IBGE: 63,7% dos desempregados no país são pretos ou pardos

Pedro Ventura / Agência Brasília

A taxa de subutilização da força de trabalho no país ficou praticamente estável no terceiro trimestre do ano, fechando em 23,9% do mercado de trabalho – crescimento de apenas 0,1 ponto percentual frente aos 29,8% relativos ao segundo trimestre. Os números, no entanto, significam que ainda representa 26,8 milhões de pessoas sem trabalho adequado no país.

Os dados fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) divulgados nesta sexta-feira (17), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A taxa de subutilização, segundo os parâmetros do IBGE, agrega a população desocupada, os subocupados por insuficiência de horas e os que fazem parte da força de trabalho potencial.

Deste total apurado pelo IBGE, 18,5% (o equivalente a 19,2 milhões de pessoas) diziam respeito à taxa combinada de subocupação por insuficiência de horas trabalhadas e desocupação (pessoas ocupadas com uma jornada de menos de 40 horas semanais, mas que gostariam de trabalhar em um período maior, somadas às pessoas desocupadas).

Em relação ao segundo trimestre, essa taxa combinada mostrou estabilidade, uma vez que equivalia a 18,6% do total da força de trabalho. Quando a comparação se dá com o 3º trimestre de 2016, de 16,5%, há um aumento da taxa de 2,1 pontos percentuais.

No terceiro trimestre de 2017, as maiores taxas foram verificadas na Bahia (30,8%), no Piauí (27,7%), em Sergipe (25,2%), no Maranhão (24,9%) e em Pernambuco (24,5%). As menores taxas foram registradas em Santa Catarina (8,9%), no Mato Grosso (12,0%), em Rondônia (12,2%), no Mato Grosso do Sul (12,8%), Paraná (13,0%) e Rio Grande do Sul (13,0%).

Também no terceiro trimestre, dos 13 milhões de desempregados no país, 63,7% eram negros ou pardos (8,3 milhões).

De acordo com o IBGE, o dado indica que a taxa de desocupação dessa parcela da população ficou em 14,6%, enquanto a da população branca ficou em 9,9%.

“As pessoas pretas e pardas estão sempre em desvantagem no mercado de trabalho, desde a inserção a depois de se inserir. São desigualdades que a gente já conhece, mas é sempre bom lembrar”, disse Cimar Azeredo, coordenador de Trabalho e Rendimento do IBGE, citado pelo G1.

A situação de desemprego dos pretos e pardos contrasta com os números do mercado de trabalho. De acordo com o IBGE, esta parcela da população representa mais da metade dos trabalhadores brasileiros (53%).

Ciberia // Agência Brasil

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

EUA mudam posição histórica e afirmam que colônias de Israel não são ilegais

Os Estados Unidos afirmaram nesta segunda-feira (18) que não consideram mais os assentamentos de Israel na Cisjordânia ocupada uma quebra do direito internacional. A mudança foi anunciada pelo secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, que …

Trump poderá depor no inquérito sobre seu impeachment na Câmara dos Representantes

O presidente Donald Trump anunciou nesta segunda-feira  que poderá testemunhar no comitê de investigação da Câmara dos Representantes, que avalia a possibilidade de pedir seu impeachment. O pedido foi feito pela líder dos democratas, Nancy …

Buraco negro supermassivo disparou estrela em altíssima velocidade

Há cerca de cinco milhões de anos uma estrela foi lançada do buraco negro supermassivo que fica no centro da Vial Láctea, Sagittarius A. Os cientistas imaginam que a velocidade inicial era de milhares de …

Ataque a tiros deixa mortos em festa de quintal na Califórnia

Quatro pessoas morreram e ao menos seis ficaram feridas neste domingo em um novo ataque com arma de fogo no estado da Califórnia, nos Estados Unidos. Familiares e amigos assistiam a um jogo de futebol no …

Jovem norueguesa monitora quase 500 perfis nas redes sociais para evitar suicídios

Ingebjørg Blindheim tem 22 anos e já ganhou o apelido de “salva-vidas”. A norueguesa monitora quase 500 perfis nas redes sociais buscando identificar usuários que possam estar próximo de cometer suicídio. Quando percebe uma situação de …

NASA pode ter encontrado pistas sobre Planeta X

O suposto Planeta X segue repleto de mistérios e a única coisa que se sabe é que há algum objeto grande e massivo na região do cinturão de Kuiper. O grande objeto estaria causando uma grande …

Co-fundador da Wikipedia lança rede social livre de anúncios

O co-fundador da Wikipédia, Jimmy Wales, desenvolveu uma rede social chamada WT: Social, que opera basicamente do mesmo jeito que a enciclopédia virtual, ou seja, sem publicidade, apenas com doações. Apesar disso, não há ligação …

O que é a peste pulmonar e por que sua aparição na China preocupa

A forma mais rara, porém mais letal de peste, apareceu na China. Duas pessoas foram hospitalizadas em Pequim após contrairem a peste pulmonar ou pneumônica - uma variante altamente infecciosa da doença e muitas vezes …

Mais de 200 pessoas perderam visão em protestos no Chile

A principal associação médica do Chile anunciou nesta quinta-feira (14/11) que pelo menos 230 pessoas perderam a visão, parcial ou completamente do olho afetado, devido a tiros com espingarda de pressão disparadas por agentes de …

Movimento dos "coletes amarelos" completa um ano com efeitos positivos na economia

O diário econômico francês Les Echos desta sexta-feira dedica sua capa e várias páginas ao movimento dos coletes amarelos, que completa um ano neste domingo. O jornal analisa as consequências dos protestos na economia francesa …