Os favoritos à vitória na Copa América 2020

Apenas dois meses após ter celebrado a conquista da Copa América jogando em casa, mantendo o registro 100% vitorioso em provas nas quais foi anfitrião, o Brasil se vê obrigado a defender o estatuto.

A realização da 47ª edição da Copa América em 2020 resulta da intenção da CONMEBOL em alterar a calendarização da prova.

Novidades à vista em 2020

A Copa América 2020 – que ocorre um ano após a mais recente edição, vencida pelo Brasil – sofrerá alteração em termos de calendarização. A partir do ano que vem, ao invés de ser disputada em anos ímpares como até agora, a competição vai passar a ser sempre disputada em anos pares, assim como o Campeonato Europeu. A regularidade, entretanto, irá manter-se quadrienal.

As datas já estão devidamente estipuladas: a prova vai ocorrer entre os dias 12 de junho e 12 de julho, computando exatamente um mês de competição.

A Argentina e a Colômbia vão ser as duas nações anfitriãs, em um cenário que não se verificava desde 1983, última ocasião em que duas seleções coorganizaram uma edição do campeonato. De resto, em 2024, já se sabe que o país que abrigará o torneio será o Equador.

Zoneamento

Para efeitos competitivos, a divisão das equipes em zonas é provavelmente a alteração que mais interessa.

Ao contrário do sistema tradicional de grupos, que vinha imperando nas últimas edições da Copa América, a partir de 2020 a prova vai ter outra estrutura. Os 12 times que irão participar do torneio – dez sul-americanos e dois convidados, que, no caso, serão Austrália e Qatar –, vão ser distribuídos em apenas dois grupos, cada um deles com seis seleções.

As quatro primeiras colocadas de cada agrupamento se qualificarão para as quartas de final, ao passo que as duas últimas ficarão de imediato pelo caminho. Na Zona Norte estão agrupados até então Brasil, Colômbia, Equador, Peru e Venezuela. Já na Zona Sul vão competir Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai e Uruguai, restando saber em qual das zonas vão ficar as duas seleções convidadas.

Favoritismo

A Copa América 2020 é ainda uma realidade distante para as seleções que irão participar dela, mas sites de apostas de futebol online, como o da Betway Esportes, já avançaram com as primeiras odds relativas ao time com mais chances de vencer o torneio.

O Brasil é o atual detentor do título, além de um dos times candidatos à vitória na edição da Copa América 2020. No entanto, a seleção orientada por Tite, técnico que desta vez espera contar com o outrora lesionado Neymar, não é a grande favorita à revalidação.

Nesse momento, as cotas colocam o favoritismo do lado da Argentina, segunda seleção a conquistar mais edições da prova, totalizando 14 vitórias, registro superado apenas pelo Uruguai.

Finalista derrotada em duas das últimas três edições da competição, a armada liderada por Leo Messi ainda aguarda conquistar seu primeiro título com “La Pulga” e companhia. A justificação para o atual estado das cotas reside, é claro, no fator “casa”. De resto, o trio de favoritos à vitória é precisamente composto pelos organizadores, Argentina e Colômbia, e pelo Brasil, seguidos do Uruguai.

Uruguaios sorriem na Argentina

A Argentina é a nação que mais vezes organizou a Copa América. Já foram nove edições, e a 10ª será computada precisamente no ano de 2020. A Argentina também está integrando a candidatura para a organização da Copa do Mundo 2030.

Nas últimas duas edições da Copa América disputadas no País das Pampas quem sorriu foi a seleção do Uruguai. Em 2011, os “Charrúa” bateram o Paraguai na final por 3 a 0. Isso depois de terem deixado para trás a anfitriã Argentina, nos pênaltis, e o Peru.

Em 1987, a situação foi muito similar, com os uruguaios assumindo uma espécie de papel de “besta negra” da Argentina. Na época, após a fase de grupos, o campeonato seguia de imediato para as semis.

Nessa fase, o Uruguai se superiorizou aos argentinos por 1 a 0, vencendo posteriormente o Chile na final com o mesmo placar. Suárez, Cavani e companhia limitada certamente querem dar continuidade a esse legado e reforçar o estatuto de maior campeão da América do Sul, ainda que as localidades em que o torneio será disputado não coloquem o favoritismo a seu lado.

Ao que parece, será uma Copa de grandes emoções, possivelmente rica em surpresas relativas a ambas as zonas e ao resultado final. Vamos ver quem levantará a taça quando chegar a ocasião.

Ciberia //

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

'Morra quem morrer', diz prefeito na Bahia ao decretar reabertura do comércio

O prefeito da cidade de Itabuna (BH), Fernando Gomes, declarou em vídeo divulgado nas redes sociais que autorizará reabertura de estabelecimentos comerciais em 9 de julho. Ao anunciar a implementação do decreto que autorizará reabertura do …

Édouard Philippe, premiê francês, pede demissão e deixa cargo após três anos

O primeiro-ministro francês, Édouard Philippe, apresentou sua demissão nesta sexta-feira (3) ao presidente Emmanuel Macron, que aceitou o pedido. O anúncio foi feito nesta manhã pela assessoria do palácio do Eliseu, a sede da …

Crânio achado em tumba submarina revela aparência de homem da Idade da Pedra

Oscar Nilsson, um artista forense sueco, reconstruiu virtualmente a aparência de um homem da Idade da Pedra, cujo crânio sem mandíbula foi encontrado em uma estaca dentro de uma tumba submarina de aproximadamente oito mil …

Alemanha quer eliminar extremismo de direita de tropa de elite

Com reforma, Ministério da Defesa alemão pretende "apertar o botão de reset" no KSK, unidade de elite das Forças Armadas abalada por escândalos sobre envolvimento de seus membros com extremismo de direita. A ministra alemã da …

Putin, presidente "eterno"? Para mais de 75% dos russos, a resposta é sim

Vladimir Putin, presidente "vitalício"? Essa é uma das apostas da votação que termina hoje na Rússia, e que vem sendo apoiada por cerca de 73,55% dos eleitores, que até agora votaram “SIM” neste referendo. Se …

Funcionários da Tesla são demitidos por ficarem em casa

Quando a fábrica da Tesla na Califórnia (EUA) reabriu em meados de maio, o CEO, Elon Musk, tranquilizou os trabalhadores dizendo que não precisariam ir à fábrica se "se sentissem desconfortáveis". No entanto, apesar do comunicado, …

Brasil supera marca de 60 mil mortes por covid-19

Segundo dados das secretarias estaduais e do Ministério da Saúde, total acumulado de óbitos no país é de 60.632, com 1.448.753 infecções. Brasil tem ainda 826.866 pessoas recuperadas. O painel do Conselho Nacional de Secretários de …

Especialista pode ter encontrado a resposta para estátuas egípcias com nariz quebrado

Na arte e na simbologia religiosa do antigo Egito, a representação da figura humana era celebrada como possível receptáculo de nossas almas ou mesmo de um Deus, em estátuas que possuíam profunda função ritualística. Passados alguns …

Estrela massiva desapareceu sem deixar traços

Um objeto espacial integrante da galáxia anã Kinman desapareceu de nossas vistas, de acordo com uma pesquisa publicada na revista Monthly Notices of the Royal Astronomical Society. Essa estrela excepcionalmente grande foi descrita em 2001 …

Vacina da covid-19 produzida no Brasil será distribuída em dezembro, se aprovada

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) pode começar a distribuir a vacina contra a COVID-19 em dezembro deste ano, caso os testes finais se mostrem efetivos para evitar a propagação da doença. A vacina vem sendo …