Motor nuclear projetado para NASA poderá transportar humanos para Marte em apenas 3 meses

ESA

A NASA tem como meta enviar a primeira tripulação humana para Marte em 2030, e certa inovação poderá fazer a jornada de mais de 64 milhões de quilômetros em apenas três meses, em vez de sete.

A Ultra Safe Nuclear Technologies, uma empresa de tecnologia com sede em Seattle, EUA, está desenvolvendo um motor movido à energia nuclear, sendo considerado mais seguro e confiável do que a propulsão nuclear anterior (NTP, na sigla em inglês) e possuindo o dobro da eficiência de um foguete como uma compulsão química.

O sistema usa um combustível especializado projetado com urânio de baixo enriquecimento e de alto desempenho que, segundo a empresa, é mais robusto do que os combustíveis nucleares convencionais, podendo operar a temperaturas mais elevadas, reporta o Daily Mail.

Embora o conceito tenha sido criado para a NASA, a empresa observa que este pode ser utilizado por entidades comerciais para levar turistas a outros planetas na metade do tempo em princípio previsto.

A Ultra Safe Nuclear Technologies (USN-Tech) recentemente entregou a imagem do conceito e os detalhes para a NASA, que acredita poder assumir o controle do mercado conforme os foguetes químicos atuais estão atingindo seu limite – tornando a jornada para Marte ainda mais longa do que antes.

Michael Eades, engenheiro principal da USNC-Tech, garantiu querer “liderar o esforço para abrir novas fronteiras no espaço e fazê-lo com rapidez e segurança“, e ressaltou que o seu “motor maximiza o uso de tecnologia comprovada, elimina modos de falha de conceitos NTP anteriores e tem um impulso específico superior ao dobro do dos sistemas químicos”.

O que parece separar a USN-Tech do resto é o uso pela empresa de um combustível totalmente cerâmico microencapsulado (FCM, na sigla em inglês) para o reator.

A USNC-Tech também observa que o combustível FCM aproveita cadeias de suprimentos e instalações de fabricação pré-existentes usadas por desenvolvedores de reatores nucleares terrestres, reduzindo os riscos de produção e permitindo o envolvimento sustentável da indústria.

Dr. Paolo Venneri, presidente-executivo da USNC-Tech, disse que “a chave para o design da USNC-Tech é uma sobreposição consciente entre as tecnologias de reator terrestre e espacial”, o que permite “alavancar os avanços em tecnologia nuclear e infraestrutura de sistemas terrestres e aplicá-los aos nossos reatores espaciais“.

A NASA ainda não definiu uma data para a primeira missão humana a Marte, mas as empresas já se encontram trabalhando para quando o lançamento eventualmente ocorrer.

O administrador da NASA, Jim Bridenstein, compartilhou em uma postagem no blog oficial da NASA, em julho: “Estamos planejando nossa primeira viagem de ida e volta a Marte há mais de dois anos, usando sistemas de propulsão avançados para permitir uma viagem mais rápida e, ao mesmo tempo, limitar a exposição à radiação de nossos astronautas e outros riscos de missão. Nossa janela de lançamento preferida dará à tripulação cerca de 30 dias na superfície marciana, o que é bastante tempo para procurar vida em outro mundo.”

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …

Em último vídeo do mandato, Merkel pede que população se vacine

A chanceler alemã Angela Merkel, que deixará o poder na próxima quarta-feira (8), voltou a defender neste sábado (4) a vacinação contra a Covid-19, no último de uma série de mais de 600 vídeos …

Descobrem na China ferramenta de marfim de 99 mil anos, possivelmente a mais antiga do país

Pesquisadores desenterraram uma pá de marfim datada de há cerca de 99.000 anos em um sítio arqueológico do Paleolítico na província chinesa de Shandong. Acredita-se que o objeto seja uma das primeiras ferramentas de osso utilizadas …