Cientistas estudaram a “aura” que envolve cada um de nós

Cada um de nós está envolvido por uma “nuvem invisível” ou “aura” povoada por produtos químicos, fungos, bactérias e outras coisas. Uma nova pesquisa oferece uma visão por dentro dessa nuvem.

“Temos medido coisas como a poluição do ar em uma ampla escala, mas nunca ninguém mediu essa exposição biológica e química em nível pessoal”, afirmou Michael Snyder, geneticista da Universidade de Stanford. “Ninguém realmente sabe quão vasta é a exposição humana ou que tipo de coisas estão lá”, acrescentou.

Para descobrir o que acontece nessa “aura” ou nessa ”nuvem” que nos cerca, Snyder e equipe projetaram um pequeno dispositivo, do tamanho de um baralho de cartas, para monitorar o ar. Ao longo de dois anos, 15 voluntários usaram esse dispositivo preso ao braço.

A pesquisa, publicada no dia 20 de setembro na revista Cell, serviu-se do dispositivo criado para aspirar o ar circundante na órbita do voluntário.

Tudo o que o dispositivo inalou – bactérias, vírus, substâncias químicas, fungos e todo outro tipo de partículas – foi extraído e o DNA e RNA das partículas foi sequenciado, quimicamente perfilado e catalogado em um banco de dados personalizado.

O próprio Michael Snyder amarrou o dispositivo durante dois anos para, no final da experiência, a equipe poder recolher a maior quantidade de dados possível. Passados dois anos, a equipe recolheu 70 bilhões de leituras.

“Reunimos dados isolados suficientes de bactérias, vírus e fungos, e para decodificar na totalidade as exposições ambientais, construímos um banco de dados de mais de 40 mil espécies”, afirmou Chao Jiang, um dos membros da equipe.

Segundo os dados recolhidos, os participantes voluntários do projeto passaram seu tempo em cerca de 50 locais diferentes na área de São Francisco e habitando o mesmo espaço por longos períodos de tempo, as assinaturas pessoais da exposição revelaram dados diferentes.

“Parece que, mesmo com deslocamentos muito curtos, temos perfis de exposição ou assinaturas muito diferentes”, contou Snyder, acrescentando que “todos nós temos nossa própria nuvem de microbiomas que vamos liberando”.

O que compõe a nuvem de cada pessoa é, naturalmente, variável, mas inclui um grande número de traços da própria nuvem microbiana, além de outros aspectos como fungos e partículas que passam do ambiente exterior – animais domésticos, produtos químicos, plantas entre outros.

Os pesquisadores reconhecerem que isso é apenas o começo de uma pesquisa e, no estudo, apenas três elementos usaram o dispositivo de maneira extensiva, criando um limite para a confiança dos resultados obtidos até o momento.

Contudo, a quantidade de dados expostos a partir dessa técnica mostra que há uma enorme quantidade de informação que podemos aprender com o estudo da nossa própria “nuvem”.

Os pesquisadores disseram ainda que, caso a tecnologia fosse mais acessível, o dispositivo poderia se tornar uma importante ferramenta de diagnóstico para a saúde.

“Queremos medir mais pessoas em ambientes mais diversos“, afirmou Snyder. “Queremos simplificar a tecnologia, idealmente ao ponto de qualquer pessoa poder medir suas próprias exposições – algo como um smartwatch detector de nuvens“.

Apesar de ser ainda cedo para a pesquisa retirar grandes conclusões, uma nova era de transformações na saúde poderia estar surgindo – um novo paradigma que, além de analisar os aspectos internos do corpo humano, estuda o aspecto mais exterior: a nuvem pessoal de cada um.

“Durante anos temos sequenciado os genomas das pessoas, testado o sangue e a urina, analisado os micróbios nos intestinos, tudo para entender como essas coisas afetam a saúde humana”, contou Snyder ao Wire.

“Mas tudo isso é relacionado com o que está no interior do corpo. A única grande coisa que não temos perguntado é: a que estamos expostos?”, acrescentou.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Que coisa ridícula comparar a AURA com fungos e bactérias, mesmo que com aspas… A aura (literalmente falando) de um ser humano é algo tão real quando o ar que respiramos, apesar de estar em outra dimensão. Como a ciência desse planeta é materialista!!

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Rede de trilhas de 18 mil km começa a ser construída no Brasil

O governo federal criou nesta sexta-feira (19) a Rede Nacional de Trilhas de Longo Curso e Conectividade (Rede Trilhas), formada por quatro grandes corredores interligando paisagens naturais no país por onde milhões de pessoas poderão …

Jornalista saudita teria sido desmembrado ainda vivo; durou sete minutos

Jamal Khashoggi, o jornalista saudita desaparecido desde 2 de outubro, teria sido torturado durante sete minutos e desmembrado ainda vivo no interior do consulado da Arábia Saudita, em Istambul, revela a imprensa turca. O jornal turco …

Candidatos têm propostas antagônicas para direitos humanos

Os candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) que disputam, no próximo dia 28, o segundo turno das eleições presidenciais deste ano, defendem diferentes pontos de vista sobre direitos humanos. Apesar de os dois citarem …

Eleita a 1ª deputada indígena do Brasil, Wapichana promete ser resistência

Combater as "ameaças" aos direitos dos povos indígenas será um dos principais desafios de Joênia Wapichana, a primeira mulher indígena na história a ser eleita para ocupar uma cadeira na Câmara dos Deputados. A adoção do …

Acessível e sustentável, parque suspenso em meio a Mata Atlântica é inaugurado em São Paulo

São Paulo e região metropolitana sofrem com a escassez de áreas verdes. O deficit acarreta na falta de opções de lazer e aumenta os efeitos da poluição. Por isso, é ótima a notícia de que São …

Com juristas, Haddad chama campanha anti-PT de “tentativa de fraude"

Na presença de vários juristas, o candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, chamou nesta quinta-feira (18) de “tentativa de fraude eleitoral” as denúncias publicadas sobre a suposta existência de um grupo de …

Por temer por sua segurança, Bolsonaro justifica ausência em debate

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, afirmou nesta quinta-feira (18), durante uma transmissão ao vivo nas redes sociais (live) que teme por sua segurança, daí a decisão de não participar de …

ALPHA-g: o primeiro detector de antigravidade

O ALPHA-g está pronto para fazer sua estreia: a máquina de 200 quilos foi criada para medir os efeitos de uma suposta “antigravidade”. Em uma luta contra o tempo, os cientistas se apressam para ligar o …

A Via Láctea pode estar enviando vida de estrela para estrela

Um novo estudo sugere que toda a Via Láctea pode estar emitindo os componentes necessários para a vida por todo o Universo através de meteoroides, asteroides, planetoides e outros objetos. Conhecida como a teoria Panspermia – …

Nova missão da NASA: Humanos vivendo nas nuvens de Vênus

Apesar de ser um planeta de temperaturas infernais, de atmosfera tóxica e pressões esmagadoras na superfície, a NASA trabalha em uma missão tripulada para Vênus – a High Altitude Venus Operational Concept (HAVOC). A NASA pretende …