Sonda Juno irá passar diretamente por cima da Grande Mancha Vermelha de Júpiter

NASA

-

Poucos dias depois de comemorar o seu primeiro aniversário em órbita de Júpiter, a sonda Juno da NASA irá voar diretamente sobre a Grande Mancha Vermelha de Júpiter, a icônica tempestade com 16 mil quilômetros de largura do gigante gasoso.

Esta será a primeira visão íntima da característica gigante – uma tempestade monitorizada desde 1830 e que possivelmente existe há mais de 350 anos.

“A misteriosa Grande Mancha Vermelha é provavelmente a característica mais conhecida de Júpiter”, comenta Scott Bolton, pesquisador principal da Juno no Southwest Research Institute em San Antonio.

“Esta tempestade monumental enfurece o maior planeta do Sistema Solar há séculos. Agora, a Juno e seus instrumentos científicos penetrantes irão mergulhar para ver quão profundas são as raízes desta tempestade, e para nos ajudar a entender como funciona e o que a torna tão especial“, destaca.

A recolha de dados da Grande Mancha Vermelha faz parte do sexto voo rasante científico da Juno por cima das misteriosas nuvens de Júpiter. O perijove (o ponto orbital mais próximo do centro de Júpiter) ocorrerá na terça-feira (11) às 2h55.

Nesse momento, a Juno passará a cerca de 3.500 quilômetros do topo das nuvens do planeta. Onze minutos e 33 segundos depois, a Juno terá coberto outros 39.771 quilômetros e estará diretamente por cima das rodopiantes nuvens carmesim da Grande Mancha Vermelha de Júpiter.

A sonda passará cerca de 9 mil quilômetros acima das nuvens da enorme tempestade. Todos os oito instrumentos da sonda, bem como a sua câmera, JunoCam, estarão ligados durante a aproximação.

No último dia 5, a Juno completou exatamente um ano em órbita de Júpiter, totalizando aproximadamente 114,5 milhões de quilômetros em órbita do gigante gasoso.

“O sucesso da recolha científica em Júpiter é testemunho da dedicação, criatividade e capacidades técnicas da equipa da NASA-Juno”, destaca Rick Nybakken, gestor do projeto Juno no JPL da NASA em Pasadena, no estado norte-americano da Califórnia.

“Cada nova órbita nos aproxima do coração do cinturão de radiação de Júpiter, mas até agora a sonda tem resistido à tempestade de elétrons que rodeiam Júpiter melhor do que alguma vez podíamos imaginar”, adianta.

A Juno foi lançada no dia 5 de agosto de 2011, a partir de Cabo Canaveral, na Flórida (EUA). Durante a sua missão de exploração, a Juno voa perto do topo das nuvens do planeta – até 3.400 quilômetros.

Nestes voos rasantes, a Juno sonda o interior da cobertura de nuvens e estuda as suas auroras para aprender mais sobre as origens, estrutura atmosfera e magnetosfera do planeta.

Os primeiros resultados científicos da missão Juno da NASA retratam o maior planeta do nosso Sistema Solar como um mundo turbulento, com uma estrutura interior intrigantemente complexa, uma aurora polar energética e grandes ciclones polares.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Eduardo Bolsonaro desiste de ser embaixador nos EUA

Filho do presidente anuncia decisão após conquistar liderança do PSL na Câmara e em meio à incerteza sobre apoio de senadores à sua indicação à embaixada. Deputado diz que fica no Brasil para defender pauta …

Após coletes amarelos, Macron enfrenta crise e onda de suicídios no meio rural

Agricultores franceses protestaram nesta terça-feira em toda a França contra o que chamam de “agribashing”, ou, em tradução livre da expressão em inglês, uma "agressão violenta" (“bashing”) contra o setor. O fenômeno se repetiu na Alemanha, …

Sujar-se de terra é o mais moderno e eficaz antidepressivo de acordo com este estudo

Com a depressão já diagnosticada como a doença do século XXI, em um mundo cada vez mais tomado por medicamentos como a agomelatina, amitriptilina, escitalopram, mirtazapina e paroxetine – entre tantos outros – , a …

Patenteado material que permite ocultar objetos e é chamado capa de invisibilidade

A empresa canadense fabricante de uniformes de camuflagem para militares, HyperStealth Biotechnology, anunciou quatro pedidos de patente, todos relacionado ao Quantum Stealth. O material também é chamado de “capa de invisibilidade”. O inventor dos quatro pedidos …

Netanyahu desiste de formar governo em Israel

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, renunciou, nesta segunda-feira (21), à tarefa de formar um novo governo. O presidente Reuven Rivlin informou que entregará a missão ao opositor Benny Gantz. O primeiro-ministro anunciou a decisão nas redes …

'Nunca houve tanta interferência de uma família dentro de um poder', diz Joice sobre governo

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) declarou nesta segunda-feira (22) que "nunca houve tanta interferência de uma família dentro de um poder" como existe no governo do presidente Jair Bolsonaro. Após ser retirada da função de …

"Táxis de cocaína" são problema crescente em Berlim

Aumento do número de veículos que entregam drogas diretamente na casa dos usuários preocupa a polícia berlinense. A cocaína perde apenas para a heroína como causa de mortes relacionadas a drogas na capital alemã. A polícia …

A casa da Barbie existe na vida real – e você pode se hospedar lá

Possivelmente a mais célebre e vendida boneca do mundo, a Barbie costumava sugerir uma vida de luxo e deleite ao imaginário da criançada que cresceu – e ainda cresce – inventando uma vida enquanto brinca …

Eleição na Bolívia: Resultados parciais indicam 2º turno inédito entre Evo Morales e Carlos Mesa

Com quase 90% dos votos contabilizados, resultados parciais da eleição realizada neste domingo na Bolívia indicam que o atual presidente Evo Morales não teve votos suficientes para garantir já sua vitória, caminhando para disputar com …

Voo mais longo e sem escalas da história pousou em Sydney

O voo mais longo e sem escalas da história pousou nesse domingo (20) em Sydney, 19 horas e 16 minutos após a decolagem, em Nova York. Foi um teste da companhia australiana Qantas, que pretende …