Governo de Duterte felicita Maria Ressa pelo Nobel da Paz

(dr) Rey Baniquet / PPD

O Presidente das Filipinas, Rodrigo Roa Duterte

Três dias depois do anúncio da premiação, governo das Filipinas dá os parabéns à jornalista, uma das principais críticas de Rodrigo Duterte e sua guerra contra o narcotráfico.

Três dias depois do anúncio do Comitê do Nobel de Oslo, o governo das Filipinas rompeu o silêncio sobre o primeiro Prêmio Nobel dado a uma pessoa filipina e deu os parabéns nesta segunda-feira (11/10) à jornalista Maria Ressa.

“Felicitamos Maria Ressa por ser o primeiro filipino a vencer o Prêmio Nobel da Paz”, afirmou o porta-voz do governo. “É uma vitória para uma filipina e estamos muito felizes por isso.”

A felicitação foi logo seguida por uma ressalva. “Mas, claro, é verdade de que há indivíduos que acham que Maria Ressa ainda têm de limpar o seu nome diante das nossas cortes”, acrescentou o porta-voz, lembrando que ela já foi condenada e enfrenta outros processos judiciais.

Foco na guerra contra o narcotráfico

Ressa, de 58 anos, compartilhou o Prêmio Nobel da Paz de 2021 com o jornalista russo Dmitri Muratov. Ela foi logo felicitada por vários governos e por representantes da sociedade filipina, mas o presidente Rodrigo Duterte se absteve de qualquer comentário.

O único comentário por parte do governo filipino havia sido do ministro do Exterior, Teddy Locsin, que na rede social Twitter felicitou Ressa, comentando que “uma vitória é uma vitória”, mas ressalvou que a ex-presidente filipina Cory Aquino também teria merecido o Nobel da Paz por liderar o movimento pró-democracia durante os anos 1980.

Ressa destacou-se por investigar a guerra contra o narcotráfico iniciada por Duterte quando ele chegou ao poder, em 2016. A campanha já deixou milhares de mortos em operações policiais e execuções extrajudiciais e está sendo investigada pelo Tribunal Penal Internacional (TPI) por suspeita de crimes contra a Humanidade.

Processos judiciais

A jornalista é uma das co-fundadoras do site de notícias Rappler, criado em 2012, e tem também trabalhado para combater as notícias falsas e a desinformação em redes sociais como o Facebook, em grande parte atribuídas a contas relacionadas a Duterte.

Críticos do governo afirmam que a atuação dela é o verdadeiro motivo dos processos que ela responde na Justiça das Filipinas, com processos que podem acarretar vários anos de prisão.

“O Nobel da Paz colocou luz em como os perigos para exercer nossa profissão, não apenas nas Filipinas, mas em todo o mundo, aumentaram”, afirmou Ressa após a divulgação, na sexta-feira.

“O prêmio dá um alento aos jornalistas. Agora, podemos respirar e seguir adiante, com coragem, para contar nossas histórias”, completou.

Ressa e Muratov receberam a distinção pelos seus esforços em defesa da liberdade de expressão, um pré-requisito para a democracia e a paz duradoura, afirmou a presidente do Comitê do Nobel, Berit Reiss-Andersen.

Com a escolha, o Comitê do Nobel quis destacar a importância da proteção das liberdades de expressão e de imprensa. Os dois laureados são “representantes de todos os jornalistas que defendem esse ideal num mundo em que a democracia e a liberdade de imprensa lutam contra condições cada vez mais adversas“, destacou a instituição.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Google está “criando Deus”, alerta ex executivo da Google

Segundo um ex-executivo do Google, a singularidade está chegando. E, segundo ele isso representa uma grande ameaça para a humanidade. Mo Gawdat, ex-diretor de negócios da organização moonshot do Google, que na época se chamava Google …

Pandemia causa a maior redução na expectativa de vida desde a Segunda Guerra

Desde a descoberta do coronavírus SARS-CoV-2, mais de 4,9 milhões de pessoas morreram oficialmente em consequência da infecção, segundo levantamento da Universidade Johns Hopkins. Nesse cenário, a pandemia da covid-19 reduziu a expectativa de vida …

Forças Armadas da Noruega assinam contrato bilionário de mísseis para caças F-35

Noruega tem sido um parceiro ativo no programa de caças dos EUA F-35, tendo em conta que 18 empresas deste país nórdico são parceiros diretos. Subsequentemente, a Noruega decidiu adquirir 52 caças F-35 para substituir …

Brasil fez lobby para mudar relatório climático, diz Greenpeace

Vários países, entre eles o Brasil, tentaram fazer mudanças em um crucial relatório da ONU sobre como combater o aquecimento global, afirmou o Greenpeace nesta quinta-feira (21/10), citando um grande vazamento de documentos. Os documentos aos …

Site da Coreia do Sul é usado para hospedar vírus e distribuí-lo via torrents

Uma campanha de distribuição de malwares na Coreia do Sul está disfarçando cavalos de troia de acesso remoto como um jogo para o público adulto, compartilhado via serviço de hospedagem de arquivos, como o WebHard, …

América Latina pode levar ‘muitos anos’ para superar impacto da pandemia, alerta FMI

Os efeitos negativos da pandemia de Covid-19 em termos de produtividade, emprego e capital humano na América Latina e Caribe podem "demorar muitos anos para serem revertidos". O alerta foi feito nesta quinta-feira (21) pelo …

Dinossauro “garça do inferno com cara de crocodilo” é descoberto

Dois dinossauros carnívoros de dentes pontiagudos com crânios de crocodilo apareceram uma vez nas margens do rio na Ilha de Wight, na Inglaterra, revelam novos fósseis. Os cientistas deram às criaturas nomes científicos que se traduzem …

As 9 acusações contra Bolsonaro no relatório da CPI - e a manobra governista para tentar blindá-lo

Após o relatório da CPI da Covid no Senado acusar o presidente Jair Bolsonaro de nove crimes durante a pandemia, um senador da bancada governista tentou uma manobra para "blindar" o chefe do Executivo e …

Nova onda de covid-19 atinge o Leste Europeu

Uma nova onda de covid-19 se alastra pela Europa, sobretudo em países do Centro e do Leste, onde as taxas de imunização se mantêm mais baixas. A alta nos casos em vários países faz com …

Ator Alec Baldwin mata acidentalmente cineasta e fere diretor em set de filmagem nos EUA

O ator Alec Baldwin disparou uma arma que não devia estar carregada, utilizada nas filmagens no Novo México (EUA), matando a cineasta Halyna Hutchins e ferindo o diretor Joel Souza, segundo as autoridades. O incidente se …