Os favoritos à vitória na Copa América 2020

Apenas dois meses após ter celebrado a conquista da Copa América jogando em casa, mantendo o registro 100% vitorioso em provas nas quais foi anfitrião, o Brasil se vê obrigado a defender o estatuto.

A realização da 47ª edição da Copa América em 2020 resulta da intenção da CONMEBOL em alterar a calendarização da prova.

Novidades à vista em 2020

A Copa América 2020 – que ocorre um ano após a mais recente edição, vencida pelo Brasil – sofrerá alteração em termos de calendarização. A partir do ano que vem, ao invés de ser disputada em anos ímpares como até agora, a competição vai passar a ser sempre disputada em anos pares, assim como o Campeonato Europeu. A regularidade, entretanto, irá manter-se quadrienal.

As datas já estão devidamente estipuladas: a prova vai ocorrer entre os dias 12 de junho e 12 de julho, computando exatamente um mês de competição.

A Argentina e a Colômbia vão ser as duas nações anfitriãs, em um cenário que não se verificava desde 1983, última ocasião em que duas seleções coorganizaram uma edição do campeonato. De resto, em 2024, já se sabe que o país que abrigará o torneio será o Equador.

Zoneamento

Para efeitos competitivos, a divisão das equipes em zonas é provavelmente a alteração que mais interessa.

Ao contrário do sistema tradicional de grupos, que vinha imperando nas últimas edições da Copa América, a partir de 2020 a prova vai ter outra estrutura. Os 12 times que irão participar do torneio – dez sul-americanos e dois convidados, que, no caso, serão Austrália e Qatar –, vão ser distribuídos em apenas dois grupos, cada um deles com seis seleções.

As quatro primeiras colocadas de cada agrupamento se qualificarão para as quartas de final, ao passo que as duas últimas ficarão de imediato pelo caminho. Na Zona Norte estão agrupados até então Brasil, Colômbia, Equador, Peru e Venezuela. Já na Zona Sul vão competir Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai e Uruguai, restando saber em qual das zonas vão ficar as duas seleções convidadas.

Favoritismo

A Copa América 2020 é ainda uma realidade distante para as seleções que irão participar dela, mas sites de apostas de futebol online, como o da Betway Esportes, já avançaram com as primeiras odds relativas ao time com mais chances de vencer o torneio.

O Brasil é o atual detentor do título, além de um dos times candidatos à vitória na edição da Copa América 2020. No entanto, a seleção orientada por Tite, técnico que desta vez espera contar com o outrora lesionado Neymar, não é a grande favorita à revalidação.

Nesse momento, as cotas colocam o favoritismo do lado da Argentina, segunda seleção a conquistar mais edições da prova, totalizando 14 vitórias, registro superado apenas pelo Uruguai.

Finalista derrotada em duas das últimas três edições da competição, a armada liderada por Leo Messi ainda aguarda conquistar seu primeiro título com “La Pulga” e companhia. A justificação para o atual estado das cotas reside, é claro, no fator “casa”. De resto, o trio de favoritos à vitória é precisamente composto pelos organizadores, Argentina e Colômbia, e pelo Brasil, seguidos do Uruguai.

Uruguaios sorriem na Argentina

A Argentina é a nação que mais vezes organizou a Copa América. Já foram nove edições, e a 10ª será computada precisamente no ano de 2020. A Argentina também está integrando a candidatura para a organização da Copa do Mundo 2030.

Nas últimas duas edições da Copa América disputadas no País das Pampas quem sorriu foi a seleção do Uruguai. Em 2011, os “Charrúa” bateram o Paraguai na final por 3 a 0. Isso depois de terem deixado para trás a anfitriã Argentina, nos pênaltis, e o Peru.

Em 1987, a situação foi muito similar, com os uruguaios assumindo uma espécie de papel de “besta negra” da Argentina. Na época, após a fase de grupos, o campeonato seguia de imediato para as semis.

Nessa fase, o Uruguai se superiorizou aos argentinos por 1 a 0, vencendo posteriormente o Chile na final com o mesmo placar. Suárez, Cavani e companhia limitada certamente querem dar continuidade a esse legado e reforçar o estatuto de maior campeão da América do Sul, ainda que as localidades em que o torneio será disputado não coloquem o favoritismo a seu lado.

Ao que parece, será uma Copa de grandes emoções, possivelmente rica em surpresas relativas a ambas as zonas e ao resultado final. Vamos ver quem levantará a taça quando chegar a ocasião.

Ciberia //

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Príncipe Andrew vira centro de escândalo sexual

O príncipe Andrew do Reino Unido comunicou nesta quarta-feira (20/11) que decidiu se afastar da vida pública após o agravamento da controvérsia em torno de seu envolvimento com o milionário americano Jeffrey Epstein, acusado de …

Brasil é o maior hub de fintech da América Latina

O Brasil é o maior país da América Latina — tanto em massa quanto em população — e ocupa uma posição influente no cenário global. Depois dos Estados Unidos, o Brasil lidera a lista do …

Entomólogo dos EUA acredita ter identificado fósseis de insetos em Marte

O entomólogo William Romoser, professor emérito da Universidade de Ohio (EUA), analisou fotos captadas por rovers da NASA em Marte e afirma ter achado nelas fósseis de insetos. Romoser analisou detalhadamente estruturas parecidas a abelhas, bem …

China se irrita com decisão americana sobre Hong Kong e convoca diplomata

Pequim convocou nesta quarta-feira (20) um diplomata do alto escalão dos Estados Unidos após a adoção na terça-feira (19), pelo Senado americano, de um texto que apoia os "direitos humanos e democracia" em Hong Kong. Os …

Porteiro que citou Bolsonaro no caso Marielle recua em novo depoimento

O porteiro que citou o presidente Jair Bolsonaro nas investigações sobre a morte da vereadora Marielle Franco e do motorista, Anderson Gomes, depôs nesta terça-feira (19/11) à Polícia Federal e recuou da versão que havia …

Anistia Internacional denuncia mais de 100 mortes em protestos no Irã

ONG relata uso de munição real contra manifestantes e diz que total de mortos pode ser ainda maior. Presidente e líder supremo dizem que país teve êxito ao lidar com distúrbios provocados por inimigos externos. A …

Áustria decide sobre polêmica do destino da casa onde nasceu Hitler

Por enquanto, parece ter se encerrado a polêmica sobre qual destino dar à residência onde nasceu Adolf Hitler. O edifício, que fica na Áustria, se tornará uma delegacia de polícia, segundo anunciou o governo austríaco …

Satélites Starlink já estão atrapalhando observações astronômicas

Em maio, Elon Musk garantiu que seus satélites Starlink não causariam impactos nas observações astronômicas — declaração dada pelo Twitter logo após o lançamento dos primeiros 60 satélites do projeto que visa pelo menos 12 …

As celebridades no esporte que adoram poker - 7 esportistas que jogam poker por lazer!

O poker está cada dia mais alcançando um status como esporte e poderá até mesmo se tornar um esporte olímpico. Desde 2009, o poker é considerado mundialmente como um esporte da mente pela International Mind Sports …

Tiro de PM causou morte da menina Ágatha no Rio, aponta inquérito

A Polícia Civil do Rio de Janeiro afirmou nesta terça-feira (19/11) que um cabo da Polícia Militar foi indiciado por homicídio doloso (quando há intenção de matar) pela morte de Ágatha Vitória Sales Félix, de …