Agressor de Bolsonaro não pode ser punido criminalmente, conclui juiz

Tânia Rêgo / Agência Brasil

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro

Adélio Bispo, acusado de esfaquear o então candidato à presidência, é considerado inimputável por sofrer transtornos mentais. Se condenado após julgamento, cumprirá pena em manicômio judiciário.

Um juiz da 3ª vara da Justiça Federal em Juiz de Fora decidiu que Adélio Bispo, o homem que esfaqueou o então candidato a presidência Jair Bolsonaro, não pode ser punido criminalmente em razão de sofrer transtorno mental.

Após avaliações psiquiátricas, inclusive com uma entrevista feita por um médico indicado pela defesa de Bolsonaro, foi constatado que Bispo, preso desde setembro, sofre de Transtorno Delirante Persistente. Caso ele seja condenado na ação penal que pesa contra ele, cumprirá pena em um manicômio judiciário.

O processo contra Bispo está na fase final. A defesa de Bolsonaro ainda vai se pronunciar sobre as conclusões do inquérito feito pelo Ministério Público Federal (MPF). Em seguida, será a vez da defesa do acusado.

Ele será mantido até a data do julgamento em um presídio federal de segurança máxima em Campo Grande, no Mato Grosso, uma vez que sua defesa afirmou que a instituição possui estrutura adequada para o tratamento da doença.

A Justiça Federal aceitou a denúncia contra Bispo por prática de atentado pessoal por inconformismo político e o tornou réu pelo atentado realizado durante um ato da campanha eleitoral de Bolsonaro no ano passado, em Juiz de Fora.

Em outubro de 2018, o juiz federal Bruno Savino, da 3ª vara da Justiça Federal em Juiz de Fora ordenou a abertura de um procedimento chamado de “incidente de insanidade“, em que peritos avaliam a sanidade mental do agressor.

Os laudos das avaliações sobre a sanidade mental do acusado atestaram transtorno delirante grave e transtorno delirante permanente paranoide. Bispo teria dito que não tinha cumprido sua missão e que, se fosse libertado, iria matar o presidente. Um terceiro laudo das avaliações foi mantido em sigilo.

Em nota divulgada nesta segunda-feira, Savino afirma que todos os profissionais envolvidos na avaliação, “tanto os peritos oficiais como os assistentes técnicos das partes, foram uníssonos em concluir ser o réu portador de Transtorno Delirante Persistente”.

As conclusões fizeram com que Bispo se tornasse inimputável, ou seja, não pode ser punido criminalmente, mas o MPF considera que o acusado não é totalmente privado da capacidade de julgamento. Os procuradores, porém, não vão entrar com recurso contra a decisão por considerar que a internação para tratamento psiquiátrico seria a decisão mais adequada.

O advogado de Bispo, Zanone Manuel de Oliveira Júnior, disse que a decisão do juiz é “uma “maravilha, não por conta de inocência, mas porque é verdade“. Ele lembrou que um pedido seu feito anteriormente pela inimputabilidade de Bispo havia sido negado. “Agora vem um juiz federal e diz que eu tinha razão”, afirmou.

Um inquérito realizado pela Polícia Federal concluiu que Bispo agiu sozinho ao esfaquear Bolsonaro. Ele foi indiciado por prática de atentado pessoal por inconformismo político. Um segundo inquérito, ainda aberto, investiga as conexões do réu com pessoas que podem ter lhe ajudado a planejar o ataque.

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. O que as pessoas honestas querer saber é quem está por trás desse atentado. Quais são as mãos que mexeram as mãos do Adélio e que encheram os advogados de dinheiro.

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Estudo de esqueletos de 200 gerações revela como humanos evoluíram para lutar contra germes

Estudiosos analisaram cerca de 70 mil esqueletos de 200 gerações a fim de entender como a humidade passou por pandemias anteriores. Os estudos foram feitos acerca de doenças infecciosas como tuberculose, treponematose e hanseníase. Os pesquisadores …

Médica adverte sobre síndrome inflamatória multissistema em pacientes que superaram covid

A médica-chefe de um hospital de Moscou, Mariana Lysenko, declarou em uma entrevista ao canal RT que alguns dos pacientes que superaram a COVID-19 podem desenvolver uma síndrome inflamatória multissistema. De acordo com a médica, a …

Militares abrem fogo contra manifestantes em Mianmar

Forças de segurança reforçam repressão aos protestos contra golpe de Estado e deposição do governo democraticamente eleito. Relatos de mortes surgem de várias cidades. ONU condena violência e o uso de força excessiva. As forças de …

LEGO lança quiz online para educar a criançada sobre cyberbullying

O sentido educacional que os brinquedos da LEGO oferecem ganha nova e ainda maior dimensão com o lançamento do Safer Internet Day (ou Dia da Internet mais Segura, em tradução livre), um quiz virtual desenvolvido …

Covid-19: Peru prorroga suspensão de voos do Brasil até 14 de março

O governo do Peru anunciou neste domingo (29) a prorrogação até 14 de março da suspensão de voos procedentes do Brasil. A medida preventiva visa evitar a entrada de passageiros que podem estar infectados …

Ex-funcionários do McDonald's revelam "estratégia de espionagem" da rede de fast-food

A revista Vice analisou testemunhos de supostos trabalhadores anônimos do McDonald's que tinham conhecimento direto da vigilância, e vazou documentos que explicam as táticas de espionagem. Uma equipe de analistas de inteligência da cadeia de fast-food …

Bolsonaro usa pesquisa alemã distorcida para criticar uso de máscaras

O presidente Jair Bolsonaro usou sua live de quinta-feira (26/02) para mais uma vez desestimular o uso de máscaras contra a covid-19. No mesmo dia em que o Brasil registrou a segunda pior marca de mortes …

Cientistas congelam sêmen de corais para tentar salvar espécie da extinção no Brasil

Estima-se que até 50% dos recifes de corais já desapareceram dos oceanos. A previsão para o futuro também não é animadora: uma projeção da Unesco apontou que, caso as mudanças climáticas não sejam revertidas, eles …

Esqueletos descobertos podem revelar a história do mais rico pirata da historia, morto há 300 anos

No início do século XVIII, quem mandava nos mares sem lei do Caribe, da América Central e da América do Norte era o grande pirata inglês Samuel Bellamy, imortalizado pelo apelido de “Black Sam”. Um dos …

Biden isola príncipe saudita, provável alvo de relatório da CIA sobre morte de jornalista

O presidente americano, Joe Biden, falou pela primeira vez por telefone nesta quinta-feira (25) com o rei Salman, da Arábia Saudita, na iminência da publicação de um aguardado relatório de inteligência sobre o assassinato …