Arqueólogos descobrem campo do jogo de bola dos astecas na Cidade do México

Em pleno coração da Cidade do México, uma equipe de arqueólogos descobriu vestígios do templo principal do deus do vento Ehecatl e uma parte de um campo do jogo de bola dos astecas.

A descoberta foi feita por pesquisadores do Instituto Nacional de Antropologia e História do México (INAH) em uma rua lateral, atrás da catedral católica da era colonial espanhola que impera na Praça Zocalo, no centro histórico da Cidade do México. Os vestígios arqueológicos encontrados estavam no local onde existiu um hotel na década de 1950.

Os arqueólogos chegaram aos alicerces do templo do deus Ehecatl, em forma circular, e a uma pequena parte de um campo do jogo de bola, esporte de caráter ritual que se disputava no tempo dos Astecas.

Ao lado do campo, foram descobertas 32 vértebras do pescoço de homens em uma pilha; um indício de que teriam sido sacrifícios humanos.

“Foi uma oferta associada ao jogo de bola, mesmo ao lado da escada. As vértebras ou pescoços vieram, seguramente, de vítimas que foram sacrificadas ou decapitadas”, explica o arqueólogo Raul Barrera em declarações divulgadas pela Reuters.

Jogo de bola sem pés e com sacrifícios humanos

Há registros de vários campos do jogo de bola em diversas zonas da América do Norte e Central, mas a maioria está situada no México. Este esporte, de caráter ritual, era conhecido por “ullamaliztli” entre os astecas, enquanto os maias o chamavam de “pok-ta-pok“.

Os campos tinham, habitualmente, a forma de um I, com uma área comprida e estreita ao meio e duas paredes laterais inclinadas. O objetivo do jogo era passar uma bola por entre um aro de pedra, geralmente colocado na vertical, naquilo que se assemelha a marcar um gol no futebol atual.

Os jogadores não podiam usar as mãos, nem os pés e tinham que atirar a bola com braços, quadris e coxas.

O “ullamaliztli” podia se desenrolar por vários dias e terminava, habitualmente, com o sacrifício de elementos das equipes em disputa – ou dos vencedores ou dos derrotados, não há uma versão consensual relativamente ao que sucederia.

O jogo era visto como uma luta entre o bem e o mal, entre o Sol e a Lua. Os sacrifícios humanos visavam garantir que o bem ganhava e que o Sol se mantinha a iluminar a Terra.

Atualmente, e depois de algum período de esquecimento, o jogo de bola asteca tem sido recuperado, com a organização de vários torneios no México. Já neste ano, a cidade de Teotihuacán acolheu o Segundo Torneio Mesoamericano de Bola Ulamaztli 2017, reunindo várias equipes do país.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Asteroide Psyche poderia ser núcleo de planeta que não se formou, dizem cientistas

Cientistas examinaram um asteroide que deve ser visitado por uma missão da NASA em 2022, encontrando provas que suas propriedades atraíram sucessão de outros asteroides. Após realizar diversas simulações em 2D e 3D usando um supercomputador, …

Essa “formiga-diabo” pré-histórica ataca sua presa há 99 milhões de anos

Uma linhagem extinta há tempos, nomeada afetuosamente de “formiga do inferno” ou “formiga-diabo”, foi encontrada presa em âmbar há 99 milhões de anos atrás, com sua mandíbula em formato de foice agarrada firme na presa. No …

Mataram um crocodilo de meia tonelada e 4,5 metros depois de 50 anos de perseguição

Notícia triste para quem luta pela preservação do meio ambiente. Conhecido como Demônio, um crocodilo de meia tonelada e 4,5 metros, que segundo moradores aterrorizava vilarejos na ilhas Bangka Belitung (Indonésia), foi morto na semana …

China diz que encontrou traços de coronavírus em frango brasileiro

Carga de asas de frango que chegou a Shenzhen, no sul do país asiático, foi confiscada. Funcionários da alfândega que entraram em contato com alimentos foram testados, mas exames deram negativo. Traços do novo coronavírus foram …

Vacinação em SP começa em janeiro, segundo diretor do Butantan

Com a pandemia, inúmeras empresas estão dedicadas ao desenvolvimento de uma vacina que possa ajudar na luta contra a COVID-19. Nesta quarta-feira (12), o diretor do Instituto Butantan, Dimas Tadeu Covas, afirmou que o estado …

Descoberto "Stonehenge de madeira" de 4.500 anos em Portugal

A estrutura de madeira achada é a "única na pré-história da Península Ibérica", explicou o arqueólogo que lidera as escavações. Durante uma escavação no sítio arqueológico de Perdigões, arqueólogos descobriram uma estrutura para fins cerimoniais de …

Coronavírus reaparece na "protegida" Nova Zelândia e gera alerta

A detecção de quatro casos de transmissão local do novo coronavírus, depois de mais de 100 dias sem o vírus, levou as autoridades da Nova Zelândia a restaurar a quarentena em Auckland, cidade mais populosa …

Viagem aos anos 90: Airbnb abrirá reservas para pernoites na última Blockbuster

Quem viveu o boom das locadoras nos anos 90 sabe que ir até uma Blockbuster ou redes semelhantes de VHS e DVDs era um verdadeiro programa de final de semana: a experiência de assistir a …

Joe Biden escolhe Kamala Harris como candidata a vice

Senadora eleita pela Califórnia pode se tornar a primeira mulher vice-presidente dos Estados Unidos, caso chapa democrata derrote Donald Trump em eleição de novembro. O candidato à presidência dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou nesta terça-feira …

Bilionários do Vale do Silício apostam em bunkers para vencer fim do mundo

Esqueça a vida no espaço: bilionários do Vale do Silício estão se preparando para o apocalipse comprando bunkers. A parte mais abastada da população mundial tem se mostrado interessada em adquirir “buracos na terra” equipados para …