Cientistas criam retina artificial que pode devolver a visão a milhões de pessoas

Uma equipe de pesquisadores do Instituto Italiano de Tecnologia desenvolveu um implante de retina que pode devolver a visão para ratos de laboratório. E estão planejando testar o procedimento em humanos até o fim do ano.

O implante converte a luz em sinais elétricos, que estimulam os neurônios da retina, e devolve a esperança para milhares de pessoas que sofrem de degeneração da retina, com doenças como a retinite pigmentosa, em que as células fotorrecetoras morrem, tendo impacto na visão periférica, central e na distinção das cores.

O implante é feito de uma camada fina de polímero condutor, colocado numa base e coberto por um polímero semicondutor. Este polímero semicondutor age como um material fotovoltaico, absorvendo fótons quando a luz penetra na lente dos olhos. Quando isso acontece, a eletricidade estimula os neurônios retinais, preenchendo a falha que existe na retina do paciente.

Para testar este implante, os investigadores o colocaram nos olhos de cobaias geneticamente selecionados para desenvolver esta degeneração da retina. 30 dias depois da cirurgia, os cientistas testaram a sensibilidade relativamente à luz, comparando o reflexo pupilar deste grupo com os de cobaias saudáveis e cobaias com a degeneração mas que não passaram pelo tratamento.

Os cientistas observaram que, com a baixa intensidade de 1 lux (o equivalente à luz da lua cheia), as cobaias tratadas não mostravam resultados muito melhores do que os ratos sem tratamento. No entanto, quando essa luminosidade aumentava para 4-5 lux (a luminosidade do crepúsculo) mostravam resultados semelhantes aos animais saudáveis.

Dez meses depois da cirurgia, o implante ainda se mostrou eficaz nas cobaias, mas todos os grupos (saudáveis, tratados e não tratados) apresentaram uma perda visual provocada pelo avanço da idade.

Ao usarem um aparelho de tomografia para controlar as atividades cerebrais durante os testes de sensibilidade à luz, os cientistas viram uma melhoria na atividade do córtex visual primário, responsável por processar a informação visual.

Com base nestes resultados, agora publicados na revista científica Nature, a equipe concluiu que o implante ativa diretamente os circuitos neuronais residuais da retina degenerada. Porém, ainda são necessárias novas investigações para perceber exatamente como é que esta estimulação funciona a nível biológico.

Por enquanto, não há garantias de que estes resultados vão se repetir em humanos, mas a equipe está otimista. “Esperamos replicar estes resultados excelentes em humanos”, afirmou a investigadora Grazia Pertile.

“Estamos planejando o primeiro teste em humanos para a segunda metade do ano e esperamos recolher resultados preliminares em 2018”, acrescentou.

// ZAP

COMPARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Perdi a visão do olho direito, descolamento de retina,.. agora o olho esquerdo tb está tendo o mesmo problema mas eu estou sempre fazendo o layse….. gostaria de me candidatar a cobaia….tenho medo da cegueira.

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Coronavírus poderia ser a 1ª de muitas outras pandemias futuras, adverte cientista

Apesar do registro de mais de um milhão de infectados à escala mundial, a doença poderia ser suplantada por patologias bem mais perigosas. Comparando com as doenças que poderiam reaparecer como resultado do aquecimento global, o …

Pesquisadores portugueses revelam que os neandertais foram pioneiros na exploração de recursos marinhos

Um novo estudo liderado por pesquisadores da Universidade de Lisboa (Portugal) descobriu que a familiaridade dos hominídeos com o mar e os seus recursos é muito mais antiga do que se pensava – ao que …

Filipinas: presidente Duterte diz que polícia deve matar quem perturbar confinamento

O presidente filipino, Rodrigo Duterte, disse que as forças de ordem podem abater qualquer pessoa que provoque “transtornos” nas regiões onde o confinamento da população foi decretado. As autoridades do país tentaram minimizar as declarações …

Evangélicos fazem coro com Bolsonaro e negam riscos do coronavírus

O presidente Jair Bolsonaro gosta de copiar o seu ídolo americano, Donald Trump – da suposta inofensividade do coronavírus até os poderes de cura de medicamentos como cloroquina e hidroxicloroquina, passando pela teoria da conspiração …

'Estamos em guerra': França confiscou 1 milhão de máscaras destinadas à Espanha e Itália

Os dois países se envolveram em uma disputa diplomática depois que parte das máscaras com destino a outros países vindas da China foram retidas em cidades francesas. As autoridades francesas apreenderam milhões de máscaras que uma …

Sobrevivente da 2ª Guerra e Gripe Espanhola se cura do coronavírus ao 104 anos

Depois da Segunda Guerra Mundial e da pandemia de gripe espanhola, a nova inimiga do soldado aposentado William ‘Bill’ Lapschies, nascido em Salem em 1916, foi a Covid-19 – e ele venceu a batalha! Aos 104 …

Quarentena em todo o mundo deixou a crosta terrestre mais "silenciosa"

As medidas de isolamento social adotadas para conter o novo coronavírus (SARS-CoV-2) estão deixando a Terra mais silenciosa - ao menos para os “ouvidos” sensíveis dos sismógrafos. É que as atividades humanas, tais como a circulação …

UE teme que política autoritária adotada na Hungria por causa do coronavírus tenha efeito dominó no bloco

Em nome da luta contra o novo coronavírus, a Hungria estabeleceu estado de emergência e concedeu poderes ilimitados ao governo de Viktor Orbán. A Europa condena o uso político da pandemia da Covid-19 e …

Grécia põe campo de refugiados em quarentena após infeção

Autoridades confirmam ao menos 20 infecções, todas sem sintomas. Exames foram feitos após uma mulher que deu à luz ter testado positivo para o novo coronavírus no hospital. A Grécia colocou em quarentena o campo de …

Bactérias em rochas a 6 km de profundidade no Pacífico reacendem esperanças de vida em Marte

Bactérias unicelulares recém-descobertas nas profundezas marinhas deram aos investigadores pistas sobre como podem encontrar vida em Marte. A novidade científica foi anunciada hoje (2) no portal SciTechDaily em um artigo da Universidade de Tóquio, Japão. Estas …