Para ajudar colegas cegos, estudantes criam mapa acessível das regiões brasileiras na Bahia

(dv) Eduardo Souza e Laíse dos Sales / RPA

Pensando na dificuldade do aprendizado de estudantes com deficiência visual, Eduardo Souza e Laíse dos Sales, respectivamente do 1º e 2º ano do ensino médio do Colégio Estadual Luiz Viana Filho, de Irecê (BA), criaram um mapa acessível do Brasil.

Eles utilizaram materiais como retalhos de tecidos, papel camurça, cola 3D e folhas de E.V.A. O mapa possui texturas diferentes, feitas especialmente para os colegas cegos.

A ideia do projeto partiu de Eduardo, que possui um colega de sala que é cego, o Frailan. O estudante ficou curioso em saber como seria lecionar para alguém com essa deficiência. Além disso, o pai de Laise também é cego, o que a ajudou na inspiração para o projeto.

“Nosso objetivo é proporcionar uma ferramenta para que as pessoas com deficiência visual possam aprender os assuntos relacionados às regiões do Brasil”, explica Eduardo. Mas quem vê o ótimo resultado final, provavelmente não imagina como foi difícil o processo.

Primeiro, eles procuraram os professores e descobriram que não havia material específico para alunos cegos na própria escola. Após uma pesquisa, os estudantes descobriram globos terrestres que são capazes de transmitir o aprendizado. Infelizmente, esse material possui um alto custo para ser produzido.

A alternativa encontrada foi a construção um mapa tátil, com o apoio da professora Alda Freitas, professora de geografia e orientadora do projeto, intitulado de “Mapa tátil das regiões brasileiras: conhecendo o Brasil com as mãos”.

Para obter uma versão fiel dos mapas já existentes, os alunos pesquisaram e realizaram testes com integrantes da Associação de Deficientes Visuais de Irecê e Região (Adevir).

De acordo com João Cordeiro, o presidente da Adevir, a experiência de conhecer as regiões foi marcante para os membros da associação.

“Eles se surpreenderam com esse trabalho, mas principalmente as pessoas que nunca enxergaram. O mapa possibilita a noção exata de onde há terra e de onde está o mar e a Amazônia, por exemplo, que são áreas muito importantes, mas que os estudantes geralmente desconhecem pelo fato de as escolas não terem essa ferramenta para as pessoas cegas”, explica.

O projeto também causou impacto na própria professora, que relatou que ele possibilitou mudanças nas próprias práticas pedagógicas. “A ação dos alunos me causou uma inquietação e me provocou a conhecer melhor a educação inclusiva, sendo que todos os alunos têm a mesma necessidade e direito de aprender”, destaca Alda.

Apesar de muito bem-sucedido, os estudantes ainda enfrentam dificuldades para levá-lo adiante, pois não possuem recursos para produzir os próximos mapas.

Mesmo assim, o grupo pretende confeccionar novas unidades a serem distribuídas gratuitamente em outras escolas do município e associações de pessoas com deficiência visual. Eles também planejam realizar a inscrição na Feira de Ciências, Empreendedorismo e Inovação da Bahia (FECIBA), do próximo ano.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Ferido em tiroteio, Presidente do Chade morre depois de 30 anos no poder

O Presidente do Chade, Idriss Déby Itno, no poder há 30 anos, morreu nesta terça-feira (20) em decorrência de ferimentos que sofreu no fim de semana, quando comandava uma operação do Exército no combate …

O que acontece com as doses das vacinas AstraZeneca e Janssen que países europeus decidiram não usar?

Enquanto alguns países lutam para obter mais vacinas, outros se perguntam o que fazer com as doses que encomendaram, mas não usarão mais por causa de preocupações com sua segurança. Vários países restringiram o uso das …

Flávio Bolsonaro trabalha com nome favorito para indicação ao STF, diz jornal

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Humberto Martins, é o nome preferido de Flávio Bolsonaro para ser o próximo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). De acordo com a jornalista Bela Megale, do jornal …

Greta Thunberg doa 100 mil euros a consórcio de vacinas

A ativista do clima sueca Greta Thunberg anunciou nesta segunda-feira (19/04) que a fundação que leva seu nome doará 100 mil euros ao consórcio Covax Facility, um programa apoiado pelas Nações Unidas que visa um …

Nasa faz história com primeiro voo de helicóptero direto de Marte

A Agência Espacial dos EUA (NASA) conseguiu executar o primeiro vôo do helicóptero Ingenuity, um pequeno robôzinho voador que vai pairar pela atmosfera de Marte. A máquina conseguiu levantar aos ares do planeta vermelho nessa segunda-feira …

NASA lança telescópio para captar partículas da borda do Sistema Solar

Todo o Sistema Solar está à deriva em um aglomerado de nuvens, uma área limpa por antigas explosões de supernovas. Os astrônomos chamam essa região de Bolha Local. Uma nova missão da agência espacial norte-americana NASA …

Depressão pode ser diagnosticada com um simples exame de sangue

Um exame recém-desenvolvido que monitora biomarcadores sanguíneos ligados a distúrbios de humor poderia levar a novos métodos de diagnosticar e tratar a depressão e o transtorno bipolar, com um simples exame de sangue. Embora a depressão …

EUA aplicaram vacina contra covid-19 em mais da metade dos adultos

Governo americano afirma que quase 130 milhões de pessoas com mais de 18 anos receberam pelo menos uma dose do imunizante contra o coronavírus no país. Mais da metade de toda a população adulta dos Estados …

Covid: Variante acelera intubação de jovens e SP orienta procurar ajuda no 1º dia de sintomas

O avanço da variante P.1, descoberta em Manaus em janeiro, levou a cidade de São Paulo a mudar sua orientação para todos aqueles que forem infectados por coronavírus. Agora, eles devem procurar uma unidade de …

Nepal vê população de rinocerontes aumentar com queda de turismo por pandemia

O Nepal está vendo um crescimento em sua população de rinocerontes. O país abriga boa parte dos dos rinos com um chifre só e eles estão ameaçados de extinção. O país observou que, durante a pandemia …