11 bebês morrem após mães tomarem Viagra em ensaio clínico

Um ensaio clínico na Holanda testava a eficácia do Viagra para melhorar a circulação sanguínea na placenta das grávidas com problemas de desenvolvimento. No entanto, acabou interrompido após a morte de 11 recém-nascidos.

O ensaio clínico, iniciado em 2015 pelo Centro Médico da Universidade de Amsterdã, consistia em administrar Viagra a mulheres grávidas cujos bebês estavam com problemas de desenvolvimento, devido a uma deficiente circulação sanguínea na placenta.

No estudo, realizado em dez hospitais da Holanda, 93 mulheres, cujas placentas tinham baixo desempenho, tomaram sildenafil – medicamento vendido sob a marca “Viagra”. Outras 90 grávidas tomaram um placebo.

O objetivo era aproveitar as características do citrato de sildenafil enquanto vasodilatador para melhorar a circulação do sangue na placenta e assim criar condições para um melhor desenvolvimento dos bebês.

O fármaco, que dilata os vasos sanguíneos, é usado por homens com disfunção erétil ou impotência sexual, sendo também prescrito a pessoas com pressão alta. O estudo pretendia descobrir se o medicamento iria melhorar o fluxo sanguíneo através da placenta, promovendo o normal crescimento do feto, informa o The Guardian.

Todas as grávidas que participaram no ensaio – tanto as que tomaram o medicamento, como as que tomaram o placebo – tinham uma gravidez com problemas no crescimento no feto.

Três anos depois, verificou-se que 17 bebês desenvolveram problemas pulmonares e 11 acabaram mortos, levando à interrupção antecipada do ensaio clínico. Teme-se que o medicamento tenha causado pressão alta nos pulmões, levando os bebês a receber pouco oxigênio.

Existem ainda cerca de 10 a 15 grávidas que participaram do ensaio que não sabem ainda se seus bebês vão desenvolver problemas após o nascimento.

Um porta-voz da Academic Medical Center de Amsterdã acredita que o ensaio foi conduzido de forma adequada, mas espera que uma investigação externa seja iniciada.

“Queríamos mostrar que era uma forma eficaz de promover o crescimento dos bebês. Mas aconteceu o contrário. Estou chocado. A última coisa que queríamos era prejudicar nossas pacientes”, disse o líder da pesquisa, Wessel Ganzevoort, em entrevista ao jornal De Volkskranto.

Segundo o hospital, todas as participantes foram abordadas pessoalmente e quase todas já sabem se tomaram o fármaco ou o placebo. O ensaio deveria decorrer até 2020 com a participação de 350 pacientes.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Roraima volta a pedir ao STF limite de entrada de venezuelanos

O governo de Roraima voltou a pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) a suspensão temporária de entrada de imigrantes em território brasileiro para tentar conter o perigo de conflitos e o “eventual derramamento de sangue …

Aumento do Judiciário compromete orçamento de 13 Estados

Metade dos 26 estados ligou o alerta orçamentário: o aumento que os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) concederam a si mesmos – ainda depende de aprovação no Senado – pode inviabilizar a folha de …

Universidade de São Paulo abre inscrições para curso gratuito sobre Harry Potter

O universo de Harry Potter continua conquistando gerações. Desde o lançamento do primeiro romance em 1997 (A Pedra Filosofal), foram mais de 450 milhões de cópias vendidas, traduções para 73 idiomas e o surgimento de …

Polícia catalã abate homem que invadiu delegacia aos gritos de “Alá é grande”

O homem de 29 anos, de origem argelina, foi abatido, na manhã desta segunda-feira (20), depois de ter tentado invadir uma delegacia catalã armado com uma faca aos gritos de “Allahu Akbar”. Segundo o El País, …

Juiz solta empresário filmado agredindo a esposa; imagens fortes

O juiz Fabiano Ribeiro abriu mão da fiança e permitiu que o empresário Giorgio Alan Bortolin dos Santos, preso em flagrante após ser filmado por uma câmera de segurança agredindo a própria mulher, responda ao …

“Bola de fogo” 40 vezes mais brilhante que a Lua cheia atravessa os EUA

Uma bola de fogo cruzou o céu do estado norte-americano do Alabama durante a noite de sexta-feira (17). A NASA divulgou um vídeo, no qual mostra o objeto sobrevoando a cidade, com um feixe de …

Com curso gratuito, USP quer meninas cientistas

Meninas que sonham ser cientistas contam agora com o incentivo de um grupo de pesquisadoras e cientistas de São Paulo. É o projeto “Meninas com Ciência-2ª edição SP: de mulheres cientistas para meninas que sonham”, …

Ministra neozelandesa pedala até hospital para dar à luz

Titular do Ministério para Mulheres que estava grávida de 42 semanas brincou que escolheu bicicleta porque não havia "espaço suficiente no carro”. A ministra para Mulheres da Nova Zelândia deu à luz ao seu primeiro bebê …

Japão terá robôs "inteligentes" nas salas de aula para ensinar inglês

O Governo de Japão planeja introduzir nas salas de aula robôs com inteligência artificial (IA) capazes de falar inglês durante as aulas desta matéria, para ajudar as crianças a melhorar sua destreza oral, uma das …

Empresário britânico doa R$ 5 milhões para campanha contra o Brexit

O empresário britânico Julian Dunkerton, cofundador da marca de roupas Superdry, anunciou neste domingo (19) que apoia financeiramente a organização People's Vote, que milita pela realização de um novo referendo sobre o Brexit. A doação do …