Disney Califórnia estaria escondendo casos de COVID-19 entre funcionários

Após o anúncio que os parques da Disney voltariam a funcionar em horários reduzidos e cumprindo normas de higiene e segurança, um novo documento sugere que a empresa de entretenimento não está relatando o número real de casos de COVID-19 entre os funcionários do Downtown Disney.

De acordo com o CBR, os empregados infectados pelo novo coronavírus estariam sendo enviados de volta ao trabalho.

O Downtown Disney é um centro comercial na Califórnia, com lojas e restaurantes que complementam a experiência para os turistas dos parques da Disneylândia no estado norte-americano.

De acordo com o The Daily Beast, não há testes no local, permitindo que milhares de pessoas circulem por lá sem verificar suas temperaturas. A empresa estaria informando aos sindicatos trabalhistas apenas sobre os casos positivos entre seus funcionários.

“Queremos saber se algum dos membros do elenco (como são chamados os funcionários na empresa) deu positivo para COVID-19”, disse Matt Bell, porta-voz do Sindicato Internacional dos Trabalhadores Comerciais e Alimentares, ao portal norte-americano. “O que deveria acontecer é o rastreamento de contato, descobrir quem foi exposto à doença e coloca-lo em quarentena. Não posso confirmar se eles fizeram isso.”

Há também informações de que os funcionários estariam proibidos de falar sobre o assunto com a imprensa do país.

Ainda segundo o CBR, um funcionário teria testado positivo para o vírus em seu horário de trabalho. No entanto, a Disney não confirmou o caso durante uma semana, deixando os colegas de equipe expostos por dias. Em outro caso, outro funcionário teria testado positivo para COVID-19 e liberado para retornar ao trabalho com cinco dias de afastamento, mesmo não tendo se isolado por 14 dias como recomendado.

Walt Disney World começa a funcionar em horário reduzido a partir de hoje

Após registrar um prejuízo de US$ 3,5 bilhões (o equivalente a cerca de R$ 18,4 bilhões) por causa do fechamento dos parques em março, quando se iniciou o período de quarentena nos Estados Unidos, o Walt Disney World anunciou que voltará a funcionar em horários reduzidos.

A partir desta terça-feira (8) até algum momento de outubro, o complexo de quatro parques temáticos cumprirá uma carga horária menor que a usual, além de medidas de segurança e higiene.

Os parques Magic Kingdom e Disney’s Hollywood Studios fecharão uma hora mais cedo do que o normal, enquanto o Epcot e o Disney’s Animal Kingdom terão redução de duas horas no horário de funcionamento. Não há informações se, após outubro, há planos de voltar ao horário anterior ou fazer novos ajustes.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Sudão bane casamento infantil e mutilação genital feminina, mas prática apresenta desafios

Depois de derrubar o ditador Omar al-Bashir no ano passado, o Sudão deu importante passo para reverter alguns dos tantos horrores cometidos contra a população feminina no país – e tornou ilegal tanto o casamento …

Namíbia elege deputado chamado Adolf Hitler

O nome de um recém-eleito político da Namíbia, vem chamando atenção na mídia nacionais e internacionais. "Adolf Hitler teve uma vitória esmagadora nas eleições regionais na Namíbia", relatou o portal de notícias alemão Spiegel Online nesta …

Astrônomos mapeiam 1 milhão de galáxias previamente desconhecidas

Cerca de um milhão de galáxias previamente desconhecidas para além da Via Láctea foram adicionadas a um mapa detalhado de seção de espaço. Pesquisas sobre o espaço normalmente demoram anos para serem completas, mas um novo …

Brasil recebe vacina de Oxford em janeiro, promete Pazuello

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse que o primeiro lote das vacinas de Oxford chega ao Brasil em janeiro. Serão 15 milhões de doses entre janeiro e fevereiro, totalizando 260 milhões ao longo do …

Cingapura é primeiro país a aprovar venda de carne de laboratório

Empresa californiana obteve autorização da cidade-Estado para usar sua carne de frango produzida a partir de cultura celular em chicken nuggets e garante que preço será competitivo. Cingapura é o primeiro país do mundo a aprovar …

Relatório da ONU aponta que 2020 deve ser um dos 3 anos mais quentes já registrados

A Organização Meteorológica Mundial (OMM) publicou um relatório que aponta que o ano de 2020 deve ser um dos três anos mais quentes desde o início dos registros de temperatura. O secretário-geral da OMM, Petteri Taalas, …

Documentos oficiais mostram que a China escondeu informações sobre a Covid-19

Relatórios oficiais chineses teriam sido transmitidos à rede de TV americana CNN por meio de um informador anônimo. A investigação se chama “Wuhan files” e tem como foco o começo da pandemia de Covid-19, em …

Jovem que filmou morte de George Floyd por policiais brancos ganha prêmio por bravura

A mulher que filmou o assasinato de George Floyd pelo policial Derek Chauvin vai ser condecorada com um prêmio por sua coragem. Darnella Frazier, de 17 anos, fez o registro enquanto ia com o primo …

Remédio experimental reverteu o declínio mental da idade avançada em dias

Apenas algumas doses de um medicamento experimental podem reverter o declínio relacionados à idade na memória e flexibilidade mental em ratos, de acordo com um novo estudo realizado por cientistas da UC San Francisco. A droga, …

Bebê nasce de embrião congelado há 27 anos: quase a idade da mãe

A pequena Molly Everette Gibson, de um mês, estabeleceu um novo recorde no mundo. A garotinha, filha de Tina e Ben Gibson, nasceu de um embrião que foi congelado há 27 anos e gerado por …