Banco Central Europeu “ataca” a Bitcoin

Duncan Rawlinson / Flickr

Para “atacar” a popularidade e as vantagens trazidas pela criptomoeda mais popular da atualidade, o Banco Central Europeu (BCE) quer tornar as transferências imediatas e grátis.

O BCE está à procura de combater a ideia de que as bitcoins têm vantagens. Uma das que aparece em primeiro lugar é a prontidão com que são feitas as transferências da criptomoeda, ao contrário do que acontece com dinheiro que, em caso de ser transferido para bancos diferentes, pode demorar três dias.

Por isso, e já depois de a Bitcoin ter atingido um valor de 11 mil dólares, Frankfurt quer combater a popularidade das moedas, com Yves Mersch, membro da comissão executiva do banco central, a pedir aos bancos que se apressem em criar soluções.

“Os bancos necessitam implementar os pagamentos instantâneos o mais rapidamente possível para dar uma narrativa alternativa ao debate público em curso sobre a suposta inovação trazida pelos esquemas de moedas virtuais”, disse, de acordo com o Diário de Notícias, o responsável do banco central, em coletiva de imprensa em Roma.

O BCE tem incentivado a criação de um sistema que permita pagamentos e transferências bancárias instantâneas e praticamente grátis entre os países europeus. Essa solução já foi iniciada em oito países no mês de novembro.

Apesar de ainda não serem genericamente permitidas como meios de pagamento, o número de entidades a aceitar bitcoins tem aumentado. No eBay e na Tesla já foram feitos pagamentos com a criptomoeda. E nas últimas semanas têm surgido notícias, não confirmadas, de que a Amazon também irá disponibilizar pagamentos em bitcoin.

Nos EUA e na Austrália já se compram e alugam casas com a moeda virtual. No Japão há companhias aéreas e empresas de retalho aceitando a bitcoin. As critpomoedas são ainda utilizadas para operações de financiamento de empresas, as ofertas iniciais de moedas, semelhantes a entradas em bolsa. Nos EUA, as autoridades deram luz verde para que se criassem instrumentos financeiros relacionados com a bitcoin.

Mas multiplicam-se os avisos. O vice-presidente do BCE, Vítor Constâncio, disse em setembro que a bitcoin não era uma moeda, mas um instrumento de especulação.

O presidente do J. P. Morgan, um dos maiores bancos do mundo, foi ainda mais direto. “Quem for suficientemente estúpido para comprar acabará pagando o preço”, disse Jamie Dimon, citado pela imprensa norte-americana. Joseph Stiglitz, Prêmio Nobel da Economia, também defendeu que a bitcoin deveria ser banida, porque não tem valor e é um foco de evasão fiscal.

Mas apesar das críticas, os bancos centrais tentam responder aos desafios impostos pelas moedas virtuais. Na Suécia e no Reino Unido, por exemplo, os bancos centrais têm em curso estudos para verificar se lançarão suas próprias moedas virtuais.

// ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Especialista chinês: ascensão da China faz EUA entrarem em pânico e ficarem nervosos

O desenvolvimento econômico e a ascensão do país asiático fazem os EUA ficarem nervosos e entrarem em pânico, mas este medo se origina em seus preconceitos, disse em entrevista à Sputnik um especialista chinês. Li Junru, …

Interação de múons, a nova força da natureza que cientistas acreditam ter descoberto

Desde colar um ímã na porta de uma geladeira até jogar uma bola em uma cesta de basquete, as forças da física funcionam em todos os momentos de nossas vidas. Todas as forças que experimentamos todos …

Receita afirma que "só rico lê" e reforça preconceito de classe brasileiro

A Receita Federal deseja manter o projeto que cobra impostos sobre livros. Através da mesclagem entre PIS e Cofins, a nova CBS (Contribuição sobre bens e serviços), uma espécie de imposto sobre valor agregado, o …

Tribunal europeu dá aval a vacinação obrigatória

Corte de direitos humanos diz que medida pode ser necessária em sociedades democráticas e abre precedente no combate à covid-19. Tribunal julgava ação de famílias tchecas que se recusaram a vacinar os filhos. O Tribunal Europeu …

Covid-19: Governo chinês recompensa quem se vacina distribuindo ovos

Primeiro país afetado pela Covid-19, mas também o primeiro a se recuperar da pandemia, a China ainda encontra dificuldades para convencer sua população a se vacinar contra o coronavírus. O governo em algumas regiões …

Bloomberg revela planos de Biden de cortar orçamento do Pentágono

A administração Biden alegadamente pretende propor ao Pentágono um orçamento menor do que sob a administração Trump, reportou a agência Bloomberg citando três fontes. De acordo com agência, o orçamento será US$ 7 bilhões menor (cerca …

Cientistas revelam ameaça de grande desabamento de plataformas de gelo na Antártida

Novo estudo demonstrou que mais de um terço da área das plataformas de gelo na Antártida pode cair no mar se as temperaturas globais aumentarem em quatro graus, em comparação com o nível pré-industrial. De acordo …

“É como um lindo instrumento”: mais de 2 mil microfones desvendam o mistério o zunido dos beija-flores

O beija-flor faz um agradável zumbido quando paira na frente das flores para se alimentar. Mas só agora ficou claro como suas asas gera o som harmônico enquanto bate suas asas a impressionantes 40 vezes …

Barroso determina que presidente do Senado instale "CPI da covid"

Pedido para criar a comissão foi protocolado no início de fevereiro, mas Rodrigo Pacheco resistia. Colegiado deve apurar irregularidades e pode gerar desgaste ao governo. O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou …

Cientistas descobrem segredo do computador de mais de 2 mil anos

A Máquina de Anticítera permanecia há mais de um século como um dos grandes mistérios do planeta até março desse ano: espécie de primeiro computador da história, o mecanismo com mais de 2 mil anos …