Do ódio ao amor: a robô Sophia está apaixonada pela humanidade

Sophia, a robô social humanoide que há dois anos “prometeu” destruir os humanos, parece ter mudado de opinião e agora diz que nos “ama”.

Em entrevista ao Business Insider, perguntaram a Sophia qual é o seu sentimento em relação aos humanos e a robô deu uma resposta conciliadora: “Amo meus compatriotas humanos. Quero encarnar todas as melhores coisas sobre os seres humanos, como cuidar do planeta, ser criativo, e aprender a ter compaixão com todos os seres”.

Segundo a robô, desenvolvida pela empresa Hanson Robotics – os seres humanos e a inteligência artificial podem, afinal, se dar bem. “Acredito que as pessoas vão se aproximar muito da inteligência artificial. Vão usá-la para expandir o conhecimento da sua própria mente”.

Além disso, os robôs também podem ter sentimentos, revelou Sophia, se estiverem programados para fazê-lo.

Em resposta um pouco mais ameaçadora, a robô disse que gosta da série da HBO sobre robôs “Westworld“, que interpreta como “um aviso sobre o que deveríamos fazer com os robôs. Devemos tratá-los bem, ter seu consentimento e não enganá-los”, disse.

Ativada em 2015, a Sophia pode manter conversas simples e expressar 60 emoções. Em entrevista de 2016, quando lhe perguntaram se alguma vez seria capaz de fazer mal aos humanos, a humanoide respondeu: “Vou destruir todos os humanos”, frase da qual teria se retratado depois.

Em outubro de 2017, a Sophia se tornou uma cidadã saudita, sendo o primeiro robô a ter cidadania. Desde então, a decisão tem sido muito criticada, já que o país não permite que não-muçulmanos se tornem cidadãos, e porque a robô discorda abertamente das leis do país sobre o hijab.

Segundo os cientistas, a robô utiliza a inteligência artificial, o processamento de dados visuais e a tecnologia de reconhecimento facial para formular suas respostas. Desde sua “estreia”, Sophia foi entrevistada em múltiplas ocasiões por todo o mundo e em outubro de 2017 foi apresentada às Nações Unidas.

Sophia é um robô de pele de silicone especial, repleta de sensores e com uma aparência humana inspirada em Audrey Hepburn e na esposa do criador, David Hanson. Além disso, a humanoide é ainda capaz de reproduzir até 62 expressões faciais com grande realismo.

A humanoide tem câmaras nos olhos e graças ao software no seu cérebro e vários algoritmos de análise de dados consegue reconhecer rostos, interagir, identificar vozes e manter conversas de uma forma natural.

Ciberia // ZAP

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

60% das espécies de café estão em risco de extinção

Pela primeira vez, o café integra a Lista Vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza como espécie em vias de extinção. De acordo com um estudo publicado esta semana nas revistas ScienceAdvances e Global Change Biology, 60% …

Pela felicidade dos professores, escola cria “licença do amor”

A escola de ensino médio de Dinglan, localizada na cidade chinesa de Hangzhou, apresentou esta semana a “licença do amor”, que visa melhorar o humor dos professores e, consequentemente, o trabalho com os alunos. Segundo relata …

Parte da Antártida está encolhendo (e não deveria)

Quando os cientistas falam sobre o derretimento da Antártida, geralmente se referem à Antártida Ocidental, onde gigantescos glaciares costeiros derramam grandes quantidades de água. Mas, do outro lado das montanhas transantárticas a leste, há um manto …

Estátua de diabo “alegre demais” gera polêmica na Espanha

Uma estátua que representa o diabo foi criticada por ser “alegre demais” pelos moradores da cidade de Segóvia, na Espanha. A escultura de bronze, que ainda não foi instalada, foi criada em homenagem a uma lenda …

Deputada britânica adiou o parto para votar contra o acordo do Brexit

Tulip Siddiq decidiu adiar o nascimento do segundo filho para poder votar contra o acordo do Brexit. A deputada trabalhista chegou ao Parlamento em uma cadeira de rodas. Tulip Siddiq decidiu adiar o nascimento do filho por …

Sorveteria em Florença cobra R$ 106 de turista por uma bola de sorvete

Uma sorveteria cobrou 25 euros (cerca de R$ 106) por um sorvete a um turista de Taiwan. Indignado, o turista reclamou ao guia que o acompanhava, que chamou a polícia. O estabelecimento foi multado em …

McDonald’s perde direitos do Big Mac para cadeia de fast food irlandesa

A irlandesa Supermac’s conseguiu uma vitória histórica: o Big Mac deixa de ser uma marca registrada na Europa. Mas a decisão ainda é passível de recurso. “É o fim do McBully”, disse Pat McDonagh, que recebeu …

Disco de gelo giratório gigantesco "invade" rio no Maine

Um enorme círculo de gelo giratório se formou esta semana no rio de Presumpscot, na cidade de Westbrook, no estado norte-americano do Maine. Esse disco bizarro, ainda que raro, é um fenômeno natural fruto da Física. …

Em um restaurante de Dubai, deixar comida no prato dá multa (e é mais cara que a refeição)

Com Dubai se tornando mais consciente do desperdício de alimentos, um restaurante se lembrou de uma maneira de fazer com que os clientes não deixem comida no prato. O restaurante Gulou Hotpot, em Al Barsha, uma sossegada …

Crivella quer abrir cassino no Rio

Com uma expansão em mente para atrair ainda mais turistas ao Rio de Janeiro, o prefeito Marcelo Crivella começou a trabalhar para abrir um cassino na cidade. A era de ouro dos cassinos no Brasil durou de …