Histórica visita de Trump a Israel tem polêmicas e “tapa” de Melania

State of Israel / Flickr

Donald Trump e a primeira-dama dos EUA, Melania, na chegada a Israel

Donald Trump e a primeira-dama dos EUA, Melania, na chegada a Israel

A visita de Donald Trump a Israel está fazendo história e causando polêmica por causa da ida ao Muro das Lamentações. E em um âmbito menos político, Trump dá o que falar por causa de uma “palmada” de Melania.

Ainda antes de entrar nos temas mais sensíveis da visita a Israel, logo na chegada ao aeroporto de Tel Aviv, Donald Trump e Melania, a primeira dama dos EUA, protagonizaram um momento caricato, quando caminhavam ao lado do primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, e sua mulher, Sara, que iam de mãos dadas.

O presidente dos EUA esticou a mão na direção de Melania, como se quisesse imitar Netanyahu e sua esposa. Melania respondeu com uma “tapa” na mão do governante, como que afastando-a de perto dela – momento que ficou registrado em vídeo e que tem feito movimentado as redes sociais.

Visita histórica e polêmica ao Muro das Lamentações

Mas a visita de Trump a Israel está dando o que falar também por motivos políticos e históricos – antes de mais pelo fato de Trump ter chegado a Israel em um voo que partiu da Arábia Saudita, onde esteve em visita oficial nos últimos dias.

Este foi “o primeiro voo direto da história entre a Arábia Saudita e Israel”, diz a imprensa israelense.

Outro ponto polêmico da visita de Trump a Israel é a ida ao Muro das Lamentações, na cidade velha de Jerusalém, na parte oriental ocupada, onde esteve com Melania e sem a presença de representantes do Estado israelense, em visita a título privado.

Trump foi o primeiro inquilino da Casa Branca a visitar o Muro das Lamentações, o lugar mais sagrado do judaísmo. Até agora, os presidentes norte-americanos em exercício tinham evitado a visita, em alinhamento com o restante da comunidade internacional, que não legitima a soberania de Israel sobre esta parte da cidade.

“Ligações indestrutíveis” com Israel

Na chegada a Tel Aviv, o presidente norte-americano saudou as relações dos EUA e de Israel como “ligações indestrutíveis”, depois de ter sido recebido na pista do aeroporto internacional da capital israelense pelo presidente Reuven Rivlin e sua mulher, Nechama, e pelo primeiro-ministro Benjamin Netanyahu e pela sua mulher, Sara.

Trump reiterou também sua convicção de que existe “uma rara oportunidade” para o alcance da paz na região.

“Temos à nossa frente uma rara oportunidade para conseguir a segurança, a estabilidade e a paz nesta região”, declarou, citado pela agência France Press, nas suas primeiras declarações públicas sobre a visita.

Novo ataque ao Irã

Em um tom mais de “guerrilha” política, Trump repetiu fortes críticas ao Irã, afirmando que Teerã nunca poderia vir a ter armas nucleares.

“Os EUA e Israel podem afirmar em simultâneo que o Irã nunca deve possuir uma arma nuclear e que deve cessar o financiamento, treino e equipamento mortífero para terroristas e milícias, imediatamente”, declarou o presidente norte-americano acusando Teerã de apoiar “terroristas”.

Ao reafirmar a “duradoura amizade entre os EUA e o Estado de Israel” e o fato de serem “grandes aliados e parceiros”, Trump destacou que os dois países precisam fortalecer a cooperação por enfrentarem “ameaças comuns”. Ele citou o Estado Islâmico e também “o Irã, que impulsiona o terrorismo, financia e fomenta uma violência terrível”.

Trump também agradeceu a Benjamin Netanyahu o que definiu como “compromisso em avançar com a paz entre palestinos e israelenses” e disse ter desejo “em debater o processo de paz com o presidente palestino Mahmud Abbas”, com quem também se reúne na visita de 28 horas pela região.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Estão são as atividades mais e menos arriscadas para espalhar Covid-19

Quando falamos em pegar Covid-19 cada atividade traz um risco diferente. É o que nos mostra esse admirável infográfico (que traduzimos a seguir) recentemente compartilhando pelo Twitter do Information is Beautiful (Informação é linda, em …

Android gerou receitas equivalentes a 2% do PIB brasileiro em 2019, diz estudo

Um levantamento feito pela consultoria Bain & Company apontou que o Android gerou receitas estimadas em R$ 136 bilhões ao mercado brasileiro. Isso aconteceu a partir de empresas diretamente envolvidas no ecossistema do sistema operacional móvel …

Eleições regionais na Itália são um teste para governo diante de avanço da Liga de Salvini

Apesar do novo avanço de contaminações de Covid-19, a Itália organiza neste domingo e segunda-feira eleições municipais e regionais. Os eleitores também são convocados para se pronunciar em um referendo nacional sobre a redução …

Documentos secretos dos EUA expõem grandes bancos

Arquivos do Departamento do Tesouro americano revelam que algumas das maiores instituições financeiras do mundo facilitaram por anos lavagem de dinheiro. Valor suspeito movimentado chega a 2 trilhões de dólares. Milhares de documentos secretos do governo …

Estudo confirma que animais e humanos podem transmitir SARS-CoV-2 entre si

Cientistas neerlandeses examinaram grupos de animais e humanos de 16 fazendas de martas nos Países Baixos, descobrindo que houve infeção entre eles. Um estudo realizado em 16 fazendas de martas nos Países Baixos confirma que o …

Uma imensidão de novos mundos podem conter vida após essa nova descoberta

Pesquisadores observaram um planeta gigante orbitando sua estrela, uma anã branca, pela primeira vez. É a mais forte evidência até o momento de que planetas conseguem sim sobreviver a morte violenta de suas estrelas-mãe. A estrela …

Covid-19 vira “oportunidade" para golpistas na internet

Incertezas sobre os sintomas, alta contagiosidade, milhares de mortes no mundo. Ao atingir em cheio o medo das pessoas, o coronavírus se tornou uma “oportunidade" para golpistas na internet, que se aproveitam da ansiedade …

Trump ofereceu perdão a Assange em troca de fonte de e-mails vazados, diz advogada

Advogada de Assange afirmou que administração Trump ofereceu liberdade para o fundador do WikiLeaks caso ele revelasse a fonte por trás dos vazamentos de e-mails do Partido Democrata dos EUA. A oferta teria sido feita através …

Estudo mostra material especial que pode ser usado em construções em Marte

A NASA planeja levar humanos novamente à Lua com o programa Artemis a partir de 2024, que irá contribuir para a realização de futuras visitas a Marte. E Elon Musk é um entusiasta da ideia …

YouTube, Facebook: redes sociais bloqueiam contas de pesquisadores de maconha medicinal

No final do ano passado o uso medicinal da maconha foi aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e legalizado no Brasil. A lei, que beneficia a saúde de milhares de pessoas que sofrem com …