Juíza ordena prisão de médico que deixou criança sem rins

Uma juíza da Bolívia ordenou nesta quarta-feira a prisão preventiva do médico que deixou sem rins uma criança boliviana devido a um suposto erro médico, em um caso de ampla repercussão internacional.

Segundo a estatal Agência Boliviana de Informação (ABI), a juíza Ana Gloria Rojas determinou a detenção preventiva do médico Róger Moreno no presídio de Palmasola, na cidade de Santa Cruz.

O advogado da família do menor, Felipe Hurtado, declarou à agência que “a juíza ordenou a detenção preventiva do médico em função dos antecedentes do médico e pelo fato de poder influenciar no processo estando em liberdade.

O médico operou na semana passada um menor de 3 anos, de nome Sebastián, a quem extirpou por engano o rim saudável e depois teve que retirar o segundo, que tinha um tumor cancerígeno.

A audiência cautelar foi realizada em um hospital de Santa Cruz no qual está internado o médico devido uma patologia cardíaca, sendo que já está sob custódia policial e deverá ingressar na prisão assim que se recuperar, de acordo com a ABI.

Os advogados do médico anunciaram que apelarão da decisão, que foi determinada depois que uma comissão de promotores acusou o médico por lesões graves e gravíssimas.

O menor se encontra no Hospital Infantil desta cidade, onde recebe tratamento de hemodiálise, e seu estado foi classificado como extremamente grave, já que o câncer também afeta seus pulmões, segundo dados do Serviço Departamental de Saúde em Santa Cruz.

O menino requer uma radioterapia para tratar primeiro as metástases que sofre nos pulmões, antes que possa estar em condições de submeter-se a um transplante de rim, de acordo com o serviço de saúde.

O caso de Sebastián teve uma ampla repercussão em meios de comunicação de vários países e comoveu a Bolívia a ponto de presidente do país, Evo Morales, anunciar ajudas para a família após confessar que o caso “doeu muito”.

O médico que operou o menino já foi processado em 2012 pela morte de um menor depois que esqueceu material cirúrgico dentro de seu corpo, mas não foi condenado.

O caso reavivou o debate na Bolívia sobre o endurecimento de penas por má prática médica, depois que o governo retirou no início do ano um projeto de reforma do Código Penal nessa linha, que desencadeou uma greve de médicos que durante um mês e meio pôs em xeque a saúde pública do país.

// EFE

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Apple quer proibir lançamento de livro que revela segredos comerciais da empresa

O livro alemão App Store Confidential, de Tom Sadowski, é uma publicação temida pela Apple. Isso porque o autor foi o líder de desenvolvimento da loja de aplicativos da Gigante de Cupertino na Alemanha, Áustria …

Chineses acusam governo de usar epidemia de coronavírus para prender dissidentes

No momento em que a China enfrenta a epidemia do COVID-19 que já causou 2 mil mortes e infectou 74 mil pessoas no país, o mundo se pergunta se a crise reforça ou, pelo …

Suíça quer devolver dinheiro ganho com tráfico de escravizados para as Américas

O horror do tráfico de pessoas escravizadas entre os séculos XVI e XIX para os EUA, Caribe, América Latina e principalmente o Brasil teve mais responsáveis do que nos dita a história. E a Suíça …

Reino Unido pós-Brexit fecha portas para imigrantes pouco qualificados

No Reino Unido pós-Brexit, os estrangeiros que quiserem obter um visto de trabalho no país vão ter que provar muitas habilidades. Os candidatos receberão pontos de acordo com seu nível de inglês, diploma e profissão …

Síria realiza primeiro voo comercial entre Damasco e Aleppo desde 2013

Diretores de aeroportos da Síria mencionam o trabalho realizado no aeroporto de Aleppo para permitir o feito, realizado graças à vitória do Exército sírio e esforço dos operários. A Síria realizou seu primeiro voo comercial em …

Mudanças climáticas ameaçam futuro das crianças do mundo, diz ONU

Estudo de Nações Unidas, Unicef e revista 'The Lancet' aponta ações de sustentabilidade insuficientes. Países ricos fracassam em prover meio ambiente favorável, apesar de melhor ponto de partida. Países de todo o mundo estão fracassando em …

Bug no sistema do McDonald's forneceu lanches de graça sem limite de quantidade

Imagine você poder realizar quantos pedidos quiser no McDonald's e não ter que arcar com um só centavo para isso. Bem, essa mamata virtual era o que vinha acontecendo no sistema da multinacional de fast-food …

Governo chinês está até "queimando" dinheiro para combater o coronavírus

A briga do governo chinês contra o Covid-19 (também conhecido como "novo coronavírus") tem colocado diversos órgãos governamentais em alerta, e o governo da China parece não poupar esforços para conter a proliferação da doença …

Maior organização de escoteiros dos EUA declara falência após processos de abuso sexual

O grupo Boys Scouts of America, principal movimento de escoteiros dos Estados Unidos, apresentou um pedido de falência nesta terça-feira (18), em um esforço para salvaguardar as indenizações às vítimas de abuso sexual, afirma um …

Ações humanas alteram dispersão de sementes na Amazônia, aponta estudo

Análise de mais de 26 mil árvores demonstra que atividades como queimadas e desmatamento abalam o equilíbrio entre fauna e flora. Com degradação, restam animais pequenos na floresta, que espalham sementes menores. Quando se fala em …