Imprensa internacional destaca decisão de realizar Copa América no Brasil em plena pandemia

Lucas Figueiredo / CBF

Os jornais Le Monde (França), The Guardian (Reino Unido) e The New York Times (EUA) repercutiram nesta segunda-feira a decisão da Conmebol de transferir a realização da Copa América para o Brasil, em plena pandemia. A crise sanitária obrigou os países vizinhos a cancelarem o mesmo torneio, apesar de sua importância financeira.

O site do jornal francês Le Monde destaca a insatisfação de jogadores sul-americanos com a realização da Copa América no Brasil.

“O Brasil registrou mais de 460.000 mortes por Covid-19 e os epidemiologistas temem uma terceira onda de contaminação. Neste contexto, alguns jogadores internacionais expressaram sua oposição à realização do torneio”, destaca o jornal..

“Estou impressionado com o fato de que a Copa América será disputada apesar da situação atual”, disse o uruguaio Luis Suarez ao vespertino francês. Seu compatriota, Edinson Cavani, também denunciou a decisão.

“É uma irresponsabilidade terrível que tudo se faça para jogar a Copa América. Nada sobre a situação social importa aqui, nem mesmo os riscos associados ao vírus“, publica Le Monde.

O jornal francês destaca ainda o depoimento do deputado Marcelo Freixo (Psol) no Twitter. “A Argentina recusou a Copa América por causa do agravamento da pandemia. Lá, a média móvel de mortes nos últimos sete dias foi de 470 pessoas… Aqui, é de 1.844. QUATRO VEZES MAIOR. Esse é o retrato de um governo assassino”, publica Le Monde, reproduzindo o tuíte de Freixo.

O jornal destaca ainda que “esta será a sexta vez que o Brasil sediará a Copa América, competição na qual venceu todas as vezes que disputou em casa (1919, 1922, 1949, 1989 e 2019). Em 2019, o país conquistou o campeonato pela nona vez, vencendo o Peru (3 a 1) na final”.

“Surpreendente”

Para o jornal britânico The Guardian, a decisão da Conmebol de realizar o torneio no Brasil é “surpreendente”. “O país tem um dos maiores índices de mortalidade Covid-19 do mundo, com mais de 400.000 óbitos. Manifestações foram realizadas em todo o país para exigir o impeachment do presidente, Jair Bolsonaro, por sua forma de lidar com a crise.

O Guardian sublinha que Gonzalo Belloso, secretário-geral da Conmebol, disse na semana passada que a organização conversou com autoridades chilenas com o objetivo de sediar alguns jogos no país. “Os organizadores estão relutantes em cancelar o torneio por causa de sua importância financeira”, analisa o jornal britânico.

“A Copa América 2019 rendeu US $ 118 milhões e foi a segunda maior fonte de receita anual da confederação depois da Copa Libertadores, o equivalente à Liga dos Campeões da Europa”, destaca o periódico em seu site.

“Presidente brasileiro zombou de lockdowns”

O norte-americano The New York Times reportou que “o Brasil, onde o número de novos casos diminuiu recentemente, mas permanece alto, viu mais mortes por Covid-19 do que qualquer outro país, além da Índia e dos Estados Unidos”.

Segundo o jornal, “seu presidente, Jair Bolsonaro, zombou repetidamente de lockdowns, do uso de máscaras e outras medidas, desprezou a orientação de especialistas em saúde para lidar com a pandemia”, contextualiza a publicação.

Em seguida, o Times sublinha a diferença com a Argentina, onde “a edição de 2020 da Copa América foi adiada por um ano na primavera passada, após o início da pandemia”.

Na Argentina, “enlouquecida por futebol, país que sediou o evento pela última vez em 2011, a Copa América foi vista como uma ocasião para receber algumas das maiores estrelas do esporte, incluindo o próprio Lionel Messi.

Mas os pedidos para transferir o torneio, que normalmente ocorre a cada quatro anos, para outro lugar, aumentaram nas últimas semanas, com os oponentes no Twitter usando a hashtag #NoALaCopaAmericaEnArgentina e #NoToTheCopaAmericaInArgentina”, publica.

// RFI

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Brasil ultrapassa Índia e volta a ser líder mundial em mortes diárias por coronavírus

Em meio ao avanço da terceira onda da pandemia, o Brasil ultrapassou a Índia e voltou à liderança do número de mortes diárias por covid-19 registradas, em média. São mais de 2.000 óbitos registrados por …

Rajadas rápidas de rádio ajudarão a mapear distribuição de matéria no universo

O novo levantamento dos dados coletados pelo radiotelescópio CHIME (Canadian Hydrogen Intensity Mapping Experiment) resultou em mais de 500 rajadas rápidas de rádio devidamente catalogadas, todas feitas durante o primeiro ano de atuação do telescópio. Agora, …

Lider da UE chama lei húngara anti-LGBT de vergonha

Ursula von der Leyen, presidente da Comissão Europeia, afirma que vai usar poderes de que dispõe para garantir direitos de todos os cidadãos do bloco. Países pediram à UE que agisse. A presidente da Comissão Europeia, …

Apesar de ter vacinado mais da metade da população, Israel teme 2ª onda de Covid

O primeiro-ministro israelense, Naftali Bennett, alertou nesta terça-feira que o país pode enfrentar uma nova onda de coronavírus. Segundo ele, o aumento do número de doentes, causado pela chegada da variante Delta, “importada” por …

Cientistas resolvem enigma de esculturas de pedra de 3.200 anos da Turquia

Um recente estudo permitiu descobrir finalmente o significado e a função dos relevos em pedra criados há 3.200 anos no santuário de Yazilikaya, na Turquia, após 200 anos de conjeturas. No século XIII a.C., a alguns …

EUA não devem esperar retomada do diálogo com Pyongyang, diz irmã de Kim Jong-un

As expectativas de retomada do diálogo entre os EUA e a Coreia do Norte são erradas, podendo levar a uma "decepção ainda maior", declarou a irmã do líder norte-coreano. Na terça-feira (22), Kim Yo Jong, alta …

Ministro da Saúde diz que não há mudança de estratégia para a Coronavac

No início desta segunda-feira (21), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, revelou que não haverá qualquer mudança de estratégia para a aplicação da CoronaVac. A declaração do ministro foi feita em audiência ao Senado Federal, revelando …

Há 80 anos, Hitler invadia a URSS – e começava a perder a guerra

Adolf Hitler e seus generais vinham planejando há meses para este momento. No domingo, 22 de junho de 1941, havia chegado a hora: às 3h15 da manhã, a Wehrmacht, forças armadas nazistas, atacou a União …

Com apenas 2% da população imunizada, África quer fabricar suas próprias vacinas anticovid

A África do Sul anunciou nesta segunda-feira a primeira etapa para capacitar seu continente na produção de vacinas anticovid. A conclusão do projeto ainda não tem data prevista, mas a iniciativa já é vista …

Pessoas feias superestimam drasticamente suas aparências

Pessoas pouco atraentes parecem menos capazes de julgar com precisão sua própria atratividade, e tendem a superestimar sua aparência. Não faltam disparidades entre pessoas atraentes e pouco atraentes. Estudos mostram que os mais belos entre nós …