Madrid aguarda declaração de independência da Catalunha na segunda-feira para tomar medidas

Marta Perez / EPA

O Governo espanhol deverá esperar até segunda-feira (9), quando os separatistas da Catalunha declararem a independência, para tomar novas medidas contra o processo secessionista na região, que considera estar totalmente fora da lei.

“Essa declaração de independência não tem nenhuma validade, nenhum efeito, nenhuma consequência”, disse nesta quarta-feira (4) o ministro da Justiça espanhol, Rafael Catalá, admitindo que Madrid não pode evitar que o chefe do Governo da Catalunha faça a declaração.

O responsável do Governo central insistiu “não ser possível que uma parte do território ou um governo regional decida se declarar independente. Não é possível porque não tem competências”, acrescentando que “tudo é uma falácia e não existe, porque se pretende fazer com um suporte de absoluta ilegalidade”.

Carles Puigdemont assegurou, em mensagem transmitida pela televisão na noite desta quarta, que irá manter a rota definida até a independência, sempre com “a porta aberta ao diálogo”, considerando o executivo de Madrid “irresponsável” por não aceitar uma mediação.

“Hoje estamos mais certos do que ontem do nosso desejo histórico”, de ser um Estado independente, disse Puigdemont, que também criticou o rei espanhol, Felipe VI, por ter ignorado milhões de catalães “que não pensam” como o monarca.

Puigdemont acusou ainda Felipe VI de ter assumido o discurso e as políticas do Governo de Mariano Rajoy, que considera serem “catastróficas” em relação à Catalunha.

Felipe VI tinha acusado na terça-feira (3) “determinadas autoridades” da Catalunha de “deslealdade” institucional e de terem uma “conduta irresponsável”, totalmente à margem do direito e da democracia.

“O que vamos fazer é o que outros povos já fizeram”, disse Puigdemont na sua mensagem, condenando, em seguida, a violência da polícia ao tentar impedir que os catalães votassem. Segundo as autoridades regionais catalãs, a intervenção policial para impedir a realização do referendo deste domingo fez 893 feridos.

O chefe do executivo catalão revelou na terça à BBC que iria declarar a independência daquela região “em questão de dias”, tendo calculado que “vai agir no final desta semana ou no começo da próxima”.

A coligação catalã ‘Juntos pelo Sim’, que sustenta a Generalitat, em uma reunião da Mesa no parlamento da região, propôs para a próxima segunda-feira a realização de uma sessão plenária com um único assunto na ordem do dia: a presença de Puigdemont para fazer uma avaliação do referendo de domingo.

Mas a Candidatura de Unidade Popular, partido separatista de extrema-esquerda que dá apoio parlamentar ao executivo regional afirma que nesse dia, depois de serem apresentados oficialmente os resultados do referendo de autodeterminação de domingo passado, será feita a declaração de independência.

Segundo os resultados provisórios, o “Sim” à independência ganhou com 90% dos votos. A consulta, que não teve observadores ou listas eleitorais reconhecidas por entidades independentes e foi boicotada pelos anti-separatistas, teria tido uma participação de 42% dos 5,3 milhões de eleitores, de acordo com os defensores da independência.

Entretanto, Madrid afirma estudar todas as medidas possíveis para obrigar o executivo regional da Catalunha (Generalitat) a cumprir a lei e a Constituição espanholas.

Entre essas possíveis medidas estão a ativação do artigo 155 da Constituição (que permitiria obrigar a Generalitat a cumprir a lei), usar a lei de segurança nacional ou declarar estado de emergência.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

‘Grande ameaça à saúde pública’: cientistas descobrem mutação resistente a remédio contra a malária

Pesquisadores em Ruanda identificaram uma cepa do parasita causador da malária que é resistente a medicamentos. O estudo, publicado na revista Nature, revelou que os parasitas eram capazes de resistir ao tratamento com a artemisinina, um …

Brasil, um ano no foco da crítica ambiental mundial

Em agosto de 2019, país virou pária ambiental devido a incêndios e aumento do desmatamento. Bolsonaro reagiu com agressividade e insultos. Agora, aumenta a pressão de investidores estrangeiros por uma mudança de rumo. Foi uma catástrofe …

Com medo da Covid-19, Venezuela discrimina venezuelanos que voltam ao país

Várias medidas vêm sendo aplicadas na Venezuela para conter a Covid-19. Um estádio foi transformado em hospital de campanha, blocos de concreto foram colocados nas vias, festas estão proibidas e há um canal de …

Centro Gamalei, desenvolvedor de vacina russa, explica como funciona e se há riscos para o paciente

O diretor do Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Gamalei falou sobre os testes da vacina, que será registrada oficialmente na quarta-feira (12). As partículas do coronavírus na vacina da COVID-19 não podem prejudicar …

Mistura inusitada de amônia e água cria raios superficiais e granizos em Júpiter

Júpiter, o maior gigante gasoso do Sistema Solar, é um lugar coberto por tempestades estranhas. O que os cientistas ainda não sabiam é que no meio dessas tormentas, existem raios de natureza bem diferente dos …

Emocionante avanço da teoria para a realidade: bizarro efeito quântico é observado

No núcleo toda estrela anã branca — o denso resto de uma estrela que queimou todo seu combustível — existe um fenômeno quântico enigmático: enquanto ganha massa ela reduz de tamanho chegando a um ponto …

Estudo prevê 300 mil mortes por covid até fim do ano nos EUA

Pesquisadores da Universidade de Washington pintam cenário sombrio caso restrições não sejam respeitadas. Enquanto primeiros epicentros registram queda, outros estados americanos divulgam taxas de infecções recordes. A epidemia de covid-19 deve matar aproximadamente 300 mil americanos …

Coronavírus: Exportações devem cair mais de 20% na América Latina, diz ONU

As exportações da América Latina e do Caribe podem cair mais de 20% em 2020 devido às consequências da pandemia do coronavírus, que também terá um impacto negativo nas importações, disse uma agência da …

O que é nitrato de amônio, que pode provocar explosões como a de Beirute?

A recente tragédia no país árabe trouxe de novo à tona preocupações sobre o armazenamento do perigoso material, tornando necessário saber como esses incidentes ocorrem para os prevenir. A explosão de nitrato de amônio em Beirute, …

Astrônomos descobrem nuvens gigantes "escondidas" em Vênus há 35 anos

Uma equipe de astrônomos encontrou nuvens venenosas, com gotas de ácido sulfúrico em sua formação, em meio à densa atmosfera de Vênus. Curiosamente, essas nuvens já estavam presente na atmosfera venusiana há pelo menos 35 anos, …