Empresário constrói centro para atender 600 idosos de graça

Um empresário de Sarandi, no Rio Grande do Sul (RS) construiu um Centro de Convivência para Idosos, com recursos próprios, para atender de graça 600 pessoas acima de 60 anos.

Maurício Gehlen inaugurou o centro no último dia 14 de abril em Paranavaí. O local terá atividades recreativas, educativas, oficinas e cursos de computação, culinária, artesanato, dança, mais sala de jogos, vôlei, ginástica, alongamento, pilates, musculação e hidroginástica.

Para as caminhadas, foi construída uma pista no entorno de um jardim japonês, com flores, árvores e folhagem tradicionais terá um lago com carpas.

Investimento

Para a obra física e a aquisição de equipamentos e mobiliário, o empresário investiu cerca de R$ 5 milhões. “O importante não é o que você investe, mas o retorno social deste investimento. Os nossos idosos querem ser valorizados, se sentirem úteis e se socializar”, disse o empresário ao Diário RS.

A inspiração veio de uma infância de dificuldades em 1968. “Eu nasci em Sarandi, mas ainda muito pequeno mudamos para uma cidade vizinha, chamada Chapada. Papai trabalhava como frentista num posto de gasolina. E chegamos praticamente a passar fome naquela época, quando eu tinha uns sete para oito anos”, conta o industrial.

“Só tinha um quarto. Dormíamos todos – meus pais, minha irmã e eu – no mesmo quarto. Entre os 11 e 14 anos, depois da escola ajudava papai, era engraxate à tarde e à noite ajudava no restaurante novamente. Depois, arrumei uma caixa de isopor e fui vender sorvetes”, conta.

Empresário

Formado em Química, logo passou a atuar em indústrias de processamento de mandioca. Em 1989 chegou a Paranavaí, sendo consultor de uma indústria, depois criou a própria empresa e finalmente achou um parceiro que aceitou investir numa fórmula de amido modificado de mandioca para pão de queijo.

O amido permitia a produção de pão de queijo sem necessidade de escaldar a massa. O produto não existia no mercado. Hoje, a empresa Podium Alimentos é a líder nacional do setor, dominando 25% dele.

Em 2013, fez uma viagem ao Japão, quando conheceu entidades de atenção ao idoso.

Ficou apaixonado pela ideia e criou o Instituto Maurício Gehlen (IMG), um centro para idosos. “É até uma forma de homenagear meus pais, que morreram em 2004, num acidente de carro. É uma forma de expressar minha gratidão a eles. Como os perdi e não posso dar atenção a eles, que partiram cedo, farei isto com outros idosos”, diz.

Centro de Convivência

Pra funcionar, o Centro de Convivência, assim como uma empresa, terá metas. “Mas é uma meta intangível. É dar qualidade e prolongar a vida dos assistidos”, diz ele, acrescentando que o CCI terá uma gestão empresarial.

Ele dá dois exemplos: para circular no centro todos deverão usar crachás, como nas empresas e 42 câmeras vão monitorar o centro. “Se uma família nos ligar ou vier pessoalmente e precisar falar com um idoso que está aqui, rapidamente vamos encontrá-lo. Temos que dar respostas rápidas às demandas como numa empresa”, diz ele.

Para Maurício, o CCI é “um sonho realizado. É uma sensação de poder manifestar gratidão pelo que a vida me deu. Me dá prazer dizer que é mais uma missão cumprida”.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO:

Greta Thunberg é eleita Pessoa do Ano pela "Time"

Revista dedica capa à jovem adolescente sueca por liderar a maior manifestação pelo clima na história da humanidade e diz que mudanças significativas raramente ocorrem sem a força mobilizadora de indivíduos influentes. A ativista sueca Greta …

Companhia aérea adota copos comestíveis para substituir descartáveis

A redução do uso de plástico como medida de combate à poluição é necessidade urgente e, ainda que cada um de nós seja parte desse destrutivo consumo, é sabido que a diferença se dá de …

Senado votará pacote anticrime nesta quarta-feira, diz Alcolumbre

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), disse que vai pautar para esta quarta-feira (11) a votação do pacote anticrime. O projeto foi aprovado na semana passada pela Câmara dos Deputados e passou nesta terça-feira (10) …

Vacina contra gastroenterite pode ser eficaz contra câncer, mostra pesquisa

O estudo, realizado por um grupo de cientistas franceses do Centro de Pesquisa em Cancerologia de Lyon, mostrou que a vacina usada para prevenir a gastroenterite em crianças pode provocar a morte de células cancerígenas …

Famosa na internet, a falecida gata Lil Bub terá suas cinzas enviadas ao espaço

Visitar pessoalmente o espaço sideral é uma oportunidade que pouquíssimas pessoas têm em vida, mas enviar suas cinzas ao espaço pode se tornar uma nova forma de passar a eternidade entre as estrelas. E, assim …

Câmara dos EUA formaliza acusações contra Trump

Democratas dizem ter provas suficientes para acusar o presidente americano de abuso de poder e obstrução do Congresso. Votação sobre o impeachment no plenário da Câmara deve ocorrer na próxima semana. Congressistas democratas na Câmara dos …

Cientistas criam pele artificial que é flexível se cura como a de verdade

Cientistas da Universidade Nacional da Austrália criaram um hidrogel que funciona como a pele de verdade, com a mesma força e durabilidade. “Com a química especial que desenvolvemos no hidrogel, ele pode se reparar após ser …

Putin e Zelenski anunciam cessar-fogo na Ucrânia

Em cúpula em Paris, presidentes concordam em retomar processo de paz e prometem troca de todos os prisioneiros até o fim deste ano. Apesar de avanços, divergências sobre eleições em regiões separatistas permanecem. Os presidentes ucraniano, …

Aung San Suu Kyi vai defender Mianmar na ONU de acusações de genocídio

A prêmio Nobel da Paz defenderá seu país das acusações de genocídio da minoria muçulmana rohingya no tribunal internacional da ONU, em Haia. A Corte Penal Internacional (CPI) autorizou em novembro que Mianmar, antiga Birmânia, seja …

Em meio a "emergência climática", UE aposta em Acordo Verde

Com a UE prestes a fracassar em suas metas de redução de CO2 até 2030, todos os olhos se voltam para os planos de longo prazo da Comissão Europeia para combater a mudança climática. A nova …