Templo em Tóquio oferece túmulos conjuntos para casais homossexuais

jpellgen / Flickr

Templo Jodo Shinshu de Ishiyama-dera, em Otsu, Shiga, Japão

Templo Jodo Shinshu de Ishiyama-dera, em Otsu, Shiga, Japão

Um templo budista de Tóquio oferece pela primeira vez túmulos para casais do mesmo sexo, algo incomum no Japão, país que não reconhece o casamento homossexual e onde normalmente não se permite que casais que não sejam casados compartilhem a mesma sepultura.

“Já que está mudando o conceito padrão de família hoje em dia, deveria variar também a forma dos cemitérios”, explicou à Agência Efe um porta-voz do templo Shodaiji de Tóquio, responsável pela iniciativa.

No Japão é habitual guardar as cinzas de um casal na mesma sepultura, embora não haja restrição legal para que um casal não casado o possa fazer. No entanto, estes enterros são pouco frequentes, principalmente devido à oposição das famílias ou dos funcionários dos cemitérios.

O templo da corrente budista Jodo Shinshu, um dos maiores do Japão, pretende mudar essa dinâmica, pelo que desde outubro do ano passado está oferecendo sepulturas conjuntas para todo tipo de pessoas, sem levar em conta a religião, país de origem ou relacionamento legal entre os mortos.

Por enquanto, 10 dos 200 túmulos disponíveis para pessoas não casadas foram contratados, embora nenhum deles tenha sido adquirido por casais homossexuais.

A quantia para este tipo de sepultamento é a partir de 1,2 milhão de ienes (cerca de R$ 30 mil) para o plano básico, que permitiria guardar as cinzas por até seis anos depois da morte do último falecido, período após o qual seriam transferidas para um túmulo coletivo.

A Constituição japonesa define o casamento como “união baseada só no consentimento mútuo de pessoas do sexo oposto”, enquanto a legislação civil nacional não reconhece o direito de casais homossexuais.

No entanto, algumas autoridades japonesas, como as do distrito de Shibuya, em Tóquio, começaram a reconhecer as uniões civis homossexuais, e inclusivamente o templo budista de Shunkoin, em Quioto, começou em 2014 a realizar casamentos de casais do mesmo sexo.

Além disso, muitas das grandes empresas japonesas começaram a implementar recentemente leis laborais que igualam os direitos dos seus funcionários homossexuais aos os dos trabalhadores heterossexuais.

//

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Receita afirma que "só rico lê" e reforça preconceito de classe brasileiro

A Receita Federal deseja manter o projeto que cobra impostos sobre livros. Através da mesclagem entre PIS e Cofins, a nova CBS (Contribuição sobre bens e serviços), uma espécie de imposto sobre valor agregado, o …

Tribunal europeu dá aval a vacinação obrigatória

Corte de direitos humanos diz que medida pode ser necessária em sociedades democráticas e abre precedente no combate à covid-19. Tribunal julgava ação de famílias tchecas que se recusaram a vacinar os filhos. O Tribunal Europeu …

Covid-19: Governo chinês recompensa quem se vacina distribuindo ovos

Primeiro país afetado pela Covid-19, mas também o primeiro a se recuperar da pandemia, a China ainda encontra dificuldades para convencer sua população a se vacinar contra o coronavírus. O governo em algumas regiões …

Bloomberg revela planos de Biden de cortar orçamento do Pentágono

A administração Biden alegadamente pretende propor ao Pentágono um orçamento menor do que sob a administração Trump, reportou a agência Bloomberg citando três fontes. De acordo com agência, o orçamento será US$ 7 bilhões menor (cerca …

Cientistas revelam ameaça de grande desabamento de plataformas de gelo na Antártida

Novo estudo demonstrou que mais de um terço da área das plataformas de gelo na Antártida pode cair no mar se as temperaturas globais aumentarem em quatro graus, em comparação com o nível pré-industrial. De acordo …

“É como um lindo instrumento”: mais de 2 mil microfones desvendam o mistério o zunido dos beija-flores

O beija-flor faz um agradável zumbido quando paira na frente das flores para se alimentar. Mas só agora ficou claro como suas asas gera o som harmônico enquanto bate suas asas a impressionantes 40 vezes …

Barroso determina que presidente do Senado instale "CPI da covid"

Pedido para criar a comissão foi protocolado no início de fevereiro, mas Rodrigo Pacheco resistia. Colegiado deve apurar irregularidades e pode gerar desgaste ao governo. O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou …

Cientistas descobrem segredo do computador de mais de 2 mil anos

A Máquina de Anticítera permanecia há mais de um século como um dos grandes mistérios do planeta até março desse ano: espécie de primeiro computador da história, o mecanismo com mais de 2 mil anos …

Família real britânica: morre príncipe Philip, marido da rainha Elizabeth 2ª

O príncipe Philip, marido da rainha Elizabeth 2ª, morreu nesta sexta-feira (09/04) aos 99 anos, anunciou o Palácio de Buckingham. Em um comunicado, o palácio disse: "É com profunda tristeza que Sua Majestade a Rainha anunciou …

Dinamarca suspende vistos e se torna 1° país europeu a ordenar retorno de refugiados à Síria

A Dinamarca acredita que a situação na província de Damasco se encontra atualmente estabilizada e decidiu suspender as autorizações de residência temporária de várias centenas de sírios. Trata-se do primeiro país europeu a ordenar …