Falta de vitamina C podem levar à formação acelerada de células cancerígenas da leucemia

ivanmarkchang / Flickr

Uma equipe de cientistas dos EUA explica, em um artigo na edição desta semana da revista Nature, como é que os níveis de vitamina C podem influenciar o desenvolvimento da leucemia, um tipo de câncer que afeta células do sistema imunológico – os leucócitos.

Sean Morrison, do Instituto de Pesquisa do Centro Médico de Pediatria da Universidade do Sudoeste do Texas (EUA), e coordenador do estudo explica que os cientistas já sabiam existir uma ligação entre pacientes com baixo níveis de vitamina C e câncer, mas só agora descobriram parte da explicação.

“Há algum tempo que sabemos que as pessoas com níveis baixos de ácido ascórbico (vitamina C) têm um risco maior de câncer, mas não compreendíamos bem por qual razão. A nossa pesquisa fornece parte da explicação, pelo menos para o sistema de formação do sangue”, disse.

Usando técnicas criadas durante este trabalho, a equipe conseguiu analisar os níveis de metabolitos (produtos resultantes do metabolismo de uma molécula) em uma população rara de células isoladas em tecidos – as células-tronco do sangue, que dão origem às diversas células do sangue (imunológicas, glóbulos vermelhos e plaquetas).

A equipe descobriu que as células-tronco do sangue têm níveis muito altos de vitamina C, refere um comunicado do instituto.

Para ver se a vitamina C seria importante para estas células-tronco, a equipe usou ratinhos. Enquanto os humanos obtêm a vitamina C através da comida, os ratos conseguem produzi-la no fígado. Por isso, os cientistas os modificaram geneticamente para que não a fabricassem e pudessem controlar seus níveis.

Só que em vez de uma perda de atividade das células-tronco (normalmente inundadas de vitamina C), os cientistas viram, afinal, que o número destas células e a sua atividade aumentaram. Mas isso tinha um preço.

“As células-tronco usam o ácido ascórbico para regular a abundância de certas modificações químicas no DNA, que são parte do epigenoma – um conjunto de mecanismos dentro de uma célula que regula que genes são ligados e desligados”, explica Michalis Agathocleous, principal autor do trabalho.

“Por isso, quando as células-tronco não recebem vitamina C suficiente, o epigenoma pode ficar danificado de uma forma que aumenta a atividade das células-tronco e também o risco de leucemia”, afirma.

Mais: a equipe observou como a falta de vitamina C afetava uma enzima (a Tet2) que é supressora de tumores. Nos passos iniciais da leucemia, esta enzima fica precisamente inativa.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Reprovação a Bolsonaro volta a subir, afirma Datafolha

O Instituto Datafolha apurou que a reprovação ao governo do presidente Jair Bolsonaro aumentou ainda mais, passando para 53% entre as pessoas consultadas, segundo uma pesquisa divulgada nesta quinta-feira (17/02) pelo jornal Folha de S. …

Empresa norueguesa assegura que pode 'eliminar' furacões antes que se tornem destrutivos

Especialistas ambientais advertem que o sistema de cortina de bolhas proposto pela empresa poderia ela própria provocar efeitos indesejados. A OceanTherm, startup norueguesa, assegura que sua tecnologia pode evitar que as tempestades tropicais se tornem poderosos …

Limitar aquecimento global a 1,5ºC exige redução drástica de gases poluentes, mostra relatório

Manter a temperatura da Terra a 1,5°C será impossível sem uma redução massiva das emissões de gases poluentes. É o que mostra um novo relatório divulgado pela ONU nesta quinta-feira (16). O documento "United …

Alemanha libera entrada para brasileiros que apresentem teste negativo

A Alemanha vai deixar de considerar o Brasil como área de alto risco na pandemia do novo coronavírus a partir deste domingo, anunciou nesta sexta-feira (17/09) o Instituto Robert Koch (RKI), a agência governamental alemã …

Assembleia-Geral da ONU: exigência de vacina ainda não está decidida, mas é improvável que Bolsonaro seja barrado

Perdeu força a possibilidade de que líderes de países tenham que comprovar que se vacinaram contra a covid-19 para participar da 76ª Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), que acontece na semana que vem …

Submarinos: França perde o "contrato do século" para a Austrália, que opta por EUA e Reino Unido

O jornal econômico Les Echos estampa em sua primeira página desta quinta-feira (16) uma notícia, ainda no condicional, que se concretizaria durante a madrugada: "A Austrália desiste de uma encomenda de 12 submarinos franceses …

VSR: o pouco conhecido vírus que se espalha entre crianças no mundo e também no Brasil

No início de 2021, a equipe do Hospital Infantil de Maimonides, no Brooklyn, em Nova York (EUA), começou a experimentar uma cautelosa sensação de alívio. Os casos de covid-19 na cidade estavam em queda. Como …

Com popularidade em queda, premiê britânico Boris Johnson reforma equipe de governo

Após semanas de boatos, o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, decidiu modificar o governo nesta quarta-feira para formar uma "equipe unida" e enfrentar os desafios depois de um ano e meio de pandemia e em …

Relatório lista mais de uma dezena de crimes atribuídos a Bolsonaro

Um grupo de juristas liderados pelo ex-ministro da Justiça Miguel Reale Júnior entregou nesta terça-feira (14/09) à CPI da Pandemia um relatório de 226 páginas com possíveis crimes cometidos pelo presidente Jair Bolsonaro durante a …

Simulação virtual mais realista de sempre do Universo é revelada

Um dos aspectos mais incríveis da simulação é que mostra a evolução da matéria durante praticamente os 13,8 bilhões de anos de história do Universo, desde o Big Bang até a atualidade. Uma equipe internacional de …