SpaceX apresenta plano para dar acesso universal à internet com 4.425 satélites

NASA Johnson / Flickr

Uma cápsula Dragon da SpaceX aproximando-se da Estação Espacial Internacional

Uma cápsula Dragon da SpaceX aproximando-se da Estação Espacial Internacional

O fato de que você está lendo este artigo agora significa que você é uma das 3,77 bilhões de pessoas no mundo que tem acesso à internet.

Esse número é incrível: representa mais da metade da população mundial. No entanto, cerca de 3 bilhões de outros indivíduos não têm esse privilégio.

As Nações Unidas declararam recentemente que o acesso à internet é um direito humano básico. Felizmente, uma série de esforços estão em andamento para levá-la a todos os cantos do globo, e um deles foi apresentado recentemente pela SpaceX.

Em novembro, a empresa de Elon Musk apresentou um pedido junto à Comissão Federal de Comunicações dos EUA como parte de seu plano de criar uma rede global de alta velocidade de internet. Em uma audiência recente do Senado sobre infraestrutura de banda larga nos EUA, a SpaceX confirmou este plano.

A SpaceX planeja oferecer serviços de banda larga de alta velocidade confiáveis e acessíveis aos consumidores nos Estados Unidos e em todo o mundo, incluindo áreas mal atendidas ou atualmente não atendidas pelas redes existentes”, explicou Patricia Cooper, vice-presidente de assuntos espaciais da SpaceX durante a audiência.

Como?

A companhia planeja melhorar a velocidade da internet e a conectividade global colocando 4.425 satélites em órbita – mais do que todos os satélites que existem hoje – entre 2019 e 2024. Os satélites serão transportados para o espaço em várias viagens através dos foguetes Falcon 9 da empresa.

A rede de satélites proposta traria acesso mais rápido e mais robusto à web para mais pessoas, então agora é apenas uma questão de saber se eles vão ou não conseguir autorização dos governos para seguir com a implementação.

O esforço da SpaceX seria um grande passo para garantir que todos os cidadãos do mundo desfrutassem desse direito. “Em grande medida, a disparidade no serviço disponível para as áreas rurais e difíceis de alcançar é resultado dos pesados gastos de capital necessários para alcançar a conectividade a esses locais”, disse Cooper.

A companhia de Musk não é a única que trabalha para a interconectividade global através do serviço melhorado de internet.

O Facebook está usando maciços drones de energia solar para transmitir internet aos cantos mais distantes do mundo, a AT & T quer entregar Wi-Fi através de linhas de energia existentes, e os governos (como o do Canadá) também estão criando iniciativas para trazer banda larga a todos os seus cidadãos.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

VSR: o pouco conhecido vírus que se espalha entre crianças no mundo e também no Brasil

No início de 2021, a equipe do Hospital Infantil de Maimonides, no Brooklyn, em Nova York (EUA), começou a experimentar uma cautelosa sensação de alívio. Os casos de covid-19 na cidade estavam em queda. Como …

Com popularidade em queda, premiê britânico Boris Johnson reforma equipe de governo

Após semanas de boatos, o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, decidiu modificar o governo nesta quarta-feira para formar uma "equipe unida" e enfrentar os desafios depois de um ano e meio de pandemia e em …

Relatório lista mais de uma dezena de crimes atribuídos a Bolsonaro

Um grupo de juristas liderados pelo ex-ministro da Justiça Miguel Reale Júnior entregou nesta terça-feira (14/09) à CPI da Pandemia um relatório de 226 páginas com possíveis crimes cometidos pelo presidente Jair Bolsonaro durante a …

Simulação virtual mais realista de sempre do Universo é revelada

Um dos aspectos mais incríveis da simulação é que mostra a evolução da matéria durante praticamente os 13,8 bilhões de anos de história do Universo, desde o Big Bang até a atualidade. Uma equipe internacional de …

Asteroide que dizimou dinossauros determinou sucesso das cobras, aponta estudo

As cobras devem seu sucesso na Terra, em parte, ao asteroide que atingiu o planeta há 66 milhões de anos e levou à extinção dos dinossauros, de acordo com um estudo publicado nesta terça-feira (14/9) …

“Abandonados pelo resto do mundo”: África vacinou apenas cerca de 3% da população contra a Covid

As autoridades alertam para os baixos índices de vacinação contra a Covid-19 no continente africano. Segundo dados divulgados nesta terça-feira, cerca de 3,5% da população foi totalmente imunizada contra o coronavírus. O balanço foi anunciado …

Europeus aprovam Merkel e confiam na liderança da Alemanha

Os europeus têm alta estima pela chanceler federal da Alemanha, Angela Merkel, e aprovam o estilo de liderança dela, baseado na busca de consensos, mostra uma pesquisa do Conselho Europeu de Relações Exteriores (ECFR, na …

Mudanças climáticas: número de dias com calor acima de 50ºC no mundo dobrou em 40 anos

O número de dias extremamente quentes, quando a temperatura passa de 50°C, registrados a cada ano dobrou desde a década de 1980. Essa foi a conclusão de um estudo realizado pela BBC, que apontou também que …

Cofundador da Apple está criando sua própria empresa espacial privada

Steve Wozniak, cofundador da Apple, ao lado de Alex Fielding, fundador da Ripcord, estão lançando a empresa Privateer Space, que irá atuar no setor espacial. Se a descrição do negócio parece vaga, é porque a novidade …

Guia para apostas de sucesso no futebol

Toda semana, há milhares de jogos de futebol e mercados para apostar no Brasil. As casas de apostas como a Betsson fornecerão apostas sobre a probabilidade de resultados e eventos específicos da partida, como o número …