Astrônomos detectam estrelas que fugiram de guerra gravitacional

NASA / ESA

Nebulosa Kleinmann-Low, parte do complexo da Nebulosa de Órion

Nebulosa Kleinmann-Low, parte do complexo da Nebulosa de Órion

Enquanto os descobridores portugueses do século XV exploravam terras africanas, um grupo de estrelas travava uma guerra estelar na distante Nebulosa de Órion. As estrelas lutavam entre si num conflito gravitacional, que terminou com o sistema se afastando e com pelo menos três estrelas expelidas em direções diferentes.

As velozes estrelas passaram despercebidas durante centenas de anos até que, nas últimas décadas, duas delas foram detectadas em observações de rádio e luz infravermelha, comprimentos de onda que podem penetrar a espessa poeira da Nebulosa de Órion.

As observações mostraram que as duas estrelas viajavam a altas velocidades em direções opostas uma à outra. A origem das estrelas, no entanto, era um mistério.

Os astrônomos traçaram o caminho de ambas as estrelas 540 anos para o passado, até ao mesmo local, e sugeriram que faziam parte do mesmo, atualmente extinto, sistema múltiplo. Mas a energia combinada da dupla não batia certo. Os investigadores argumentaram que deveria haver pelo menos uma outra estrela que roubou energia do lançamento estelar.

Agora, o Telescópio Espacial Hubble da NASA ajudou os astrônomos a descobrir a peça final do quebra-cabeça ao encontrar a terceira estrela fugitiva. Os astrônomos seguiram o percurso da estrela recém-descoberta de volta ao mesmo local onde as duas estrelas anteriormente conhecidas estavam localizadas há 540 anos.

O trio reside numa pequena região de jovens estrelas chamada Nebulosa Kleinmann-Low, perto do centro do vasto complexo da Nebulosa de Órion, a 1300 anos-luz da Terra.

“As novas observações do Hubble fornecem provas muito fortes de que as três estrelas foram expelidas de um sistema múltiplo,” afirma o pesquisador principal Kevin Luhman, da Universidade Estatal da Pensilvânia, EUA.

NASA / ESA / Z. Levy

Quando duas estrelas se fundem ou formam um binário apertado, esse fenômeno libera energia

Quando duas estrelas se fundem ou formam um binário apertado, esse fenômeno libera energia

Os astrônomos já tinham encontrado, anteriormente, alguns outros exemplos de estrelas em rápido movimento que traçaram de volta a sistemas estelares múltiplos e que provavelmente foram afastadas. Mas estas três estrelas são os exemplos mais jovens de estrelas ejetadas.

Segundo o estudo publicado na publicados na revista The Astrophysical Journal Letters, as estrelas têm provavelmente apenas algumas centenas de milhares de anos, o que significa que são jovens o suficiente para albergar discos de material deixado para trás na sua formação.

Todas as três estrelas se movem extremamente depressa para fora da Nebulosa Kleinmann-Low, a quase 30 vezes a velocidade da maioria dos habitantes estelares da nebulosa.

As três estrelas provavelmente foram expulsas do seu lar natal quando se envolveram num “jogo de bilhar” gravitacional, comenta Luhman.

Com base em simulações de computador, os astrônomos preveem que estas guerras gravitacionais ocorram em conjuntos estelares jovens, onde as estrelas recém-nascidas se aglomeram.

Através da comparação de imagens da nebulosa, obtidas pelo James Webb Space Telescope, com aquelas obtidas anos antes pelo Hubble, os astrônomos esperam identificar mais estrelas fugitivas que se separaram de outros sistemas múltiplos.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Receita afirma que "só rico lê" e reforça preconceito de classe brasileiro

A Receita Federal deseja manter o projeto que cobra impostos sobre livros. Através da mesclagem entre PIS e Cofins, a nova CBS (Contribuição sobre bens e serviços), uma espécie de imposto sobre valor agregado, o …

Tribunal europeu dá aval a vacinação obrigatória

Corte de direitos humanos diz que medida pode ser necessária em sociedades democráticas e abre precedente no combate à covid-19. Tribunal julgava ação de famílias tchecas que se recusaram a vacinar os filhos. O Tribunal Europeu …

Covid-19: Governo chinês recompensa quem se vacina distribuindo ovos

Primeiro país afetado pela Covid-19, mas também o primeiro a se recuperar da pandemia, a China ainda encontra dificuldades para convencer sua população a se vacinar contra o coronavírus. O governo em algumas regiões …

Bloomberg revela planos de Biden de cortar orçamento do Pentágono

A administração Biden alegadamente pretende propor ao Pentágono um orçamento menor do que sob a administração Trump, reportou a agência Bloomberg citando três fontes. De acordo com agência, o orçamento será US$ 7 bilhões menor (cerca …

Cientistas revelam ameaça de grande desabamento de plataformas de gelo na Antártida

Novo estudo demonstrou que mais de um terço da área das plataformas de gelo na Antártida pode cair no mar se as temperaturas globais aumentarem em quatro graus, em comparação com o nível pré-industrial. De acordo …

“É como um lindo instrumento”: mais de 2 mil microfones desvendam o mistério o zunido dos beija-flores

O beija-flor faz um agradável zumbido quando paira na frente das flores para se alimentar. Mas só agora ficou claro como suas asas gera o som harmônico enquanto bate suas asas a impressionantes 40 vezes …

Barroso determina que presidente do Senado instale "CPI da covid"

Pedido para criar a comissão foi protocolado no início de fevereiro, mas Rodrigo Pacheco resistia. Colegiado deve apurar irregularidades e pode gerar desgaste ao governo. O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou …

Cientistas descobrem segredo do computador de mais de 2 mil anos

A Máquina de Anticítera permanecia há mais de um século como um dos grandes mistérios do planeta até março desse ano: espécie de primeiro computador da história, o mecanismo com mais de 2 mil anos …

Família real britânica: morre príncipe Philip, marido da rainha Elizabeth 2ª

O príncipe Philip, marido da rainha Elizabeth 2ª, morreu nesta sexta-feira (09/04) aos 99 anos, anunciou o Palácio de Buckingham. Em um comunicado, o palácio disse: "É com profunda tristeza que Sua Majestade a Rainha anunciou …

Dinamarca suspende vistos e se torna 1° país europeu a ordenar retorno de refugiados à Síria

A Dinamarca acredita que a situação na província de Damasco se encontra atualmente estabilizada e decidiu suspender as autorizações de residência temporária de várias centenas de sírios. Trata-se do primeiro país europeu a ordenar …