma vida extremamente longa e uma resistência inédita.

Primeiro imperador de uma China unificada, Qin Shihuang, por sua vez, considerava ser seu herdeiro espiritual, tendo no ano de 221 a.C. conseguido unir os 7 reinos rivais em um império unido com leis comuns e uma estrutura de poder vertical.

Nos anos seguintes, adquiriu a reputação de um líder violento, mas justo, que trouxe à China a ordem e a paz.

Devido aos seus projetos grandiosos, como a construção da Muralha da China e do mausoléu gigante em Xian, bem como os numerosos atentados contra o imperador, contribuíram para que sua figura ficasse associada a inúmeras lendas.

Os arqueólogos chineses descobriram inesperadamente que até o próprio governante chinês acreditava em alguns desses mitos, o que foi comprovado por uma descoberta na província chinesa Hunan.

De acordo com Zhang, sua equipe tem realizado escavações na parte central da província já há mais de 10 anos. Durante esse período, os pesquisadores conseguiram encontrar milhares de artefatos da época, inclusive uma grande coleção de placas de bambu com os mais diversos dados sobre a vida cotidiana do império.

Recentemente, os arqueólogos chineses terminaram a análise da parte médica destes arquivos. Entre estes, foi encontrado um decreto oficial de Qin Shihuang no qual o imperador ordenava a todos os funcionários públicos e residentes do império que procurassem o “elixir da imortalidade” ou que recolhessem dados sobre ele, relatando-os à capital sem demora.

Deste modo, o documento oficial confirma lendas relacionadas com o imperador. Cronistas da época escreviam que Qin Shihuang tinha obsessão pelo mistério da imortalidade e não parava de viajar pelo país à procura de pensadores ou de algo semelhante à “fonte de juventude eterna” dos mitos da Grécia Antiga.

Conforme as placas descobertas pela equipe de cientistas, não foi apenas o imperador que se ocupou desta iniciativa, mas também toda a população.

Talvez tenha sido devido a procuras e experiências que o primeiro imperador da China unida morreu aos 39 anos. Falecimento foi provocado por intoxicação com mercúrio.

Este produto poderia ter integrado os “elixires de imortalidade” com base em cinabre, uma mistura de mercúrio e enxofre, que Qin Shihuang supostamente teria consumido nos últimos anos de vida.

Ciberia // Sputnik News / ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Nosso sistema solar será destruído antes do que pensávamos

Embora o solo sob nossos pés pareça sólido e reconfortante (na maioria das vezes), nada neste Universo dura para sempre. Um dia, nosso sol morrerá, ejetando uma grande proporção de sua massa antes que seu núcleo …

Mãe em Estocolmo não é mais suspeita de aprisionar filho

Promotores suecos estão retirando seu caso contra uma mulher acusada de prender o filho por vários anos. De acordo com as últimas informações, não há provas suficientes de que ele havia sido detido contra sua …

Mistério de galáxia desprovida de matéria escura é revelado

As observações astronômicas apontam para forças de "maré" e comportamento "canibal" de uma galáxia vizinha, que explicariam a escassez deste componente invisível. Se alguma galáxia é pobre em matéria escura, pode ser devido a uma interação …

Maioria das vacinas da Moderna será reservada no início para os Estados Unidos

A Moderna espera disponibilizar entre 100 e 125 milhões de doses de sua vacina contra a Covid-19 no primeiro trimestre de 2021. A empresa anunciou, nesta quinta-feira que, no início, entre 85 e 100 …

Amazonas é 3º estado com mais queimadas, emissões e desmatamento

Pela primeira vez, o Amazonas assume a terceira posição nos três principais rankings que indicam o avanço da degradação florestal na Amazônia brasileira, incluindo indicadores de queimadas, emissões de gases de efeito estufa e desmatamento …

Sudão bane casamento infantil e mutilação genital feminina, mas prática apresenta desafios

Depois de derrubar o ditador Omar al-Bashir no ano passado, o Sudão deu importante passo para reverter alguns dos tantos horrores cometidos contra a população feminina no país – e tornou ilegal tanto o casamento …

Namíbia elege deputado chamado Adolf Hitler

O nome de um recém-eleito político da Namíbia, vem chamando atenção na mídia nacionais e internacionais. "Adolf Hitler teve uma vitória esmagadora nas eleições regionais na Namíbia", relatou o portal de notícias alemão Spiegel Online nesta …

Astrônomos mapeiam 1 milhão de galáxias previamente desconhecidas

Cerca de um milhão de galáxias previamente desconhecidas para além da Via Láctea foram adicionadas a um mapa detalhado de seção de espaço. Pesquisas sobre o espaço normalmente demoram anos para serem completas, mas um novo …

Brasil recebe vacina de Oxford em janeiro, promete Pazuello

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse que o primeiro lote das vacinas de Oxford chega ao Brasil em janeiro. Serão 15 milhões de doses entre janeiro e fevereiro, totalizando 260 milhões ao longo do …

Cingapura é primeiro país a aprovar venda de carne de laboratório

Empresa californiana obteve autorização da cidade-Estado para usar sua carne de frango produzida a partir de cultura celular em chicken nuggets e garante que preço será competitivo. Cingapura é o primeiro país do mundo a aprovar …