Nova regra em Wall Street: evitar mulheres a todo o custo

Os homens de Wall Street estão adotando certos comportamentos para afastar as mulheres da esfera econômica após o surgimento do movimento #MeToo.

Evitam jantares com colegas de trabalho, não se sentam ao lado de mulheres nos aviões, em reuniões de negócios deixam a porta aberta, reservam quartos de hotel em pisos diferentes e não aceitam ser mentores de juniores do sexo feminino, tudo por causa do #MeToo.

As várias denúncias de assédio e abusos sexuais assustaram os homens que estão agora afastando as mulheres da esfera econômica de Wall Street. Segundo a Bloomberg, mais de 30 executivos confessam que “estão assustados” com o movimento e que evitam encontros para se protegerem de rumores.

Na prática, em vez de corrigirem comportamentos, a tendência é promover a eliminação de situações onde possam acontecer, criando-se uma sensação de “pisar em ovos”, nas palavras de David Bahnsen, ex-diretor administrativo do banco de investimento Morgan Stanley e consultor independente.

Apesar de não ser um fenômeno único na indústria financeira, as mudanças são consideráveis. As mulheres já são escassas em cargos superiores. A mudança pode agravar a situação, levando a que sejam acusados de discriminação sexual e, consequentemente, se tornará mais difícil que as mulheres progridam profissionalmente.

Stephen Zweig, advogado especialista em questões laborais da FordHarrison, diz que “se os homens evitam trabalhar ou viajar sozinhos com mulheres, evitam ensinar mulheres em privado por medo de serem acusados de abuso sexual, esses homens se afastam de uma queixa de abuso sexual para serem acusados de discriminação sexual“.

Por sua vez, a chefe executiva da LaSalle Securities, Lisa Kaufman, afirma que essa tomada de posição por parte dos homens prejudica as jovens mulheres da esfera financeira e que é necessário a existência de um mentor.

“Não existem ainda mulheres suficientes para ajudar a próxima geração. A evolução requer tipicamente que alguém de um nível sênior conheça o seu trabalho e lhe dê uma oportunidade. Isso é difícil se a pessoa não estiver disposta a estar sozinha com o membro júnior”, destaca.

Em 2002, Mike Pence admitiu evitar jantares com mulheres, especialmente se forem “bonitas e atraentes”, para evitar situações de “infidelidade ou rumores”.

O #MeToo, inicialmente associado a Hollywood, levou a uma mudança de paradigma que pôs fim à cultura de assédio sexual que afeta milhões de pessoas.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

George W. Bush: o suposto plano para matar ex-presidente dos EUA desbaratado pelo FBI

Um simpatizante do Estado Islâmico planejava assassinar o ex-presidente dos EUA George W. Bush, mas o plano foi descoberto pelo FBI (polícia federal americana), segundo autoridades dos Estados Unidos. O suspeito, um residente de Ohio, supostamente …

O que se sabe sobre misterioso surto de varíola dos macacos

Casos recentes da doença na América do Norte e Europa acenderam o alerta entre especialistas. Endêmico na África, vírus é transmitido por animais contaminados e por contato próximo prolongado entre pessoas. Autoridades de saúde na América …

EUA: Estudo traz primeiros resultados 'promissores' de vacina de RNA mensageiro contra Aids

Uma vacina usando a tecnologia de RNA mensageiro, a mesma que algumas vacinas contra a Covid-19, pode ser usada desta vez contra a Aids. É o que mostram os primeiros resultados promissores de testes …

Viagem de Lula à Argentina visa fortalecer governo de Fernández e teoria de lawfare contra Kirchner

O ex-presidente Lula será o primeiro estrangeiro a discursar diante de uma multidão na Praça de Maio, em Buenos Aires, em um ato destinado a renovar o vínculo do governo argentino com o seu …

Após EUA, vários países se mobilizam em boicote aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim

Reino Unido, Austrália, Canadá, Nova Zelândia seguiram os passos dos Estados Unidos e anunciaram que também vão participar do “boicote diplomático” aos Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, previstos para fevereiro. Os países acusam …

Musk anuncia que Neuralink testará microchips neuronais em humanos em 2022

O bilionário e empreendedor norte-americano referiu que já testou com sucesso um implante cerebral em um macaco, e quer agora que essa tecnologia seja aplicada em humanos. Os humanos poderão ter implantes cerebrais da empresa Neuralink …

Cientistas americanos encontram substância contra coronavírus em algas para sushi

Biólogos americanos esperam que sua descoberta ajude na criação de tratamentos antivírus com base em plantas. Os cientistas determinaram que o sulfato de rhamnan – polissacarídeo componente das algas verdes Monostroma nitidum, utilizadas para embrulhar o …

Mulheres comandam metade dos ministérios no governo Scholz

Futuro chanceler confirma nomes finais do seu governo, que deverá começar os trabalhos ainda esta semana. Percentual de mulheres no comando de ministérios federais é o maior da história da Alemanha. O próximo chanceler federal da …

Biden e Putin fazem videoconferência para tentar resolver impasse na Ucrânia

Joe Biden e Vladimir Putin se preparam para uma vídeoconferência nesta terça-feira (7) em um momento em que as tensões entre Washington e Moscou se intensificam com rumores de uma iminente invasão da Ucrânia …

Aung San Suu Kyi é condenada a 4 anos de prisão

Líder deposta por golpe militar em Mianmar enfrenta série de acusações que a Anistia Internacional chama de falsas. Novo veredicto deve sair nos próximos dias. A líder deposta de Mianmar, Aung San Suu Kyi, foi condenada …